Fórum destinado a divulgação e composição do RPG - Naruto ''Shinobi no Sho'' - Sistema D8
 
InícioPortalFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Menu
CSS MenuMaker
Últimos assuntos
» Episódio 49 | A Reunião
Dom 06 Ago 2017, 19:15 por Fësant

» Dúvidas do Sistema
Ter 01 Ago 2017, 11:33 por Fësant

» Episódio 46 | Ou Himitsu?
Seg 26 Jun 2017, 02:57 por Fësant

» Episódio 48 | Encontros Esperados
Sab 24 Jun 2017, 18:09 por Inozaki

» Episódio 47 | De volta a Konoha
Seg 12 Jun 2017, 14:46 por Fësant

» Episódio 45 | Shu
Seg 12 Jun 2017, 14:19 por Fësant

» Episódio 44 | A Aliança
Seg 12 Jun 2017, 14:11 por Fësant

» Episódio 43 | O Espião e o Outro Lado
Seg 12 Jun 2017, 11:47 por Fësant

Parceiros

Licença
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Compartilhe | 
 

 Episódio 01 | Reerguer

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1667
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Episódio 01 | Reerguer   Dom 15 Abr 2012, 22:48




Vila Oculta da Folha, 18º Ano do Pôs-Guerra, 1º dia do Inverno, Manhã.

É chegado o primeiro dia do inverno nipônico. Contudo, o frio que serrava as manhãs em céus nublados já era sentido desde uma semana atrás, no final do outono. Naquele dia, praticamente não havia mais casos graves de feridos remanescentes da invasão de Konoha pelo Deus Zero, e a calmaria já era sentida pelos moradores e shinobis, que amanheciam preguiçosos, tomando bebidas quentes para espantar o fastio e recomeçar em mais um dia de trabalho.

No centro-norte da vila, a única construção original que se manteve de pé recebia passos calmos no interior, em suas escadas. Um Uchiha loiro e de olhos azuis, seguido pelo Shinobi de face semicoberta, seu braço direito, avançavam para enfrentar as três feras anciãs que, em companhia do Hokage, guardam o destino da Vila Oculta da Folha.

Uchiha Yusuke abre a porta do salão de reuniões, e Raiyate Ichiro logo a fecha após também entrar. Sentados à mesa, dois senhores de idade avançada e uma senhora de mesma aparência já o aguardavam, sérios, como sempre. Depois dos cumprimentos do costume e da educação, todos se encontram sentados para o início da reunião. Masako, a única mulher do local, logo se prontifica a falar.

— Se vamos discutir as novas ações de Konoha frente a esse último ataque, Garoto Uchiha, por que o irmão de Myuura está aqui?

— Raiyate Ichiro, como você bem lembra seu nome, Masako-sama, é o shinobi mais qualificado a nos acompanhar nessa reunião. Ele fez uma investigação densa a respeito dos Doze Deuses, e os dados que o mesmo possui vão influenciar muito nas decisões a serem tomadas aqui. — rebateu Yusuke, quase de imediato.

— Esse menino passou três anos longe de Konoha, foi dado como morto, volta agora, e você quer que realmente acreditemos que ele estava investigando os Doze? Não queira brincar com esses longos anos de vivência que carregamos no corpo, Yusuke. — principiou Susumu, ou outro ancião — Nós vimos o poder do Deus Zero, e sinceramente acho difícil que somente Ichiro tenha escapado da luta que resultou na morte de Kurama Myuura, nosso Shodaime. Nunca confiei neste garoto, e também nunca acreditei fosse realmente irmão de Myuura. Ambos possuíam a mesma Kekkei Genkai, mas isso não prova absolutamente nada, a não ser que eram do mesmo Clã da Vila Oculta da Nuvem. Quem nos garante que a morte de Myuura não estava nos planos desse desertor?

Ao lado de Yusuke, Ichiro cerrava os punhos com força, esforçando-se para manter-se calado e suportar as calúnias ditas pelo ancião, que de fato realmente nunca gostara dele. E quando ameaçou dizer algo, o Nidaime de pronto o evitou, passando a falar.

— Ichiro passou esses três anos sob minha ordem direta, Susumu-sama. Como foi dado como morto, usei isto para facilitar as ações dele durante as investigações. Ichiro nunca deixou de cumprir uma ordem minha sequer, e está sob minha tutela, assim como esteve sob a tutela de meu saudoso amigo Myuura. Considerava-o um irmão, e sendo Ichiro irmão dele, também será para mim. Não há motivos para discutir sobre seu aparente desaparecimento, e tampouco para cogitar ter ele alguma responsabilidade sobre a morte do Shodaime. O Deus Zero foi o único culpado. Então, vamos encerrar esse assunto e falar sobre o real objetivo dessa reunião. Ichiro, pode começar.

— Obrigado, Nidaime-sama. — agradeceu o jounin, respirando fundo para recuperar a calma antes de iniciar — Em minhas investigações, descobri um certo padrão nas ações dos Doze Deuses, e provavelmente também descobri um dos seus objetivos. Primeiramente, descobri que eles possuem pelo menos um foco de atuação em cada uma das cinco grandes nações, ou seja, pelo menos um esconderijo em cada país. No País do Fogo, estimo que sejam três, dos quais suponho já saber a localização. Entretanto, eu não pude fazer nada de mais arriscado, já que estava sozinho e certamente seria descoberto e morto.

— Minha sugestão, senhores Anciãos — falou então Yusuke — é pensar combater os Doze Deuses de duas formas. A primeira é eliminar a interferências deles em nosso país, infiltrando e destruindo esses prováveis três esconderijos. Para isso, penso em enviar três grupos de shinobis especificamente qualificados para essa missão. Um deles, aliás, será comandado por Ichiro, e o outro será justamente o Time Hikari. O terceiro eu ainda irei definir. A segunda é nos comunicarmos com as demais vilas shinobis, para alerta-las sobre os Doze Deuses e sugerir que façam o mesmo, até porque, pelo objeto que eles possuem certamente elas também serão atacadas, mais cedo ou mais tarde.

— E afinal, qual esse “misterioso objetivo” dessa organização de nukenins? — indagou Naoto, o terceiro ancião, que até agora tinha se mantido em silêncio.

Ichiro então espera alguns segundos, para ter certeza que todos estão prestando atenção em suas palavras antes de relevar a informação.


(Três horas depois...)


Uma cabana dentre as várias outras que se achavam espalhadas no grande vão que um dia foi Konoha. Em seu interior, duas camas vazias, uma lâmpada defeituosa para iluminar o ambiente, já que nenhuma luz natural passava por entre os panos, e três shinobis. Dois deles nunca tinham se visto na vida, a não ser por entre o vai e vem de ninjas. Já o terceiro tinha seu nome largamente conhecido, embora nunca tenha sido apresentado aos outros dois. Depois de alguns poucos instantes de silêncio, um deles quebra o clima, finalmente propagando sua voz.

— Hiro e Kawatta. Prazer em conhecê-los. Sou Raiyate Ichiro, Jounin de Konoha.


############# Abertura 1ª Temporada #############


##########################################


Kawatta, ou melhor, Umarekawatta, é um jovem shinobi de 15 anos do clã Muhura. Olhos azuis, cabelos curtos e caracteristicamente brancos. Kawatta sempre trajava um colete jounin, calças pretas, e normalmente uma bandana na esta, o que não ocorria faz alguns dias.

O clã Muhura é conhecido no País do Fogo como os melhores no quesito fuuinjutsu, e provavelmente os criadores de, se não todas, grande maioria das técnicas de selamento conhecidas. O clã Muhura é originário da Vila Oculta do Vulcão, chegou em Konoha faz pouco tempo, e ainda não está totalmente integrado à vila. O caso de Kawatta é ainda mais especial, pois este faz parte da facção do clã que permaneceu em Kazan’gakure, porém fugiu para Konoha depois do início da guerra entre essas duas vilas. Kawatta sequer havia sido reconhecido oficialmente como shinobi da Folha, no entanto foi convocado por aquele jounin para uma conversa sigilosa, juntamente com Hiro, que lhe é desconhecido.

Este trazia sua aparência oculta por roupas brancas, um grande jaleco de mesma cor, com capuz, luvas, e uma máscara. Somente o par de olhos verdes podia ser identificado naquele shinobi. Hiro passou toda a infância escondido em um vilarejo aos arredores de Konoha, devido à sua incomum Kekkei Genkai. Depois, foi graduado Genin e treinado pelo próprio Hokage, realizando sempre missões secretas que o deixavam longe da vila. Naquele fim de manhã, ele somente auxiliava com suas capacidades médicas, como havia fazendo desde a invasão, quando foi também convocado por Raiyate Ichiro, que acabara de se apresentar.


Última edição por Fësant em Sex 09 Nov 2012, 11:04, editado 5 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Muhura Umarekawatta
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 21/12/2010

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Seg 16 Abr 2012, 00:52

Umarekawatta sentia-se deslocado ali, frente a um Jounin experiente e que tinha seu nome conhecido, e a frente de um habitante e possível nascente em Konoha’gakure no Sato. Noites atrás, ainda quando estava em recuperação começou a caminhar pelos destroços que agora iam se erguendo em uma nova Vila, pensou mentalmente consigo mesmo que poderia haver uma expansão de Konoha, aproveitando-se assim deste terrível desastre, não tinha pena das pessoas que estavam em beira a miséria, sabia que seus compatriotas estariam na mesma situação, não que se importasse com isso, o que lhe era importante havia se perdido na Guerra,não,não culpava Konoha, sabia que as coisas no Mundo Shinobi caminhavam assim mesmo, uma hora de mão dadas, outra de armas em punhos. O Muhura pensava nisto enquanto via o Jounin apresentar-se, o analisou, de cima em baixo, era imponente, em certa parte, pelo estado físico e sua expressão conseguia perceber que por anos combatia em nome de alguma honra, pedido ou de sua vila, isso lhe apazigou, se fosse ser integrado realmente ao escalão de Shinobis de Konoha, que fosse por alguém que lhe parecesse honroso. Esperou alguns segundos para que tomasse nota da situação, estava ali, ao lado de um possível Médico-Nin, possivelmente alguém que estava acostumado com Konoha, bem diferente do Muhura.

Prazer, Muhura Umarekawatta, mas, podem chamar-me de Kawatta. Sou um ex- Jounin da Vila do Vulcão.

O tom foi calmo, e prudente, típico daqueles que falam com seus supervisores sobre ordens ditadas pelos mesmo, não conhecia os laços entre os Shinobis de Konoha, para ele, laços de amizade ou amor eram feitos fora do trabalho, bem longe de qualquer Kunai ou Shuriken, tanto, que nem mesmo chegava a tremular ao imaginar a morte de seus antigos companheiros de time e seu ex-sensei, sabia que todo Shinobi corria riscos e morrer fazia parte do jogo, infelizmente, para Umarekawatta dois de seus laços haviam se tornados Shinobis e o outro havia falecido em uma fatalidade, bem, agora não era um momento para acalantar suas dores com pensamentos tristes, as coisas rodopiaram em sua vida, devia aceitá-las, assumir seus erros e comemorar os acertos.

Fiquei um tanto quanto surpreso pelo convite, creio que devido o meio reservado, e por chamar de dois Shinobis tão adversos em si, creio que seja algum tipo de Missão especial, estou correto? Bem, o Clã Muhura e junto dele, eu, ficaríamos felizes em ajudá-lo, se for o que deseja.

O tom era totalmente politizado, sabia falar como um político, apesar de não ter grandes perícias, por fim calou-se,em nenhum momento a expressão de calmaria lhe falhou, devia ser assim, afinal, não tinha porque em se sentir feliz em ajudar Konoha, tão pouco triste, apenas devia se sentir animado por ser útil. Por fim, o silêncio instalou-se novamente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Inozaki
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 365
Data de inscrição : 21/11/2009
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Ter 17 Abr 2012, 18:48

Aquela região, de fato, não se assemelhava em nada ao que um dia fora Konoha. Entretanto, se acomodar em uma cabana daquelas, principalmente para aquele previamente apresentado como Hiro, mostrou-se uma tarefa fácil. Sua vontade em dar prosseguimento à conversa, finalmente o levou a agir. Num tom de voz não tão sério quanto os demais, o shinobi mascarado seguiu os mesmos procedimentos realizados pelos restantes ali: — Sou Hiro, um atual Jounin de Konoha. — Sua voz saiu de maneira leve, calma e bastante tranquila.

Apesar de seus vestes brancos e de sua aparência oculta por uma máscara e um tanto mais, o ninja médico mostrou-se ser menos centrado e confortável em excesso para a situação que ali se passava. — Missão Especial? Se acalme, Kawatta, você não devia ser tão apressado. Minhas habilidades médicas não ajudam nesse tipo de situação ansiosa, haha. — Hiro já estava começando a se sentir confortável naquele humilde local, sentindo-se apto a brincar com o seu colega desconhecido. O fato de te-lo chamado de forma íntima e realizado piadas um tanto inadequadas para o momento, mostraram isso.

Como ato de conclusão, o shinobi mascarado decidiu dar continuidade à conversa, permitindo que Ichiro pudesse finalmente dar início às desejadas explicações: — Por favor, prossiga, Ichiro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1667
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Ter 17 Abr 2012, 20:22

Ichiro demonstra satisfação em seus olhos. Provavelmente imaginava o quão acertada foi a decisão do Hokage ao escolher justo aqueles dois para aquela missão. — Bem, mas antes de começar a falar, deixe-me “selar” este lugar. Trata-se de uma missão um tanto secreta e quero evitar possíveis bisbilhoteiros — dito isso, o Jounin fecha os olhos e realiza alguns selos. Visualmente, nada ocorreu, contudo, tanto Hiro quanto Kawatta notaram que o som do ambiente externo à cabana cessou, restando somente o silêncio. Ichiro, reabrindo os olhos, volta a falar.

— Feito. Vamos então ao assunto da convocação. Como sabem, Konoha foi invadida pelo Deus Zero, um dos Doze Deuses, uma organização de nunkenins cujos propósitos ainda não foram totalmente descobertos por nós. Entretanto, eu investiguei e consegui detectar três possíveis esconderijos desse grupo criminoso. Nossa missão é infiltrar em um deles, coletar informações e se possível destruí-lo. Como a invasão foi há pouco tempo, é provável que eles não estejam esperando uma investida de Konoha tão cedo, então cremos estar na vantagem nesse ponto. Outros dois grupos de shinobis serão convocados para executar essa mesma missão nos outros dois lugares.

O Jounin então faz uma pequena pausa, para ter certeza de que ambos os ouvintes haviam assimilado as informações. Logo em seguida, prosseguiu, no mesmo tom sério.

— Vocês dois foram escolhidos por dois motivos. O primeiro é especificamente relacionado às suas habilidades: Kawatta por ser bom em infiltrações e coleta de dados, e Hiro por ser o ninja médico que possuímos que melhor consegue unir capacidade furtiva e combate. O segundo diz respeito ao fato de ambos terem rostos pouco conhecidos pelos inimigos, incluindo também habilidades, o que pode nos dar alguma vantagem em eventual combate. Nós partiremos em duas horas, e serão quatro horas de viagem. Devemos chegar ao local no anoitecer, que é um período bom para missões do tipo. Dúvidas?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Muhura Umarekawatta
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 21/12/2010

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Ter 17 Abr 2012, 21:06

O Shinobi apenas olhou ao outro, o tal Médico-Nin, não o repudiava e tão pouco tinha alguma misantropia pelo mesmo, apenas não o conhecia, e por isso apenas assentiu para o mesmo, tentando não parecer deseducado para com o mesmo. Calou-se para ouvir as explicações do outro Jounin, que confirmavam suas suspeitas. Suspirou pesadamente.

— Não tenho dúvidas. Estou pronto para partir.

O Muhura levou a mão à mochila que sempre carregava consigo, era apenas lá onde guardava seus pergaminhos, os contou mentalmente, passando os dedos pela pequena cordinha na lateral, de diferentes tamanhos, indicando a diferença entre um pergaminho e outro, satisfez em ver que todas as invocações estavam ali, depois deixo os braços descerem em direção da bolsa na cintura que carregava consigo, diferente dos Shinobis Masculinos que normalmente usam uma bolsa de Kunais e só, os Muhura optam por usar na cintura, a onde podem levar as Kunais e Shurikens e ainda alguns adendos, no caso de Kawatta ele levava também os Pergaminhos de Selos, os contou e por fim voltou a posição que estava, havia verificado todo seu material Shinobi e garantiu-se de não dar falta de nenhum.

— Creio que esteja pronto. Foi um prazer conhecê-los e aposto que será o mesmo compartilhar de vossas companhias em uma missão, mesmo que seja está tão complicada e em um momento tão desconfortável.

O tom era novamente politizado, afinal ele não se importava realmente com os moradores de Konoha, tão pouco com seus ninjas, estava ali por uma conseqüência do destino, não poderia dizer que ali era seu lar, ao menos não ainda.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Inozaki
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 365
Data de inscrição : 21/11/2009
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Ter 17 Abr 2012, 21:26

Apesar do costume de Hiro em participar de missões secretas, esta era uma situação nova a se considerar. Embora a importância notória da missão em questão, o ninja médico não deixou se abalar e, ainda que surpreso com o pedido, não havia como notar qualquer reação emocional por detrás daquela intimidadora máscara.

A mão do shinobi vagou pelos seus bolsos, confirmando a posse de todos os seus pertences; enquanto que a sua quietude permitia ao seu par de olhos esverdeados analisar o rosto desconhecido que o iria acompanhar naquela missão. Uma vez tendo tudo que necessitava certificado, se considerou pronto e apto a iniciar mais uma tarefa para o vilarejo da Folha.

— Estou pronto. — Disse, mais uma vez, com aquela tão leve e calma voz; enquanto direcionava seu olhar para Ichiro, confirmando a sua confiança em sua decisão.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1667
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Qua 18 Abr 2012, 00:00

— Ótimo! — O jounin balança a cabeça afirmativamente, visivelmente satisfeito — Como também já estou com meus pertences, partiremos agora mesmo. — Ichiro então realiza mais um selo de mão, e novamente o som do ambiente externo pôde ser ouvido pelos que ocupavam a cabana. — Vamos então.

(...)


Última edição por Fësant em Qua 18 Abr 2012, 00:44, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sanada Genji
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 778
Data de inscrição : 02/08/2009
Localização : Konohagakure no Sato

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Qua 18 Abr 2012, 00:27

... Enquanto isso em algumas das tendas médicas...


... Namito estava de kimono e bem longe de atuar em qualquer outra área. Fora solicitado ao mesmo que ficasse na Área Médica, afinal, queriam o afastar de certo de toda a estratégia que estava sendo criado por seu Sensei, Rayate Ichiro...

... Realmente Namito não estava bem, a dias, podia sentir o peso do combate e de ser um verdadeiro Shinobi em suas costas... -- Ahhhhhh pronto consegui! - levando para o medico um balde com panos mornos. Ao ver o medico tratar o paciente, o mesmo começa a se retirar pois o horario de almoço havia chego -- Hummm preciso comer... - ... Ao se retirar do local, Namito pode ver a movimentação dos engenheiros por todo o local, estavam atipicamente acelerados, pois precisavam reerguer a estrutura de Konoha o mais rapido, e nessa questão o jovem Chuunin nada poderia fazer... Ele percebe uma certa quantidade de shinobis, que passam por ele e o encaram de diversas, formas, alguns obviamente felizes, enquanto outros tambem o olhavam com certo medo e decepção...


... O mesmo se vira e sai caminhando para o meio da floresta "-- Daikyuu... Kun... -" enquanto adentrava o local, para apenas sair um pouco dali, sentia um aperto no peito... Se aproximava de uma arvore e apoiava com a mão, ficando ofegante tamanha sensação ruim, queria por para fora, mas ele não podia... -- Eu... - ele bate devagar a testa -- Eu... - bate novamente, lentamente -- Eu não... - então ele bate uma terceira vez, mas a quarta entretanto, sua expressão se fecha e o mesmo disparar uma cabeçada no tronco, que com a força trinca a arvorem fazendo com que todos os pássaros próximos voassem do local...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1667
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Qua 18 Abr 2012, 00:39

(...)
De volta à missão do novo Time Ichiro, o trio viaja em velocidade, correndo por entre as partes mais densas da floresta do País de Fogo, a fim de que não fossem facilmente vistos por eventuais viajantes, sejam civis ou shinobis. Conforme o sol da tarde ia começando a se despedir, Ichiro anunciava que o destino estava próximo, e que todos deveriam se manter mais em alerta a partida daquele momento.

Minutos depois, o líder da missão faz sinal para que todos parassem. Depois, andando com máximo cuidado, foi seguido da mesma forma pelos demais por mais alguns passos, até que uma construção antiga lhes foi relevada por entre as árvores. Era a entrada de alguma espécie de templo abandonado, tão abandonado que foi totalmente coberto pelas árvores de troncos robustos que cresceram ao redor, deixando somente a escura entrada à vista. Era fim de tarde, e os raios de sol ainda demorariam alguns bons minutos antes de deixarem a floreta na mais completa obscuridade.



— É este o local. Kawatta, haveria como você fiscalizar os arredores antes de entrarmos? Enquanto você faz a busca, é o tempo que esperamos anoitecer — disse Ichiro, em tom baixo, reforçando a ideia de cuidado da missão.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Muhura Umarekawatta
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 21/12/2010

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Qua 18 Abr 2012, 04:04

Logo os Shinobis partiram em direção do caminho a qual Umarekawatta sequer fazia idéia, não era logicamente sábio ir logo de cara, sem pensar, podia ser tudo uma emboscada poderia ser levado a algum canto e alguém tentar tirar informações do Clã Muhura, mas não era hora de questionar tais coisas, foi enviado ali pelo próprio líder do Clã Muhura que resida agora em Konoha, e seguir as ordens daquele Jounin era o que podia fazer. Logo os três seguiram seu caminho, as estruturas que logo seriam construções foram deixadas para trás, dando lugar ao arvoredo que circundava Konoha e boa parte do País do Fogo, os Kawatta estava acostumado a saltar de árvore em árvore, até arriscava alguns malabarismo para escapar de possíveis encontros com o tronco de uma árvore, claro, o Jounin parecia bem mais eficaz e precisos em seus movimentos enquanto o outro remetia-se a movimentos parecidos como um felino. Apesar de todos ali terem se apresentados como tal, como Jounins, a verdade era que Umarekawatta era um Jounin Especial, um Chunnin especialista em algo, e no caso dele era reconhecimento da área, normalmente ia antes de todos, reconhecer a área e encontrar meios para infiltrar-se era sua especialidade. Logo o cenário mudou, lembrando um Templo a muito a abandonado, o suficiente para que raízes se estende-se sobre a entrada. Ouviu a ordem do Sensei e o fintou, analisando como ele poderia saber dessa habilidade, provavelmente teria conhecimento dos Muhura ou fizera suas pesquisas, deixando isso de lado confirmou com a cabeça, em um aceno positivo. Logo levou a mão a mochila das costas a puxando levemente de lado para conseguir alcançar, estendeu-os no chão e ficou claro para os dois ali duas palavras a primeira, no pergaminho da direita escrito “Namino” e no outro “Ga”. Fez uma sequência de ins diferente das utilizadas para Kuchyose.

— Kuchyose – Namino!

O som proferido foi em um tom tão baixo que pareceu apenas um sussurro para os outros dois, logo a fumaça levantou e enquanto ainda estava se dispersando no ar novamente os Ins foram feitos, desta vez mais rápidos e precisos, e novamente a voz em tom baixíssimo ecoou.

— Kuchyose – Ga!

Enquanto as fumaças iam se dispersando lentamente o Muhura ergueu-se, parando no lugar que estava, quando tudo desapareceu os dois viram no centro do pergaminho, exatamente no centro haviam dois animais, uma mariposa e um rato, ambos extremamente comuns, Kawatta abaixou-se até chegar com o rosto próximo à eles, direcionou o lugar para o rato e sorriu.

— Namino. Que bom revê-lo, preciso de sua ajuda, bem,eu preciso que você entre lá naquela lugar, está vendo? Mas você deve ter muito cuidado, se sentir qualquer coisa lhe machucando retorne imediatamente. Ah sim! Junto de você vai estar a Ga. Sua missão é. Ir à frente, verificando as entradas e fazendo um ruído extremamente abaixo, um ruído de rato, se ver pessoas aja naturalmente. — O rapaz fez um pequeno carinho sobre a cabeça do rato e sorriu para o mesmo, depois se virou para a mariposa, ainda sorrindo, bem diferente da cara séria que se mantinha nas missões. Antes de falar qualquer coisa para com o outro animal o Muhura retirou uma de suas Kunais e deu um pequeno pingo de sangue sobre a pelugem do rato, imperceptível pela cor dele — Sua missão Ga, é adentrar em torno de 1 minuto após o Namino, e usará de suas habilidades especiais para verificar a área, Namino está com o cheiro de meu sangue, ele vai ir na frente, explorando toda a área e você fará um mapa de lá de dentro, também quero que consiga sentir os diferentes cheiros de outras pessoas, caso tenha, com isso faremos um mapa exato do local, seguindo o cheiro de Namino e usando suas habilidades. Bem, resumindo, faremos um mapa exato do local, e da possível localização dos inimigos, ah sim, Namino, caso seja capaz de encontrar armadilhas sem ativá-las seria ótimo. Sei que peço de mais, mas... Boa sorte. Vocês tem uma hora, se sentirem perigo ou terminarem antes, desapareçam.

O Jounin fechou os pergaminhos e voltou a ficar de pé,lógico que nem todas as palavras foram assimiladas pelos animais, na verdade, lês entederam algo como “O Rato vai na frente, ele vasculhará tudo lá dentro, se sentir-se ameaçado desaparecerá. Lembrando de apenas seguir por caminhos que humanos possam vir a seguir sem grandes problemas" Já a Mariposa entendeu algo parecido com "Rastreará o rato pelo cheiro e os locais onde ele passou, identificando também outros cheiros humanos.”. Logo os animais seguiram suas ordens, Namino foi à frente e logo depois a Ga o seguiu, o Muhura recolheu os pergaminhos, os dobrando e voltou-se para os dois Jounins, encostando-se no local onde eles estavam ainda ocultos.

— Lhes dei uma hora, é tempo suficiente para eles completarem, assim que essa hora passar abriremos o pergaminho e as informações estarão ali, ai podemos analisar e verificar as melhores maneiras de infiltração. O cheiro do rato servirá como um pequeno transmissor para a Mariposa que formará nosso Mapa.


Por fim, ele calou-se e esperar era o que lhe restava.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Inozaki
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 365
Data de inscrição : 21/11/2009
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Qua 18 Abr 2012, 12:09

Fazer parte daquela misteriosa missão pareceu se tornar cada vez mais interessante com o seu decorrer. Não por uma questão de importância, mas por envolver, mesmo que indiretamente, aqueles responsáveis pela invasão de Konoha. Uma sensação de poder alterar algo, fazer a diferença; se não fosse o fato de sua aparência se encontrar totalmente oculta, de fato os demais ali notariam a sua emoção em participar daquilo.

Eis que, ao reparar na realização de selos do seu colega, o shinobi médico decidiu que deveria fazer a sua parte. Infelizmente, suas habilidades se limitavam somente à parte prática e, por isso, o seu único modo de preparo mostrou-se ser individual.

— Seisei Seishin (Purificação Mental). — Prosseguiu, com a realização rápida de alguns selos. Conforme as suas palavras foram ditas, o chakra em seu interior começou circular, havendo concentração deste na região da testa, mais precisamente no cérebro. Dali pra frente, podia se afirmar que em parte, estava preparado. Afinal, embora com a misteriosidade desta técnica e o uso com tanta antecedência, não se mostraram problema para Hiro que, confiante, permaneceu analisando o local com os seus olhos esverdeados, a única parte não coberta de seu corpo, e também a única que seus colegas conheciam.

Assim, o homem-felino se manteu imóvel, somente aguardando que a sua hora de agir chegasse. Esperava também a resposta das invocações de Kawatta, para que um plano fosse determinado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1667
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Qua 18 Abr 2012, 23:36

Demoram-se somente 30 minutos. Nada além disso foi necessário aos dois animais para vasculhar todo o interior daquele templo. Assim que retornaram ao dono, foram resselados em seus respectivos pergaminhos, fornecendo ao Muhura as informações que obtiveram.

Ga, a mariposa, não identificou nenhum cheiro humano ou animal dentro do templo, que estava, portanto, aparentemente vazio. Já Namino, o pequeno rato, trouxe com sua volta um mapa dos cômodos que existiam no interior da velha construção.



Já era noite, e toda a floresta foi imersa pela escuridão, desafiada por tímidos feixes de luz do luar pleno que adentrava pelas frestas deixadas entre um galho e outro das robustas árvores.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Muhura Umarekawatta
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 21/12/2010

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Qui 19 Abr 2012, 00:21

O Muhura manteve-se calado durante os 30 minutos que se passaram, quando estes passaram segui aos pergaminhos para uma rápida verificação, o abriu, primeiramente o da Mariposa, colocando-o extendido no chão, ficou facilmente visível entre tantos Kanjis desconhecidos algumas palavras conhecidas, formando uma frase facilmente entendível para qualquer um dos outros Jounin. Olhou para o mesmo enquanto analisava as informações. Aproveitava-se também da luz do luar para poder analisar as palavras, isso também fez com que os outros dois, os outros Jounins conseguissem ver tais informações.

— Eles terminaram. Como podem ler no pergaminho referente à mariposa não há nenhum outro cheiro lá dentro, se há inimigos, ele não emite odor... Vou abrir o pergaminho do Namino para verificaro que há pelo caminho.

O fez, pegou o pergaminho referente ao rato e o abriu da mesma forma, usando também da luz para fazer as informações visíveis. O olhou analisando as informações, curiosamente o rato e a mariposa trabalharam em harmonia, criando um mapa com o possível caminho a se seguir lá dentro.

— Bem, Namino também nada encontrou além dos caminhos, se há inimigos, eles são extremamente cuidadosos de não aparecer nem mesmo na frente de um rato, também ele criou este mapa, pelo que me aparenta não há outras entradas e tão poucos outros níveis. Provavelmente não há inimigos, mas mesmo assim devemos tomar cuidado com armadilhas e Fuuins de ativação que tendem a proteger o local. Infelizmente minhas capacidades de percepção limitam-se a isso.

O Shinobi aguardou em paciência eles analisarem o mapa e também suas palavras, quando viu certa confiança no rosto de ambos juntou os pergaminhos os enrolando, já havia guardado por um todo as informações percebidas pelos animais, sua memória nunca lhe falhava, passou mentalmente o que viu de olhos fechados e por fim fechou os pergaminhos, voltando a selá-los com um simples in, agora as informações haviam se perdido e os animais foram retornados para seus devidos lugares, ergueu-se do chão, já que havia ajoelhado com uma das pernas e guardou os pergaminhos na pequena mochila.

— A guardo vossas ordens Ichiro-san. — O tom foi novamente polido, o momento de distração com seu Jutsu havia passado e toda a morbidez do Muhura havia voltado, tornando-o estranhamente misantrópico.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Inozaki
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 365
Data de inscrição : 21/11/2009
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Qui 19 Abr 2012, 11:14

30 longos minutos de espera. Hiro, ansioso, já não se conformava com o fato de ter que aguardar as informações de dois bichinhos. Foi quando, no chegar destes, percebeu que o trabalho realizado não fora de todo algo a se desejar, como pelo contrário. Os dados fornecidos por eles se mostraram o suficiente naquela situação, independente de existirem ou não inimigos detectados; afinal, qualquer que fosse a pessoa escondida lá, o homem-felino não deixaria de notar.

Impotente, como havia permanecido até então, Hiro disse as primeiras palavras em longo tempo de espera, ao analisar de perto o mapa feito do esconderijo: — Já é noite, temos que agir. Vou criar um Kage Bunshin e mandar ele na frente, por precaução. Qualquer que seja o inimigo ou armadilha, que o faça ser desfeito, será imediatamente informado a mim.

Foi quando o selo da técnica foi realizado e, logo ao lado de Hiro, um clone se originou. — Kage Bunshin no Jutsu. — Assim, ambos permaneceram em espera, aguardando qualquer que fosse a ordem de Ichiro. A ansiedade do ninja médico se tornava cada vez mais perceptível.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1667
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Qui 19 Abr 2012, 12:31

Assim como os demais, Ichiro também permaneceu os 30 minutos de espera calado. De fato, promover a socialização e interação entre o grupo em meio a uma missão delicada como aquela era difícil. Passado o tempo de espera, o Jounin observa Kawatta terminar de coletar as informações e passa-las para si e para Hiro. E antes mesmo que qualquer ordem fosse dada, o ninja médico já se prontificou a realizar uma segunda pesquisa, conjurando um clone das sombras.

— Que bom. Não sabia que podia usar o Kage Bunshin no Jutsu. Vou acatar sua sugestão: pode enviar o clone para vasculhar o interior do templo. Por ser uma cópia humana, a busca deve ser ainda mais rápida. Pode ir. Vamos aguardar mais um pouco.

E então o clone-médico avançou furtivamente, olhando para todo e qualquer lado, esgueirando-se pela sombra para não ser visto.

Por 10 minutos, os jounins esperaram.

Um “estalo” na mente de Hiro, assim como o retorno de seu chakra, indicaram ao mesmo que o clone havia se desfeito, não por destruição, mas sim porque o mesmo julgou mais válido cancelar a técnica do que retomar todo o caminho. Com o fim do jutsu, todas as visões e experiências da cópia foram passadas para o ninja de branco, e imediatamente passadas a Ichiro e Kawatta. Por ter adentrado o templo, o clone teve contato com sua estrutura interna, paredes, adornos antigos, estatuetas, e o principal: nenhum ser humano ou criatura, viva ou morta. Por questão de tempo, os demais detalhes do interior, sem importância, não precisavam ser passados.

— Ótimo. Vamos entrar. Chegando lá, vamos nos dividir para buscar qualquer coisa que possa se assemelhar a uma entrada secreta ou resquício de jutsu. Se este for mesmo um esconderijo, a “construção principal” ainda deve estar oculta, afinal os Doze não iriam deixar nada de muito evidente. Vamos! — disso Ichiro, em tom determinado.

Partindo em frente, Kawatta, Hiro e Ichiro entram no templo abandonado.

(...)

Finalmente, após todo o processo anterior de reconhecimento do campo inimigo, os três jounins adentram o templo abandonado. Passando pela escura entrada, os shinobis caminham por mais alguns metros até alcançar um longo corredor, este já iluminado pelo luar, posto que está com o teto quase que totalmente destruído. Logo à direita, há uma entrada para outro cômodo, do qual, de longe, é possível identificar algumas estatuetas antigas, com uma arquitetura que, de alguma forma, traz uma impressão religiosa. As paredes, como normalmente se espera, são todas de um concreto de fabricação antiga, e atualmente muito desgastado e coberto por musgos e árvores do tipo trepadeira. No final do corredor, a frente, é possível ver uma porta aberta para um outro cômodo, cujo interior não pode ser visto perfeitamente naquela distância.

— Muito bem. Kawatta, pode me passar o mapa que você fez? — pediu Ichiro, em tom baixo. Apesar de tudo indicar que não havia qualquer ser vivo ali, a precaução comum do Jounin sempre se faz presente. Assim que o Muhura lhe passa o mapa, Ichiro retira um lápis de um bolso do seu colete e começa a rabiscar o papel.



— Eu numerei os cômodos que você conseguiu identificar. Essa área 1 nós iremos vasculhar juntos, assim como a 2, que é esse corredor. Depois, vamos nos separar para agilizar as buscas: eu analisarei as áreas 3 e 4, Hiro as áreas 5 e 6, e você, Kawatta, a área 7, que é maior. Quando todos terminarem, nos encontraremos na área 7, porque, por ser maior, é possível que Kawatta não tenha terminado a busca quando Hiro e eu concluirmos a nossa. Todos entendidos?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Muhura Umarekawatta
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 21/12/2010

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Sab 21 Abr 2012, 11:59

Adentrou no templo com uma calma incomum para alguém que fazia a primeira missão em nome de uma vila, na verdade, já nem sabia quantas missões havia tido antes de estar ali, e provavelmente nunca se lembraria, seu registro Shinobi estava na Vila do Vulcão e provavelmente seria declarado como morto, e se Konoha não o regulamentasse poderia até mesmo ser considerado um Nukenin, isso fez o rosto do Jounin se contorcer, logo pararam no primeiro sítio do local, e o Jounin responsável lhe fez um pedido, algo bem simples, pegou um pergaminho em branco da sua mochila e o abriu sobre o chão, em seguida com um material qualquer que pudesse usar para gravar sobre o pergaminho desenhou o Mapa, não era perfeito, mas era o suficiente para que todos entendessem as ordens do Jounin, que logo destinou os passos a serem feitos, ouviu com atenção cada ordem e concordou no fim, com um aceno. — Como queira. Seguirei ao corredor. — Virou-se em direção da passagem que daria para o corredor e por ela se seguiu, assim que chegou na mesma se atentou a cada detalhe, letras, paredes, chão, principalmente armadilhas ou qualquer coisa do gênero, apesar de aparentemente ali não haver perigo, não havia como realmente saber disso, fez isso em silêncio, como fazia tudo desde o inicio da missão, falando apenas o necessário. Após verificar a área 2, o corredor, seguiu em direção da ultima área, não se atentando aos demais sítios, passando por eles com a atenção única de não ser pego por um ataque surpresa, chegando na ultima área voltou a retomar a atenção que tinha, analisando tanto o local como não descuidando de qualquer surpresa indesejada.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Inozaki
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 365
Data de inscrição : 21/11/2009
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Sab 21 Abr 2012, 12:01

— Entendido. Só espero que não fique com medo de se separar, Kawatta, haha. — Disse Hiro, naquele seu tom bem à vontade com a situação. Percebeu que, se dependesse dos outros dois, uma possível interação do grupo se mostraria bem difícil dali pra frente. Restando a si, portanto, o fardo de realizar este papel.

Foi quando, num ato de ansiedade, iniciou a sua caminhada, seguindo o plano proposto por Ichiro. Devido às duas naturais capacidades perceptivas, que por sua vez eram elevadas por sua cobiçada genética, o homem-felino pareceu à vontade com a situação de vasculhar o local. Seu foco, entretanto, não se limitou a tal ato, permitindo ao mesmo deixar escapar mais um indesejável comentário, afim de socializar com o grupo: — Bom, se tiver algum problema, Kawatta, já sabe pra que área correr, né? Hahahaha. — Riu, mais uma vez, por detrás daquela máscara, deixando o humor tomar conta.

Pronto a dar seguimento à missão, o ninja médico vasculhou as áreas 1 e 2, como havia sido proposto, até chegar nas destinadas áreas 5 e 6. Onde, por sua vez, se mostrou mais atento, já que a sua companhia já não se fazia mais presente, e uma concentração maior se fazia necessária ali.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1667
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Sab 21 Abr 2012, 12:32

Os ninjas então seguem o planejado. Os cômodos, a não ser por poucas e inexpressivas diferenças, eram quase todos iguais em ornamentação, só mudando os móveis de cada um, posto que, na época em que era frequentado, cada lugar deveria servir para um fim específico. A primeira área, além das estatuetas avistadas, possuía uma espécide altar no centro de uma das paredes, com vários bancos corroídos por cupim, deveria ser o salão de adorações. Com poucos detalhes a serem vasculhados, a busca ali foi rápida, sem nenhum retorno. Voltando ao corredor, este possuía algumas saliências em suas paredes, como que figuras talhadas artisticamente, todas incompreensíveis pelos os shinobis, que prosseguiram para o cômodo seguinte.

Ao chegar na área 3, Ichiro se despede dos dois subordinados, quer partem para seus respectivos destinos. Hiro, consequentemente, é deixado para trás na área 5, e Kawatta segue rumo à última área. A área 5 possuía uma grande mesa redonda no centro, de boa madeira, tanto que quase não foi consumida pelo abandono. As paredes possuíam grandes cavidades em forma de paralelepípedos, formando algo semelhante a estantes, o que também se deduzia pelos restos de papel e capas de livros que conseguiram suportar o efeito do tempo. Checando todos os espaços, nada foi encontrado pelo homem-felino, que seguiu até a área 6.

A área 6 não era nada além de um pequeno corredor, vazio, com somente uma porta adiante que levava à área 7, onde Kawatta se encontrava e logo receberia companhia. Enquanto Hiro estava analisando os cômodos anteriores, o Muhura se deparava com um provável dormitório. Havia vários móveis velhos, em torno de 10, que provavelmente eram camas. No centro de uma das paredes, havia um ornamento antigo, de mármore, que provavelmente representava a entidade cultuava pelos moradores dali.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Muhura Umarekawatta
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 21/12/2010

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Sab 21 Abr 2012, 13:06

O homem se manteve quieto quando adentrou no novo local, olhou primeiramente as camas, buscando algo, mas não podia deixar de se atentar ao ornamento na parede, seu olhar permaneceu ali, olhando-o, fintando-o. - —Tsc... Essas coisas me irritam, não podia ser uma missão de assassinar algo ou alguém... — Agora que estava sozinho podia falar normalmente, divagando consigo mesmo, analisou o ornamento mais de perto, em busca de algo que pudesse fazer claro aquilo, seu olhar era atento, em busca de algo de pudesse desvendar aquele mistério. - — Um Fuuin ou algo assim sempre tranca ou prende algo, e toda tranca ou prisão tem uma chave, e claro, um mecanismo de defesa.— Enquanto analisava o ornamento mais de perto buscava por qualquer inscrição ou objeto ligado aquilo, apenas queria desvendar, e de preferência, sem ajuda.


Última edição por Muhura Umarekawatta em Sab 21 Abr 2012, 13:19, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1667
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Sab 21 Abr 2012, 13:14

Passando a vasculhar com o olhar novamente todo o quarto, Kawatta prende o olhar em algo que passou despercebido antes. Todas as camas possuíam em suas cabeceiras algum tipo de entalhe de enfeite, contudo, a cabeceira de uma delas em específico chamou mais atenção, por possuir mais detalhes do que as outras. Aproximando-se da mesma, o Muhura observa que o entalhe constituía em dois círculos de linhas espessas, um dentro do outro. Entalhados nas linhas, ainda havia cinco círculos menores, cada um com uma figura pintada, com a tinta já desgastada: uma folha, um sol, uma nuvem, um triângulo e uma nuvem mais escura. Ao tocar levemente no círculo maior, Kawatta percebeu que ele poderia ser girado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Muhura Umarekawatta
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 21/12/2010

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Sab 21 Abr 2012, 13:19

O homem começou a investigar todo o recinto, em busca de algo que explicasse, ou que estivesse ligado ao ornamento,após revirar algumas camas deparou-se com um entalhe diferente das de mais, curioso e bem feito. Com cuidado o tocou, o suficiente para perceber que era algum tipo de mecanismo que possibilitava girar, era o suficiente, fechou os olhos enquanto ainda mantinha a mão sobre o entalhe. — Um entalhe com 5 referências diferentes que pode ser girado, são 120 combinações possíveis para que o problemas seja solucionado, tenho 0,83% de chance de acertar na primeira tentativa, é um entalhe simples de desenhos simples, possivelmente não devem ter anotado em local nenhum, afinal, é fácil de guardar, e mais fácil ainda para mim. — O Jounin era dotado de uma memória surreal, sua mão foi colocada sobre o entalhe e começou as girar o mesmo, descobriria a combinação, e também não tinha o perigo de repetir a mesma, afinal, trabalhar usando a memória era uma das melhores qualidades do Muhura. Enquanto girava as peças sobre a mesa ficava atento ao local, afinal, era bem provável que alguma armadilha viesse a surgir do nada, dividindo sua atenção em duas tarefas, concentração? Também não era um problema.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Inozaki
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 365
Data de inscrição : 21/11/2009
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Sab 21 Abr 2012, 13:30

Analisando tudo por onde passava, Hiro logo se deparou com a entrada que o levaria à área 7. Não tendo notado nada em todo aquele corredor, logo seguiu à porta que o levaria ao seu colega. Insatisfeito, entretanto, com o fato de nenhum obstáculo ter surgido. Embora a importância da missão, o homem-felino fazia questão de alguma dificuldade individual; afinal, qual a finalidade de treinar árduamente se, em sua realização de missões, não existir o menor desafio? O ninja médico então, prosseguiu, deixando escapar um leve comentário, demonstrando como se sentia em relação à aquilo: — Nada, pra variar..
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Muhura Umarekawatta
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 21/12/2010

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Sab 21 Abr 2012, 16:52

Ouviu a aproximação do homem se aproximando, era Hiro, o olhou atento e com sua voz ecooando respirou fundo. — Encontrei algo. Aquele ornamento na parede. — Apontou o ornamento ainda sem se levantar de onde estava, em seguida voltou a falar enquanto atentava-se à combinação novamente. — Aquele ornamento é algum tipo de tranca, creio que há algo abaixo ou em alguma saleta ao lado, ele está ligado à esse esculpido a qual estou mexendo aqui, trata-se de um jogo de combinações entre 5 entalhes, algo simples, são 120 possibilidades de combinação, eu tentei uma antes de você chegar, continuarei tentando enquanto minhas chances aumentam a cada tentativa, de qualquer forma, tome cuidado se for ficar aqui, há possibilidade de ao liberar a tranca alguma armadilha ser ativada. — Novamente calou-se, voltou o olhar para as combinações e voltou a girá-las, menos uma, faltavam 119 possibilidades, e agora as chances eram de 1,66%, já era uma considerável melhora.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1667
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   Sab 21 Abr 2012, 17:21

Depois da chegada de Hiro, que não fez menção alguma de auxiliar Kawatta (que provavelmente também não queria ajuda), o Muhura ainda testou mais duas combinações diferentes, girando o círculo maior, sem êxito algum. E eis que chega o último integrante que faltava.

— Yoh! Não achei nada, e por estarem ambos aqui, suponho que também não... Hum, uma chave de combinação? — assim que se aproximou mais alguns passos, com a mão direita no bolso, Ichiro notou Kawatta girar o círculo entalhado na cabeceira de uma das camas, deduzindo todo o restante. — Uma folha, um sol, uma nuvem, um triângulo e uma nuvem mais escura... isso me lembra uns dizeres que ensinam aos alunos da academia de Konoha, quando eles vão aprender sobre manipulação elemental de chakra. — E o jounin leva a mão esquerda ao queixo, olhando para cima, como quem busca algo na mente. — Se não me engano, era algo como “Quando o vento fizer cair a última folha, e o sol queimar em chamas a sua alma, use a chuva para lavar seus pecados, refugie-se no mais remoto canto da terra, nas montanhas das tempestades de luzes, e encontre a entrada para os céus.” — E passando a olhar para os dois outros jounins, continua. — E se for isso mesmo, a folha representa o elemento vento, Fuuton. O sol é o fogo, Katon. A nuvem clara é a água, Suiton. O triângulo simboliza a montanha, a terra e o Doton. E por fim, a nuvem escura representa a tempestade, trovões e as luzes dos relâmpagos, ou seja, Raiton. Provavelmente, você deve girar esse círculo para alinhar os elementos de cima com os do círculo menor, de forma que o de cima tenha vantagem elemental sobre o menor. Nesse caso, a próxima combinação que você vai usar deve ser a correta. — terminou o Jounin, falando para Kawatta.

Kawatta prossegue, girando mais uma vez o círculo. Imediatamente, escrituras estranhas começaram a brilhar ao redor do círculo, e assim prosseguindo por toda a cabeceira da cama. Escrituras também começaram a surgir na parede atrás da cama, avançando até o ornamento que, repentinamente, entranhou-se na parede, que passou a afundar ao chão, até que desaparece completamente, depois de 30 segundos, dando surgimento a uma entrada, completamente obscura, da qual um som nítido de água corrente podia ser ouvido. Ao observar mais atentamente, percebia-se que alguns passos adentro iriam desembocar em uma escada, sentido para baixo. Ao que tudo indicava, os shinobis haviam encontrado seu objetivo.

— Ora, muito bem, Kawatta. Vamos seguir. Irei à frente. — disse Ichiro.


############# Encerramento 1ª Temporada #############


##########################################


Última edição por Fësant em Sab 21 Abr 2012, 18:46, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Episódio 01 | Reerguer   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Episódio 01 | Reerguer
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Dungeons em Dragons(Caverna do Dragão) Ultimo Episódio
» [EVENTO] MONTE SUA QUEST BASEADA NOS EPISÓDIOS DA SÉRIE POKEMON!
» Episódios Shippuuden [Spoiler-Alert]
» Assustador! - Episódio 1 "A Mansão Velha"
» Star Wars Episódio VII: O Legado dos Sith (Crônica Livre)

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto: Shinobi no Sho - Sistema D8 de RPG :: Tópicos Arquivados :: Arquivos do Fórum :: Naruto SnS Online :: Toua: O Oriente :: Toua: Shinsho :: Episódios-
Ir para: