Fórum destinado a divulgação e composição do RPG - Naruto ''Shinobi no Sho'' - Sistema D8
 
InícioPortalFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Menu
CSS MenuMaker
Últimos assuntos
» Episódio 49 | A Reunião
Dom 06 Ago 2017, 19:15 por Fësant

» Dúvidas do Sistema
Ter 01 Ago 2017, 11:33 por Fësant

» Episódio 46 | Ou Himitsu?
Seg 26 Jun 2017, 02:57 por Fësant

» Episódio 48 | Encontros Esperados
Sab 24 Jun 2017, 18:09 por Inozaki

» Episódio 47 | De volta a Konoha
Seg 12 Jun 2017, 14:46 por Fësant

» Episódio 45 | Shu
Seg 12 Jun 2017, 14:19 por Fësant

» Episódio 44 | A Aliança
Seg 12 Jun 2017, 14:11 por Fësant

» Episódio 43 | O Espião e o Outro Lado
Seg 12 Jun 2017, 11:47 por Fësant

Parceiros

Licença
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Compartilhe | 
 

 01 - Prologo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: 01 - Prologo   Dom 08 Abr 2012, 03:31

> Prólogo <
Konoha'gakure no Sato é de longe a maior e mais poderosa de todas as Vilas Ocultas. Seus habitantes cultuam a paz e a prosperidades, seguindo a tradição da Vontade de Fogo. Essa vontade inflama seus corações, e dá força a seus braços para que lutem pelo que é certo e justo. Mais, nem sempre foi assim. Guerras já se alastraram por todos os territórios, mesmo dentre as florestas de Konoha'gakure no Sato e, o ódio inflamou o coração de todos no mundo ninja. Esse ódio lentamente trouxe de volta as bestas de chakra que um dia foram completamente aprisionadas pelo portador do Rin'negan, o Eremita dos Seis Caminhos.



Esse lendário ninja, criou o mundo como todos conhecem. Ensinou seus conhecimentos na forma do Ninjutsu e enviou seus discípulos pelo mundo para propagar sua palavra. Mais com o tempo, ele envelheceu e faleceu. E com isso, as criaturas se perderam. Porém, seus ensinamentos cada vez mais foram esquecidos e, um dia. O ódio infestou o coração de todos no mundo ninja.



Esse ódio liberou as bestas demoníacas que as Vilas Ocultas tanto temiam e tentavam manter aprisionadas. Com medo do grande poder que uma Vila poderia adquirir entre as outras caso dominasse um destes demônios, as Vilas entrarem em conflitos umas contra as outras ao mesmo tempo em que tentavam enfrentar as diabólicas criaturas. Até, que o Hokage da Vila Oculta da Folha conseguiu unificar o mundo e dividir de forma igual as criaturas. Acreditando no acordo de paz, as vilas se aliaram e derrotaram a grande maioria dos demônios... e é nesse dia em que a nossa história começa. Um trágico dia.



Era noite e o plano havia falhado. Pessoas corriam pelas ruas enquanto as equipes ninjas de Konoha tentava inutilmente protegê-las. De longe era possível ver as caudas e a quantidade absurda de chakra que emanava com o impacto das projeções de chakra que a criatura soltava em todas as direções. Cada vez mais, Konoha afundava em desordem e desespero. Aquilo que um dia foi uma das mais belas Vilas Ocultas, estava reduzida a escombros. Era incomparável o poder de uma criatura como aquela para a maioria dos shinobis. Mais não para todos.



Seu nome era Senju Tenzen. Membro de um dos nobres clãs de Konoha, Tenzen enfrentou bravamente a criatura que atacava Konoha junto com os membros de seu clã e os ninjas de sua amada Vila Oculta. Aquele não era apenas um ninja, mais uma lenda. Capaz de unificar o mundo ninja e ainda conceder uma fagulha de paz ao mundo, os ninjas ao seu lado lutavam como nunca. Desistir não era uma opção, ou tudo estaria perdido.



Durante horas a besta demôniaca lutou contra o lendário shinobi. E no caminho, toda a Vila se despedaçou. Mais não importava a situação, apenas a presença do Hokage era capaz de encher o coração de todos de esperança. Ele era diferente das outras pessoas. Sua simples presença fazia o interior de todos queimar com uma vontade inigualável. No ápice do combate, o lendário shinobi percebendo a situação do combate, tomou uma sábia decisão. Ele utilizou uma técnica proibida se sacrificando e aprisionando a Kyuubi. Após aquele dia, Konoha'gakure adotou Tenzen como sua índole e consigo, a Vontade do Fogo se tornou a vida de seus habitantes.



Com isso o tempo passou e todos esqueceram seus ferimentos. As Vilas se reconstruiram e a paz reinou. Habilidoso e capaz, o Nidaime Hokage Myuura demonstrou ser tão sábio quando seu antecessor e com o passar do tempo Konoha novamente se tornou a mais poderosa nação. Porém, o que poucos sabem é a verdadeira intenção de Tenzen ao unificar o mundo e conceder a lendária Kyuubi a Konoha. Ele estava preparando o mundo para enfrentar algo jamais visto...



Uma sombra sem igual de ódio e destruição, que se preparava para tomar lentamente tudo de bom que foi criado no mundo ninja. E uma vez aprisionado em sua escuridão, o mundo shinobi iria conhecer o verdadeiro ódio. Isso, é o que todos acreditam como verdadeiro. Mais, não é aqui que nossa história começa...


########### ABERTURA DA 1ª TEMPORADA ###########




#############################################



(...) Algumas Horas Antes (...)

Passaram-se horas desde que concluíram sua missão. Com a aprovação de Konoha, o Time 3 retornava para casa e a única coisa que desejavam era justamente um bom tempo dentro de sua amada Vila Oculta. Cansados e esperançosos eles tentaram se aproximar de Konoha o mais rápido possível para logo, encerrar tudo. Ou era isso que esperavam... Seus quatro membros, Raiyate Ichiro, Yonikaze Namito, Kahara Saiyu e Uchiha Haika saltavam entre as arvores rapidamente se aproximando cada vez mais de Konoha...

– Aaaah! Ramen... Ramen... Ramen! – Namito quase berrava ao lado de Saiyu e Haika com baba escorrendo pela boca. Saiyu por sua vez, apenas virou sua face. Seus cabelos eram roxos, assim como seus olhos e possuía uma bela aparência, além de uma habilidosa ninja.

– Você deveria se concentrar, Namito-kun. Nossa missão ainda não acabou, não até chegar em Konoha com o pergaminho! – Ela disse de maneira séria, se mostrando para Haika como costumava fazer. Apesar de jeito forte, Saiyu demonstrava uma certa paixão por Haika desde que se juntará para formar o Time 3. Raiyate Ichiro por sua vez permanecia em silêncio.

– Ahhh, Saiyu-chan! Até parece que estão nos seguindo! Depois de ter usado meu poderoso jutsu, Rasengan! Ninguem teria coragem de me seguir, afinal, sou o ninja mais poderoso do Time 3! Mwahahahahahaha! – Namito se expressava como sempre fazia, aos berros...

No canto, Haika acompanhava o grupo, ainda em silêncio. Seu pensamento permanecia no outro time que permaneceu na Vila Oculta da Névoa...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 22 Abr 2012, 14:11

Seu semblante não havia mudado des de seu retorno ao País do Fogo. Introspectivo - mais que o comum - Haika permaneceu quieto enquanto seus pés pegavam impulso nos diversos galhos que pendiam no caminho até Konoha. Cada metro trazia consigo um pensamento; seria seu irmão mais novo capaz de concluir a missão que deixou para trás? O Uchiha observava os arredores enquanto percorriam em alta velocidade. Treinado para combate, experiente em situações de vida ou morte, Haika não baixava a guarda independente da situação - para o desprazer de Saiyu, que sequer recebeu o mínimo de atenção com sua demonstração de profissionalidade. Diminuindo o passo, Haika emparelhou com Ichiro e o observou por alguns instantes.

– ... Qual o real motivo de minha convocação? – Questionou, exigindo respostas, vez esta que permanecia indignado por ter sido afastado de uma missão de dois anos sem sequer receber esclarecimentos quanto a razão.

O Chuunin franziu os cenhos, voltando os olhos para a estrada. Não havia o que ser feito senão apressar o passo para chegar em Konoha e concluir seja lá o que o esperava. Retornar para a Névoa era sua prioridade, afinal. Puxando de seu bolso uma pequena faixa, amarrou os cabelos que esvoassavam contra seu rosto, deixando escapar um suspiro de frustração.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 22 Abr 2012, 14:22

– Deixe de ser apressado, Haika-kun! Estavamos apenas com saudades! Gwahahaa! Além disso, Ichiro-sensei prometeu pagar o rameeen! – Namito, brincava com a situação enquanto permanecia saltando em direção a Konoha. Os olhos de Saiyu indignavam Namito como sempre e, olhavam com compaixão para Haika. Aquela situação, era um tanto quanto clássica e comum naquele Time.

– Namito-kun, seu idiota. – Saiyu ao dizer isso, fez com que Namito olhasse para ela imediatamente um tanto decepcionada. Apesar de suas brincadeiras idiotas, Namito gostava de impressionar a garota. Um tanto mal sucedido...

– Uchiha Haika. Seu pai, o líder do Clã Uchiha foi morto em combate a poucos dias. Você é seu filho mais velho e, herdeiro do Clã Uchiha. Em outras palavras, você deve retornar imediatamente para dentro de seu Clã até que isso seja resolvido. Por isso, decidimos manter seu irmão longe por enquanto, ele não deve se envolver nos assuntos internos do Clã Uchiha. – Raiyate Ichiro após tudo o que disse, fez uma pausa quase como tento ver a reação do jovem Uchiha, agora líder do Clã Uchiha. – Konoha suspeita que talvez, o Clã Uchiha não aceite muito bem alguém tão jovem como você como líder. Então, estamos em uma situação crítica em relação ao seu Clã, Haika-kun. – Encerrou Ichiro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 22 Abr 2012, 14:36

A súbita reposta de seu líder fez com que o Uchiha arregalasse os olhos e engolisse a seco. Seu pai havia morrido?! Perguntas untadas em desespero e raiva faziam-se presente em sua mente mas, Haika, como Shinobi, e agora futuro líder de todo seu clã - não poderia deixar transparecer a menor das fraquezas. Voltou os olhos contra a estrada uma vez mais e, assoprando pra longe o sofrimento, respondeu de maneira firme - e falsa.

– Entendido. Agradeço o transparecimento. – Sua mão esquerda formou um punho, espremendo os dedos com força contra a palma para aliviar a tensão. Enquanto isso, o rapaz manteve a mesma expressão vazia e séria, apressando o passo uma vez mais para se distanciar alguns metros do grupo.

Que inimigo seria este capaz de assassinar o líder do clã e Chefe de Policia? O garoto imaginou todos os candidatos possiveis, mas foi incapaz de encontrar a menor das resposta. Em seu peito, o coração palpitava como nunca antes, recheado de receio e de um medo que até então não havia encontrado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 22 Abr 2012, 14:43

Todos permaneceram em silêncio, enquanto Haika se distanciava um pouco a frente do grupo Ichiro se aproximou do jovem e do seu lado disse de forma acolhedora. – Não se preocupe, o Shodaime Hokage estará ao seu lado quando chegar em Konoha. Tudo se resolverá. – Haika pode ouvir, o sentimento em sua voz. Porém, antes de uma possível resposta, os dois perceberam que Saiyu e Namito não estavam mais acompanhando-os. Um grito, logo em seguida estendeu-se junto com uma explosão. Raiyate rapidamente formou um Yin e como um trovão, desapareceu.

Era incrível a técnica de Ichiro, o trovão de Konoha em ação. Ele era de longe, o mais rápido shinobi de Konoha. Além disso, ele, Senju Tenzen e Myuura Kurama, formavam o triangulo de Konoha. Títulos que receberam durante a última guerra shinobi antes da fundação de Konoha pelo Shodaime. Haika se viu sozinho, percebendo apenas uma fumaça que obliterava a visão vindo de seu flanco.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 22 Abr 2012, 14:55

O súbito chamar da batalha fez com que o menino jogasse de vez para longe todas as suas preocupações. Seus olhos encandeceram em fogo, tornando-se avermelhados e, tão logo, despertando o Sharingan. Seus pés fincaram no tronco de uma das árvores, impulsionando o corpo do Shinobi em direção contrária e para o solo. Haika pretendia esgueirar-se por entre as árvores e se aproximar sorrateiramente da área de embate, fazendo uma análize dos fatos antes de tomar uma ação.

– Droga ... – Susurrou para si, sem a menor idéia do que ou quem poderia ter feito de seu grupo um alvo. O rapaz levou a mão até suas costas, puxando a espada para si e se mantendo preparado para um possivel bote no inimigo. Por sorte, talvez a fumaça o ajudasse a pegá-los de surpresa.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Seg 23 Abr 2012, 16:40

Rapidamente uma situação complica se formava. Os destroços e pedras caiam lentamente enquanto a fumaça e a lua tornavam todo o lugar um tanto sombrio. No centro, Saiyu encontrava-se com graves ferimentos espalhados pelo corpo. Um homem a segurava pelos cabelos com uma Kunai em seu pescoço. Estava em um manto negro, com um capus e uma mascara que cobria sua face. Apenas um de seus olhos podia ser visto. Do outro, Raiyate Ichiro ao lado de Namito que parece ter sido retirado do centro da explosão poucos segundos antes. Atrás de uma arvore no flanco do homem de mascara estava Haika com parte de sua Kataná desembainhada que tentava analisar o campo de batalha ou encontrar uma abertura. Era a primeira vez que, o Time 3 era emboscado daquela forma. Alguém capaz de se aproximar daquela forma e ainda capturar um dos membros do Time 3 sozinho era, sem sombra de dúvidas, extraordinário.

– MALDIÇÃO! – Berrou Namito – POR QUE NÃO SALVOU ELA, SENSEI? POR QUE? – Namito se debatia tentando sair das mãos de Raiyate a qual o empurrou jogando em uma das arvores ainda concentrado no homem misterioso.

– Por que você era o alvo, Namito-kun. Ou melhor dizendo... o que está dentro de você... – Namito permaneceu em silêncio, enquanto o homem prontificou-se a falar. "Maldito! Por pouco nem mesmo eu consigo salvar Namito..."

– Uma bela análise, como esperado de você. É uma honra conhecê-lo, Raiyate Ichiro, o Trovão. – De forma formal, apesar da situação, o homem quase parecia debochar de todos ali presente. "Então, ele realmente é muito veloz. Muito mais do que eu imaginava... é melhor eu mata-lo aqui, ou poderá vir a se tornar um problema..." Ele logo continuou – Então, o que pretende fazer agora, Ichiro? –

– Precisamos salva-la, Sensei! – Namito continuava ainda fixado em salva-la, sem qualquer outra preocupação. Raiyate apenas o olhou de canto de olho e permaneceu em silêncio.

"Se eu salva-la, ele pegará Namito. Se eu deixa-lo mata-la, a situação pode fazer o selo de Namito enfraquecer... maldição.. o que eu faço...?" Encurralado, Ichiro permanece em estado quase de choque tentando encontrar uma maneira de contornar a situação.

– Me entregue a Kyuubi, ou essa garota morrerá. – Disse o homem em forma de ameaça, os olhos de Namito se arregalaram enquanto em sua mente, o pensamento que a culpa de Saiyu estar naquela situação era sua... apenas sua...


Última edição por Blackheart em Sab 26 Maio 2012, 23:45, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Sab 26 Maio 2012, 19:52

As ameaças do homem desconhecido despertavam em Haika certa sensação de ódio; o rapaz concluiu sua análise e, julgando pela habilidade do inimigo, a situação e suas posições, talvez não houvesse muito o que ser feito senão escolher entre entregar Namito ou deixar que a refém fosse assassinada.

O Uchiha franziu os cenhos, fincando a espada no chão. Ambas as mãos juntaram-se ante o peito para a formação rápida de uma sequência de selos que resultou numa enorme bola de chamas: – Katon: Goukakyuu no Jutsu! – Com sorte, o efeito surpresa seria o suficiente para fazer daquela técnica uma distração, dando a Ichiro tempo o bastante para agir e resgatar Saiyu das mãos do desconhecido.

A esfera de fogo zarpava rumo ao inimigo enquanto Haika, por sua vez, arrancou a espada do chão e tratou de deslocar-se o mais rápido possivel para outro ângulo, na retaguarda de outra árvore, mantendo assim sua furtividade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 03 Jun 2012, 03:57

- Então, Trovão. Quem é mais importante para você? - Essa foi a última frase do homem mascarado antes da esfera de chamas se deslocar de Haika para as costas do mesmo. Sua Kunai deslizou pela face de Sayiu, mais antes que um estrago maior pudesse ser feito, Ichiro desapareceu como um Raio, re-aparecendo na posição anterior a que Haika se encontrava com Sayu em seus braços. Rapidamente, o homem saltou, saindo da área de execução da técnica.

- Fuuton: Rasen Shuriken! - Uma grande quantidade de chakra rodopiou, e a bola de fogo de Haika desapareceu com sua simples pressão. Seus olhos eram furiosos e a sua volta o chakra da Kyuubi queimava. - Eu não o perdoarei, maldito! - Um zumbido podia ser ouvido, atordoando a todos presente. Ichiro olhou assustado, imaginando quando Namito havia desenvolvido uma técnica tão descomunal como aquela. Rapidamente, o homem de mascara executou alguns selos, mais não rápido o bastante. Namito saltou, atingindo o centro do corpo do homem e uma grande devastação arremessou arvores, pedras e tudo que havia por volta, criando uma grande cratera de escala descomunal. - Não subestime os ninjas de Konoha! - Um grande clarão se estendeu pelo horizonte no local do confronto. E por poucos segundos, o silêncio magnífico tomou tudo a volta dos ninjas presentes.

Haika imaginou o quanto Ichiro era formidável ao perceber aonde estava. A uma distância razoável da explosão, Ichiro havia saltado e pego todos enquanto se movia para longe. Namito, por sua vez estava no centro da cratera em pé sobre o corpo de seu oponente. Toda a parte da roupa de seu braço direito havia sido destruída. Manchas de sangue escorriam de seu braço, e seu corpo fraquejava enquanto ele tentava se manter ainda, em consciência. - He... parece que ainda falta muito para terminar essa técnica... Eu te disse... - Seus olhos se cruzaram com os de Haika, que quase em estado de choque com o grande poder de seu rival imagina quando Namito havia se tornado tão poderoso e desenvolvido uma técnica tão forte. - ...que superaria seu Sharingan. -

No chão, o homem mascarado estava apenas agonizando. Namito removeu uma de suas Kunais, e mesmo na condição precária, preparou-se para finalizar o Shinobi inimigo. Não, em tempo suficiente. Ao tentar desferir o golpe, novamente seu corpo estremeceu, mais dessa vez era algo diferente, correntes rodaram a sua volta o puxando para baixo. Seu corpo afundou no chão, como se a terra fosse lama e tudo se apagou, até que o mesmo caiu em uma água.

Estava no chão, sobre um local vazio. Paredes enormes estavam a sua volta. As correntes ainda o prendiam, e a sua frente, um grande portão o dividia da descomunal besta que sorria nas sombras com seus olhos vermelhos. - NAMITO... - Um tom gutural escapou por entre os dentes da gigantesca criatura que permanecia oculta, seguida por uma diabólica risada. A raposa de nove-caudas, Kyuubi, era seu nome.



- HUH? - Os olhos da besta se voltaram para algo atrás de Namito, alguém que caminhava das sombras. Lentamente ele continuou, até que pudesse ser completamente visto, o homem mascarado. - Você...? Eu o matei...! - Namito, prestes a perder sua força, tentou lutar friamente contra as correntes. Quase como chamas, elas permaneceram a entrar em seu corpo cortando-lhe lentamente. Tomado pela dor, Namito gritou, enquanto tentava escapar daquela macabra técnica. - Não confunda as coisas, garoto. Eu estou exatamente aonde gostaria de estar. Não me compare aos ninjas de Konoha! -



- ESSES OLHOS... FAZIA TEMPO QUE EU NÃO SENTIA UM CHAKRA TÃO MALIGNO... HUHUHU... OUTRO PATIFE HUMANO ATRÁS DO MEU PODER? HUHUHUHU... - Lentamente a Kyuubi passou a se mover, erguendo-se e caminhando em direção a grade da jaula. Seu chakra emanava de maneira colossal, fazendo com que a água que ocupava o solo de seu aposento fosse arremessada em todas as direções. Um calafrio tomou todos ali presente. Seu poder estava em um nível completamente diferente de qualquer outro ser existente.



- Você não tem escolha, "Kyuubi". - Ele começou a caminhar em direção a parte principal da jaula, parando em frente aos olhos vermelhos da Kyuubi, suas mãos formaram um selo, e ele pareceu confiante ao dizer: - Assim que eu desfizer o selo, você será apenas uma ferramente, enquanto seu antigo hospedeiro irá morrer. Espero que goste da liberdade, bakemono. - Antes que suas mãos pudessem continuar o selo, ele parou, quase como paralisado de medo. Os olhos da Kyuubi cerraram-se, fitando os do ninja misterioso.



- REALMENTE ACHA QUE SERÁ ASSIM? PENSA QUE PODE CONTROLAR MEU PODER? - O tom da Kyuubi não era como uma ameaça. Era um tom de alguém que tem certeza absoluta do que diz. - E o que pensa que pode fazer? - Um silêncio tomou todos ali presente, até que a Kyuubi lentamente voltou a falar. - MATAR VOCÊ! - Uma monstruosa e diabólica risada se estendeu, o ninja terminou o selo proferindo: Kai!

(...)



Em um berro agonizante, Namito arrastou-se em dor no chão. Em sua volta, apenas chakra se espalhava por todos os destroços. Suas forças falharam, e junto com a Kyuubi, tudo se foi. Ele tombou, observando os olhos. A grande massa de energia flamejante rodou, até começar a formar algo. Um corpo demoniaco rapidamente tormou forma, uma gigantesca fera estava descontrolada berrando. Suas nove caudas balançavam, destruindo tudo a sua volta e seus berros faziam arvores voar. Ichiro permaneceu parado, em estado quase de choque. Atrás da pedra aonde se encontravam, eles observavam o que havia acontecido em poucos segundos no mundo real. Finalmente, a Kyuubi estava "livre". Seus corpos tremulavam, mais não sabiam se era pelo medo ou pelo chakra de proporções catastróficas que sentiam da besta.



O homem mascarado pegou uma de suas Kunais, preparando-se para desferir um golpe mortal em Namito e acabar seu sofrimento, mais antes que o fizesse, Namito segurou sua perna. - Você está certo, no fim das contas... não devo comparar você aos ninjas de Konoha... afinal, pessoas como você são apenas a escória. - Surpreendido pelas palavras do garoto, o ninja mascarado permaneceu parado, antes de poder falar algo. - Confiante, huh? Eu vou esmagar Konoha! Eles vão-...? - Questionado pelo ninja mascarado, Namito voltou a falar. - Chutar sua bunda... hehehe... - Perdendo as forças, Namito soltou o homem que por sua vez o deixou de lado. - Espero que sobreviva, para ver o resultado dessa batalha e implorar para que tivesse sido morto hoje... huhuhu, finalmente chegou a hora... Konoha! - Em um flash, a demoníaca criatura desapareceu, junto com o homem.



Do chocante confronto, os sobreviventes permaneciam paralisados enquanto as ultimas forças de Namito deixavam seu corpo, indo para outro mundo. Com uma vontade descomunal, ele lutava para se manter vivo, e em sua mente, a necessidade de saber o que havia acontecido com seu grande professor Ichiro. Seu melhor amigo, Haika. E... Saiyu...

Em uma guerra, independente do que aconteça, não existe vencedores. Essa é a realidade com que um ninja deve conviver todos os dias. Morte. Esse, é o mundo shinobi.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 29 Jul 2012, 13:46

Calamidade! A guerra que eclodia de súbito no interior de Konoha trazia consigo o cheiro amargo e desagradável do sofrimento e tristeza no coração daqueles que observam a chuva de sangue. Haika, em especial, vislumbrou de perto o desaparecer da vida de seu melhor amigo e rival. Enquanto o embate contra o homem máscarado procedia, o gênio Uchiha se manteve atônito e esbabacado pela demonstração de poder do seu mais antigo rival.

O vento deslocado pelo golpe fez-lhe esvoassar os cabelos, forçando o menino a mover as mãos diante dos olhos afim de proteger as retinas da quantidade anormal de poeira empurrada nas rajadas de poder. No fim de toda a cena, Haika franziu os cenhos e pronunciou em voz baixa, num misto de orgulho e raiva que, logo, seriam cortados por sentimentos e razões muito mais poderosas - Nami-... - Com o surgir da Kyuubi e o fim eminente de seu companheiro, o Uchiha estarreceu. Pensou em mover-se para auxiliar mas, quando forçou o músculo da coxa, se viu inteiramente paralizado pelos espasmos que o susto causara! Sua covardia desgraçou sua alma, invocou uma espiral de lamentações e evocou em meio a mente um moinho de críticas. Apenas quando o mascarado havia se retirado o Uchiha foi capaz de agir.

Ele correu, correu, correu, e até mesmo tropeçou vez ou outra antes de finalmente chegar no corpo de seu amigo. Com Namito nos braços, os olhos de Haika haviam perdido toda sua cor. Lágrimas escorreram despercebidas pelo rosto do menino, resvalando a pele do falecido antes de finalmente enxarcar os grãos de areia nos detritos que compunham o solo daquela área. A visão enturveceu, adquirindo uma tonalidade avermelhada e de traços proeminentemente enegrecidos; para quem o visse, o Sharingan havia se ativado. Ele permaneceu ali, em prantos, até se acalmar aos poucos e finalmente curvar o corpo para frente, fazendo com que os cabelos recaissem sobre o rosto.

Haika havia derramado ali as lágrimas que acumulara ao longo de toda sua vida; lágrimas que não ousaram emergir sequer pelo fim trágico de seu próprio pai. Daquele dia em diante algo mudaria no menino - ou, melhor dizendo, algo se instaurava e instalava em sua alma, concedendo um mecanismo sentimental extra. Talvez ódio, talvez maldade, talvez uma perturbação que levasse a um disturbio comportamental. A psiqué humana, fragil como ela só, tende a desmantelar e ressurgir nas mais bizarras e deformadas aparências diante de traumas tão profundos. Se um monstro ou um fanático por justiça havia nascido naquele derradeiro momento ... Apenas o futuro dirá.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 29 Jul 2012, 14:04

Lentamente, os olhos de Namito abriram-se e ele observou seu grande rival e amigo em sua frente. Seu corpo mal tinha forças para pronunciar algo e seu amigo, nem havia de reparar. Ele moveu uma de suas mãos para sua clássica Kunai com um estranho selo. O único presente de seu pai, já falecido. Ichiro e Saiyu se aproximaram, próximos a Haika. Sayu se ajoelhou, abraçando Haika e com seus olhos com lágrimas, desabando em tristeza. No lado esquerdo da face de Saiyu, um corpo estranho escorria um pouco de sangue. Ichiro permaneceu em silêncio, observando os últimos minutos de vida de seu antigo aluno. Mesmo que tentasse, não havia jeito de salva-lo. No fundo, em cada segundo, ele culpava sua falta de poder... ele deveria ter protegido seu aluno! Namito moveu sua mão, segurando a lâmina para próximo de Haika e com suas ultimas forças, disse o que haveria de ser sua ultima frase:

- Ichiro... Saiyu... Haika... fico feliz que estejam todos bem... hehe... cof... - Sangue escorreu por entre seus lábios, e Sayiu desviou seu olhar, sem saber o que falar, Ichiro permaneceu olhando seu aluno, sem desviar os olhos um segundo sequer. - Obrigado por tudo... obrigado por serem meus companheiros... - No horizonte, um estrondo. A Kyuubi havia chegado em Konoha. Ichiro virou seus olhos que cruzaram com os olhos de seu aprendiz. Ele entendeu a remoção de culpa de seu aprendiz. "Vá, proteja Konoha!", ele podia entender claramente a motivação de seu discípulo. - Preciso avisar o Hokage... me desculpem... - Rapidamente, ele formou um selo e desapareceu como em um flash. No horizonte, o fogo tomou a vila... choques de energia podiam ser sentidas mesmo da distância em que se encontravam.

- Haika... tome... - Sua mão finalmente, conseguiu entregar a Kunai a Haika, antes que ele com sua ultima força pudesse dizer: "Proteja Saiyu... proteja... Konoha!". Sua força rapidamente se esgotou e seu corpo deixou de se mover. Com um sorriso em sua face. Namito, havia morrido depositando todas as suas esperanças, nos ombros de seu amigo, rival, "irmão". O choro desesperado de Sayiu, era a unica coisa que se podia ouvir naquele campo devastado. Os céus estavam vermelhos, sangue escorria. Lagrimas, dor... morte...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 29 Jul 2012, 14:16

Tudo havia acabado num único segundo de luto. Haika se apoderou da arma ninja, sem soltar as mãos de seu companheiro, e com olhos arregalados, firmou visão no rosto sereno e imóvel de Namito. Ele expressava uma ira sem fim, uma revolução de afíncuo reduzida a um franzir de testa e retorcer de lábios. Por fim, pronunciou em voz grossa e firme, encarando o horizonte em seguida - Me tornarei as presas e garras desse País. -

Se erguendo, Haika desvencilhou Saiyu num gesto rude e, em seguida, firmou foco onde a besta insandecida atacava. Deu um único passo a frente e, então, volveu contra a menina, a observando como se não fosse ninguém - Foge. - Ordenou, num ímpeto desigual que se equiparava ao rugido de um leão tentando apavorar embora um transgressor. Por último, finalmente bateu corrida guerra adentro. Era hora de tomar controle do clã, de defender sua Vila, de crescer e prosperar enquanto obtém poder suficiente para nunca mais ser submetido aos caprichos do mundo. Era hora de ser uma arma sombria chamada Shinobi!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 29 Jul 2012, 14:50

Desesperadamente, o Uchiha se movia como um flash entre as arvores, saltando rapidamente e quase desaparecendo. Em seu coração, o ódio pela morte de Namito parecia o tomar lentamente, e quase como se respondesse, seu Sharingan agora parecia emanar um chakra muito mais forte... muito mais poderoso. Continuou saltando até que pode ver o que deveria ser os portões de Konoha... a muralha que antecede o vilarejo estava devastada. Corpos de shinobis com mascaras da ANBU estavam tombados a todo lugar misturados a simples crianças, idosos e mulheres. Eram um massacre. Mais no interior do vilarejo, a Kyuubi berrava, soltando bolas de puro chakra para todos os lados. Em desespero, os shinobis tentavam para-lo antes que o estrago se tornasse maior.



Haika pôde observar de longe a criatura horrenda novamente. Seu corpo laranja avermelhado entrava em contraste com a lua vermelha que estava a pairar no céu noturno de Konoha. Suas nove caudas se moviam, devastando casas e matando pessoas, enquanto shinobis tentavam se aproximar e ataca-la.. Aonde quer que a criatura fosse, Haika pode deduzir sozinho, morte e destruição a encontrariam. A besta deveria ser parada, custe o que custar se desejasse salvar Konoha... cada segundo mais, Konoha deixava de existir, dando espaço a um buraco de ódio, chamas e sangue... Konoha estava caindo.


Última edição por Blackheart em Dom 29 Jul 2012, 15:22, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 29 Jul 2012, 15:08

Seus pés se moviam como nunca antes, impulsionados por uma vontade e adrenalina que o fazia ignorar com facilidade qualquer sinal de fadiga ou estresse. O garoto se moveu por dentro da Vila, pulando de prédio em prédio afim de localizar o esquadrão da Polícia e se atualizar nos planos de ataque e demais ordens que sucederiam. Haika fitava o monstro no horizonte com uma fúria desmedida e, por mais estranho que fosse, seu medo daquela criatura se dissipava, oprimido pelo ódio.

Ichiro havia se retirado de encontro ao Hokage, e era provável que ambos realizassem ações ofensivas contra a Kyuubi. Além de fornecer suporte na batalha, Haika necessitava do esquadrão para designar um membro que buscasse e cuidasse de Saiyu, quem deixou para trás na floresta. Todos aqueles corpos não causavam qualquer efeito no menino; a única imagem em sua mente era o cadáver de Namito, estirado lá, no chão frio, açoitado pela injustiça do mundo Ninja e desprotegido pela falta de poder nos ninjas desse país - o que o incluia e, por tal, o enojava de si próprio.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 29 Jul 2012, 15:19

Grupos de shinobis podiam ser visto em ruelas, preparando ataques e estrategias. Haika por sua vez, procurava seus iguais. Os membros do Clã Uchiha, como policiais, representavam o maior poder de Konoha abaixo da ANBU liderada pelo próprio Hokage, essa, podia ser vista facilmente atacando a criatura e tentando criar barreiras para impedir sua destruição. Próximo as montanhas, o maior prédio de Konoha encontrava-se com vários shinobis, rapidamente Haika pode perceber quem eram. Esquadrões da ANBU, parte grande do Clã Uchiha e do Clã Hyuuga, os dois mais nobres Clãs de Konoha e ninguém menos que o próprio Shodaime Hokage ao lado de seus maiores shinobis, Raiyate Ichiro e Myuura Kurama. Enquanto Ichiro provavelmente atualizava toda a história a seus companheiros, o Shodaime apenas observava o horizonte. Apesar da destruição, seus olhos eram calmos e permanecia com seus braços cruzados, mais no fundo, Haika pode sentir a fúria que emanava de seus olhos. A volta da construção, vários grupos shinobis permaneciam protegendo a construção com uma poderosa Kekkai, o que não era de vir a ser incomum visto que a posição do Hokage era aquela. Enquanto a possível estrategia era feita, mais pessoas eram sacrificadas, tentando deter a criatura ou apenas aguardar a chegada do Hokage, Senju Tenzen. A Lenda de Konoha.



Porém, algo encomodou Haika por alguns segundos. A posição do homem mascarado não era conhecido, a Kyuubi parecia estar sozinha lutando contra todos a sua volta. Era questionável se a Kyuubi era a ameaça, ou aquele homem simbolizava um perigo ainda muito maior para Konoha e, principalmente, para todo o mundo shinobi.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 29 Jul 2012, 15:34

Tudo parecia pronto para atingir o estopim; o momento crucial em que as maiores forças de Konoha degladiariam-se contra o oponente. O Uchiha permaneceu no mesmo passo, seguindo rumo ao grupo de Shinobis que se concentravam no telhado daquele prédio junto de duas das maiores lendas de Konoha. Ao atingir seu destino, Haika fitou Ichiro e o irmão do Hokage de maneira séria e compenetrante, volvendo seu olhar para um dos Uchihas que ali se encontravam.

- Preciso de um voluntário para o resgate de uma Kunoichi que se encontra na floresta a Sul de Konoha, onde a besta foi despertada. Tomarei seu lugar na formação de combate. - Concluiu, caminhando devagar até a dianteira das fileiras de ninjas que se formavam na retaguarda da dupla. Em sua mão direita encontrava-se a kunai de Namito, em riste e serena a despeito de toda a força que o garoto fazia ao segurar seu cabo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   Dom 29 Jul 2012, 15:54

Nesse momento, um dos membros do Clã Uchiha fizeram em sinal de desrespeito a Haika, mais foram interrompidos pelo próprio Shodaime:

- Kaizem, envie um de seus esquadrões ANBU para buscar a garota e o corpo do Jinchuuriki, ele deve ser selado imediatamente dentro de Konoha para que os segredos do selo não sejam capturados por outras vilas. - Rapidamente, Kurama desviou os olhos novamente. Por sua vez, Ichiro observou atentamente Haika e encerrou dizendo. - Você lutará no esquadrão sete, Haika. Sobre o comando de Uchiha Kazami. Tome posição. - Rapidamente, o Hokage se virou, observando a criatura. Kurama se virou, seus cabelos brancos e olhos distantes chamavam muita atenção, e logo ele começou a se pronunciar - Se eu tiver o tempo devido, posso selar a criatura. -

O Shodaime observou profundamente a criatura. - Time um ao cinco, viram comigo. Iremos distrair a criatura e enfrenta-la, enquanto os times seis ao nove protegeram Kurama enquanto este encerra a Kekkai para selar a criatura. E enquanto seu time, Ichiro... - O Shodaime parou por poucos instantes, e voltou a falar. - ... ele superou sua velocidade? Você tem certeza que pode enfrenta-lo...? - Ichiro revigoradamente, mostrou um olhar que Haika jamais havia visto. - Ele matou um de meus aprendizes. É meu dever... - Por respeito, o Shodaime não disse mais nada, mais antes que pudesse dar a ordem para que o ataque começasse, a criatura observou atentamente em direção ao Hokage. Kurama se moveu para próximo da beirada, observando as casas e o Shodaime, permaneceu em silêncio.

- Hokage-sama, ele nos encontrou. Se ele atacar, mesmo que a Kekkai da ANBU pare o ataque, grande parte da vida será destruida... - O Shodaime se virou a Kaizem, e disse como uma ordem. - Desative a Kekkai. - Assustado, os ninjas ali presentes por exceção de Ichiro e Kurama começaram a se desesperar, antes que Kaizem pudesse contrair, Ichiro tocou o ombro do ANBU, que fez um sinal para seu esquadrão resmungando o quanto isso seria loucura. Quase como gritando, com uma voz intimidadora o Hokage começou a falar e simplesmente tudo pareceu se calar enquanto ele falava.

- Você veio até minha casa. Matou meus filhos. Meus amigos. Meus irmãos. Desonrou nosso nome, e agora me ameaça, bakemono!? Quem você pensa que é!? - Rapidamente, a criatura começou a formar uma grande massa de energia, formada de fogo e chakra maligno em sua boca, engolindo-a. Haika pode ver a gigantesca quantidade de chakra tomando tudo. Os shinobis a sua volta, estremeciam, ao sentir o poder da criatura. Agora, eles seriam o alvo. Ainda com os braços cruzados o Shodaime permaneceu olhando atentamente e continuou a falar.

- Você acha que pode me enfrentar? Então venha... eu lhe mostrarei o poder de Konoha! - A criatura soltou a bola de energia, que partiu rapidamente na direção dos shinobis. Sem mover um dedo, o Shodaime apenas emanou seu chakra. Uma grande quantidade de madeira começou a rodear a besta, segurando suas pernas e braços. Juntos, gigantescas massas de madeira começaram a enrolar o que sobrava do vilarejo, formando uma espécie de casulo. A massa chocou-se e o choque gerou um tremor semelhante a um grande terremoto. Fumaça tomou tudo e ao desaparecer, os ninjas puderam ver o Hokage ainda parado, e toda a vila protegida. Tenzen descruzou seus braços e se virou em direção aos ninjas. - Isso é tudo que tem, huh? Minha vontade, não será quebrada! O que estão esperando? Protejam Konoha! - Os esquadrões rapidamente saltaram, fascinados pelo poder do Hokage que por sua vez desapareceu indo em confronto a criatura.

Senju Tenzen, contra a lendária Kyuubi. Quem venceria?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: 01 - Prologo   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
01 - Prologo
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» {Prologo} O destino começa aqui
» [Trama - Prólogo] - O Fim de Uma Geração/ Início de Outra
» [Parceria] Prólogo Divino
» PROLOGO - KIKA WITH
» Os Escolhidos: Prólogo do Apocalipse - Capitulo I

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto: Shinobi no Sho - Sistema D8 de RPG :: Tópicos Arquivados :: Arquivos do Fórum :: Naruto SnS Online :: Toua: O Oriente :: Toua: Reborn :: Episódios-
Ir para: