Fórum destinado a divulgação e composição do RPG - Naruto ''Shinobi no Sho'' - Sistema D8
 
InícioPortalFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Menu
CSS MenuMaker
Últimos assuntos
» Fichas Personalizadas por Clã
Ter 07 Nov 2017, 15:06 por Fësant

» Apresente-se
Sex 25 Ago 2017, 23:48 por George Firefalcon

» Episódio 49 | A Reunião
Dom 06 Ago 2017, 19:15 por Fësant

» Dúvidas do Sistema
Ter 01 Ago 2017, 11:33 por Fësant

» Episódio 46 | Ou Himitsu?
Seg 26 Jun 2017, 02:57 por Fësant

» Episódio 48 | Encontros Esperados
Sab 24 Jun 2017, 18:09 por Inozaki

» Episódio 47 | De volta a Konoha
Seg 12 Jun 2017, 14:46 por Fësant

» Episódio 45 | Shu
Seg 12 Jun 2017, 14:19 por Fësant

Parceiros

Licença
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Compartilhe | 
 

 Episódio 53: A Raposa e a Maldição

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Sab 09 Abr 2011, 20:37

Enquanto isso, no local da antiga Academia Ninja de Konoha...


Agora parado em um cratera, do que fora a Academia Shinobi, Daikyuu se encontrava. Namito começa a se aproximar, saltando sobre a cratera e parando a metros de Daikyuu... Ele caminha sem exitar e sem mostrar intenção de violencia, se aproximando a 1 metro de Daikyuu. Com um ultimo passo, o Chuunin fica a centimetros de Daikyuu. Seus olhos se encaram e então com um olhar pesado -- Você fez parte disso Dakyuu? - ele encara com o rosto meio caido para o lado... Enquanto seu punho se fechava para se preparar para o que iria ouvir, a resposta seria obvia: Daikyuu não era um covarde então era clara a situação...



Tabulação Do horizonte, a figura nostálgica de Namito se aproximava a passos rápidos, beirando a chegada até a localização em que um confronto de suma importância na vida de ambos os participantes viria a ocorrer - à saltos, Daikyuu se precipitou do cume da cratera, jogando seu corpo até o centro onde, então, um fantasma de seu passado e grilhão de seu presente viria a surgir. No rosto do gênio encontrava-se esculpido o mais frio dos olhares, cuja função era denotar a desimportância que dava à destruição de Konoha: — Não esperava encontrá-lo nesta tarde, Namito. Bem-vindo de volta. — Comentou com a imediata chegada de seu ex-amigo.




Tabulação Dando um passo a frente, Daikyuu esticou o braço esquerdo de forma a adornar o pescoço do rapaz, inclinando-se até próximo ao ombro onde, de maneira despreocupada e provocadora, respondeu com um susurro hostil: — Eu sou parte disso. — Sua confissão foi seguida de um ligeiro movimento da mão direita, que se esticou agilmente até o cabo de sua arma - áspera, a empunhadura fazia-se mais pesada que o habitual, ostentando estranheza agora em face de alguém que fez parte de sua antiga vida. O combate havia sido declarado, tendo o golpe do Uchiha como sino de partida.
Tabulação Reluzente, sua lâmina percorreu o ar em um zunido estridente conforme se direcionou às costas do desafortunado alvo, buscando acertá-lo de maneira mortal nos pulmões - mais que um golpe, tal ato provava ser um teste para a indulgência da curiosidade de Daikyuu face ao potencial progresso de Namito. O quão longe iria aquele combate sequer cruzou a mente do Uchiha, cujo objetivo era apenas um, e dele apenas.









########### ABERTURA DA 3ª TEMPORADA ###########



#############################################

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sanada Genji
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 778
Data de inscrição : 02/08/2009
Localização : Konohagakure no Sato

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Dom 10 Abr 2011, 19:04

... Finalmente as respostas iriam surgir em forma de uma grande batalha definida pelo passado e que definirá o futuro...


... A cena rapidamente retorna para o encontro dos antigos amigos...

... A espada de Daikyuu vem de encontro as costas do jovem Namito. A mortal lamina desce lentamente para perfura-lo pelas costas, um ataque rapido e com graves intenções... Seu olhar de indiferença se altera para um estado de alerta total. Seu amigo, Daikyuu, era um potencial perigo para o Chuunin da Folha, que percebe a movimentação mortal do Nukenin... "Ele não esta exitando... Ele esta falando... Sério?" os olhos de Namito se arregalam perante a situação, sua mente rapida viaja em todos os sentidos, esperando por uma oportunidade de acreditar que aquilo fosse mentira... "Droga... Ele realmente vai..." ... *TUM TUM* seu coração explode em seu peito e a reação é realizada por seu corpo... Seu braço se eleva até a gola de Daikyuu, agarrando o kimono do Nukenin com força. Simultaneamente, seu outro braço se eleva, segurando assim o braço de Daikyuu e bloqueando a trajetória da espada... Seus olhos agora se encaram...



... Um instante de silencio, a fita de ambos parecia durar uma eternidade, olhos que se encaravam... A tremula lâmina mostrava que ambos os shinobis estavam pressionando e o choque de forças era tremendo... A morte e o frio que Daikyuu transmitia, assim como a crença e o calor dos olhos de Namito... -- Daikyuu... - a mão do Chuunin aperta com força o braço e o kimono de Daikyuu, mostrando a tensão que o mesmo estava naquele exato momento. Em um outro rápido movimento, Namito estica seus braços, tentando pressionar Daikyuu e assim abrindo uma brecha, na qual ele aproveita para saltar para tras... No ar o garoto puxa de sua bolsa shinobi uma Kunai, a colocando afrente de seu rosto e corpo, protegendo-se de qualquer possivel ataque... Seus pés tocam o solo, e sua sandalia se arrasta por alguns segundos até parar a alguns metros de seu amigo. Agaichado, o shinobi da Folha não deixa de encarar os olhos de Daikyuu -- Então é verdade que você escolheu esse caminho? -...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Seg 11 Abr 2011, 17:02



Tabulação Trajando em seu rosto nada senão menosprezo, o rapaz saltou de modo a rodopiar no ar e apoiar-se com as mãos contra o chão, afastando-se de seu oponente até deslizar na terra batida e, uma vez mais, retomar postura ereta - naquele combate, em especial, seus planos iam além da mera morte de seu alvo, requerendo atenção tal que o forçava a ser ambos; combatente e ator.
Tabulação De arma em riste, Daikyuu arqueou uma sobrancelha frente a incredulidade de seu ex-companheiro; a situação abrangia um leque de possibilidades que deveriam ser impedidas, e era seu dever manter na ponta de seus dedos o rumo daquele embate: — Ingênuo, como sempre. Mesmo uma criança de oito anos sabe que vai contra todo bom senso fitar os olhos de um Uchiha. Que decepção. — Reverberou, em ofensa, meio a uma rápida e imperceptível liberação de chakra que rumou a tessitura cerebral de Namito. Seu Genjutsu, se efetivo, abalaria o senso de equilíbrio de seu oponente num efeito de tonteira instantânea.




Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sanada Genji
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 778
Data de inscrição : 02/08/2009
Localização : Konohagakure no Sato

MensagemAssunto: Episódio 52-b: O Julgamento da Folha   Ter 12 Abr 2011, 15:35


... Namito agaichado e em alerta é afetado pelo simples Genjutsu, ficando atordoado e um pouco tonto. Nesse instante seu corpo se enfraquece, e quase em queda, sua mão toca o chão, dando assim, com seu braço, suporte para que se mantivesse em alerta...


... "URG... Gen... Jutsu? Ele usou a técnica tão rapido que nem pude perceber... Essa são suas novas habilidades Daikyuu Kun?" o Chuunin encara o seu antigo amigo a sua frente, apenas o mantendo sob sua visão... -- Pare... - a tontura continua tomando a visão do jovem garoto, que parecia estar tentando tomar algum folego, respirando lentamente, forçando sua mente a se focar um pouco que seja, apenas o necessário para seu corpo ser tomado por um movimento... Encarar o rosto de Daikyuu era como uma eternidade naquele estado... "Vamos la... Eu preciso me concentrar, ou então... Vamos, vamos... VAMOS!!!" agora tomado por uma expressão furiosa, ele eleva seu braço e então desce com velocidade até o chão, golpeando-o com um forte soco...


... -- EU DISSE PAREEE!!!! - *TRACKtrack* o forte soco eleva pequenos pedaços de pedra, que pairam sobre o olhar intimidante do novo shinobi, como em camera lenta aquele era o momento... O corpo de Namito se eleva com um vigor inabalado, ele fica ereto perante o jovem Uchiha Renegado... -- Você não mais brincará com a vida dos outros Daikyuu Kun... Eu vou por um fim nessa sua loucura... Vou te mostrar como é ser um Shinobi de verdade e lutar pela Justiça!!! - o jovem Chuunin coloca suas mãos atras da cabeça, segurando com força sua faixa e a apertando. Logo sua kunai é reposicionada a frente de seu corpo -- A Vila da Folha sempre protegeu você... Eu sempre protegi você e não importava o que falavam ou deixavam de falar, eu nunca parei de acreditar que você estava vivo e estava bem... Mas... Eu não esperava isso de você... Mas agora eu sei porque eu estou aqui... Eu estou aqui para te mostrar o caminho... O CAMINHO CERTO!!! - ele respira profundamente, tomando coragem para as proximas palavras -- Sei que não posso recuperar o que se foi perdido nessa batalha, Konoha, amigos, pessoas inocentes... Mas... Você deveria saber que eu tenho muito mais pelo que lutar do que você e eu não vou voltar atras... Eu não vou me segurar... Prepare-se Daikyuu, hoje não teremos Ichiro Sensei, nem Taka, nem ninguem... Somos shinobis e eu vou parar você... Nem que isso custe a minha vida... - por um segundo o olhar treme, treme de raiva pelas pessoas que enganaram Daikyuu -- Você se aliou a aquele Kazuya... O IDIOTA QUE MATOU NOSSO GRANDE SHODAIME HOKAGE... Você esta se afundando... Onde eu não sei se poderei salva-lo... Mas eu não deixarei isso acontecer... SE TIVER QUE PARA-LO, ENTÂO SEJA AGORA!!! - ... Namito aponta a sua kunai para o jovem Daikyuu... Nesse instante o garoto sai correndo lateralmente, circundando seu alvo, o jovem Uchiha.


Com uma bruta freada, Namito se agaicha, quase fincando seus pés no solo, que se arrastam elevando uma pequena poeira. O Chuunin lança 3 shurikens, a alturas dos projéteis eram de 30cm acima do chão. As shurikens avançam contra as penras de Daikyuu enquanto no mesmo instante que desfoca a visão do alvo, o jovem shinobi salta para o ar, colodando sua kunai afrente e descendo na direção do Uchiha...

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Ter 12 Abr 2011, 22:39





Me parar? — Repetiu o Uchiha pelo fim do discurso de seu adversário - a graça encontrada nesta declaração insana foi tanta que, por tamanha ingênuidade, forçou-lhe a fechar os olhos para um segundo de reflexão. Quando os abriu, finalmente, sua paciência e tempo para brincadeiras haviam se esgotado, dando espaço em sua mente para nada senão um terrível vazio construído sob silêncio e lentidão; vazio tal que, feito o olho-mágico de uma porta, o permitia vislumbrar novas perspectivas no além-horizonte. Foi sob esta original maneira de encarar que, por vez, agiu.




Tabulação Untadas por zunidos de rotação, as shurikens disparadas por Namito aproximavam-se em alta velocidade, porém, visto a altura com a qual haviam sido lançadas, não pareciam representar qualquer perigo imediato; Daikyuu franziu suas sobrancelhas em seriedade, saltando de maneira que por segundos as pontiagudas armas não lhe rasparam as canelas - em meio ao ar, restou-lhe uma manobra ousada.
Tabulação Rodopiando, o gênio propeliu seu corpo para frente brandindo sua espada em forma defensiva e, com o deslocamento de ar, o encontro entre as armas pôde ser ouvido num tilintar de metais seguido por uma rápida fricção de ambas as lâminas - com o fim do primeiro assalto, cada lutador desceu em seu lado da arena. Daikyuu caiu de pé sobre a borda da cratera, onde ereto tomou postura relaxada de costas para o Sol. Sua sombra, agora sob parte da extensão dos destroços, denotava aspecto tenebroso: — Protegeu? — Inquiriu com ódio inflexível, olhar flamejante e uma raiva tal que lhe arrepiada os braços: — Sim, eu me aliei a Kazuya e, acredite, faria tudo novamente. Meu pai, meus tios, amigos e irmãos de sangue. Mortos pela "proteção" de Konoha, que viu na dissolução de suas vidas uma segurança; segurança para seu próprio poder, ameaçado pela genialidade do clã. Segurança contra olhos indomáveis cujo calibre os permite profetizar a morte ... Hoje, Yonikaze Namito, prevejo a sua!






Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sanada Genji
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 778
Data de inscrição : 02/08/2009
Localização : Konohagakure no Sato

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Qua 13 Abr 2011, 18:00

... A kunai de Namito e a espada de Daikyuu se tocam, reluzentes no céu, ambas as armas soltam o som do combate *TIM*... Namito cai no chão, deslizando alguns centimetros, só então suas shurikens, lançadas previamente, se prendem a parede da cratera. Isso apenas mostrava o nivel daqueles dois shinobis, ninjas e combatentes tão rápidos que seus movimentos eram incriveis...


... Ambos os amigos percebem agora o que se iniciaria. As palavras de Daikyuu começam com um peso grande e apesar do montante que o Chuunin da Folha dissera anteriormente, Daikyuu tambem tinha peso e conteudo em suas palavras... O garoto escuta atentamente as palavras de seu "amigo". Nunca Namito prestará tanta atenção nas palavras de alguem, aquele era um momento, que talvez ele sonhava que meras palavras pudessem mudar o destino... Os olhos do Chuunin vão se abrindo, pouco a pouco, com as palavras ditas por Daikyuu... "Pai... Tios... Mortos pela "Proteção" de Konoha? Isso é... Impossivel..." o garoto tentava entender tais palavras do "Vingador Uchiha"... Agora, de certo um pouco cabisbaixo, o garoto responde -- Se isso tudo é verdade, porque não ficou e lutou? - Namito encara Daikyuu, olhos que agora haviam mudado...

... -- Eu teria lutado ao seu lado... Meu irmão... - ele ameaça dar um passo na direção de seu "atual" inimigo, mas exita, como se estivesse sem palavras para a situação que o mesmo permitirá acontecer com seu grande amigo -- Daikyuu você desviou seu propósito... Se tornou alguem... Um shinobi... Que vai contra a Justiça que você tanto deseja... - uma lagrima escorre dos olhos de Namito, que o mesmo limpa rapidamente... -- Eu sei que as coisas foram dificies para nós... Guerras... Mortes... O Mundo esta cheio de desafios, maldades e corruptos... Mas isso não muda o fato de NÓS sermos a grande esperança... Ela não pode morrer da forma que você esta fazendo... Não deixe que isso domine você... Daikyuu Kun...- porem a frieza transmitida pelo jovem Uchiha era muito elevada, seu olhar e suas palavras diziam isso para o garoto da Folha.


... Namito encara seu adversário dentro do campo de batalha... -- Acho que não existe o que conversar mais não é? - o garoto reposiciona a Kunai afrente de seu corpo, fazendo o selo do "Kage Bushin", criando assim 3 Clones das Sombras... Um dos clones o segura pelo braço, girando-o com força e então lançando-o na direção do garoto Uchiha, em linha reta, pedindo por um combate justo e honrado... Seus olhos tomam a forma de uma besta e seu corpo começa a avançar muito rapido, como um verdadeiro missil -- DAIKYUU!!! VOCE TEM QUE PARAR!!! - nesse instante, o garoto coloca seu punho afrente, tentando golpear o rosto do Uchiha com um poderoso soco...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Sex 22 Abr 2011, 19:53



Lutado ao meu lado? Não se deixe enganar, Namito. As asas que um dia tive ... não mais ... jamais ... — Pausou de olhos fechados, conforme sua mente era inundada por um sentimento há muito tempo esquecido, e para sua surpresa, ainda mais longíncuo que as ilusões de amizade e companheirismo: ódio. Konoha era o antro de sua perdição, a geradora de algozes que, sob comando e influência da Folha, ceifaram as poucas vidas que constituiam a esperança de Daikyuu. Enquanto ao longo de sua curta infância semeava novos laços, outros antigos de pura revolta e desafeição acresciam amargura no coração da criança. Ódio era o sentimento original, perturbado pela súbita aparição de laços fraternos. Remoido, esquecido e, por fim, desfigurado em apatia. Com o reabrir letárgico de seus olhos, o foragido não mais resguardava em sua áura o mínimo sinal de compaixão. Sua íris era agora dum avermelhado infernal que acompanhava feito uma sombra cada movimento de Namito. Com espada ainda em punho, a sensação de estranheza proveniente do cabo havia se dissipado - era agora de facil manejo, mesmo se no intento de retalhar a carne de um ex-companheiro: — ... me distrairão de meu propósito novamente. — Daikyuu sussurrou à medida que Namito já se encontrava próximo, erguendo sua arma na intenção de bloquear o golpe e permitir que o Chuunin da Folha passasse batido em seu trajeto.







O clone de Namito avança violentamente contra Daikyuu. Este, muito sobriamente, somente posicionou sua espada a fim de bloquear o ataque. E, de fato, o conseguiu, sem nenhuma dificuldade. A lâmina de sua katana leve corta o punho de Namito, prosseguindo o corte por todo o braço ao passo em que a força do impulso do mesmo prossegue. Todavia, para surpresa do Uchiha, ou não, aquele era somente um clone, que se desfez em fumaça assim que recebeu o corte. Namito havia trocado de lugar com um de seus Kage Bunshins sem que Daikyuu tivesse sequer notado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sanada Genji
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 778
Data de inscrição : 02/08/2009
Localização : Konohagakure no Sato

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Sex 22 Abr 2011, 20:14




... Agora restavam apenas 2 Clones e o orginal posicionados afrente de Daikyuu uchiha... "Droga... Ele é rapido e habilidoso como sempre..." os 3 retiram suas kunais, as posicionando afrente do corpo e então se separam, indo um para cada lado, tentando formar uma triangulação a volta do jovem Uchiha...


Quando dois dos clones remanescentes, em meio ao verdadeiro, tomam posição triangular ao redor do Uchiha, o gênio é forçado a encontrar uma maneira de disparar contra cada um deles - com uma formação ligeira de selos, suas mãos movem-se numa velocidade anormal, finalizando com o trazer de seu dedo indicador ligado ao polegar contra os lábios. A partir desta ação, uma quantidade significativa de ar é puxada para os pulmões, sendo então disparada no formato de três bolas de fogo contra cada um dos que o cercavam. O Namito original ainda conseguiu realizar uma grande esquiva, deslocando para o lado direito, mas os dois clones não puderam reagir a tempo, sendo ambos destruídos instantaneamente pelas bolas de fogo. Depois do ataque bem sucedido, Daikyuu somente aguarda a próxima investida do oponente.

... Namito faz um rapido salto, caindo a 5m de distancia, arrastando suas sandalias pelo solo arenoso dos destroços... "Um rapido Jutsu de Fogo... Aqueles olhos..." -- Sharingan... - o chuunin percebe que o mesmo havia desenvolvido bem seus olhos, e que agora ele estava mais perigoso do que nunca... -- HUNF... Se você acha que esta rápido... Eu vou te dar algo novo para contar... KAGE BUSHIN NO JUTSU!!! - nesse instante um grupo de 3 Clones aparecem a volta da arena... Eles encaram Daikyuu e então os 3 partem para cima do renegado shinobi, visando ataca-lo com suas kunais. Enquanto os 3 clones avançam, em zig-zag para não ficarem em linha unica, Namito se concentrava, seguindo-os e preparando seu ataque...


Um, dois, três ataques bem sucedidos sobre Daikyuu. Os clones, mesmo sendo inferiores ao original, conseguiram acertar o alvo com desmedida facilidade. Tanta, que Namito imediatamente estranha o ocorrido. Quando o corpo do Uchiha atinge o solo, não se tratava de um humano, mas sim um pedaço de madeira, escombro do que restou da Academia Ninja que ali ficava outrora. Daikyuu havia usada Kawarimi no Jutsu, e sua localização estava, agora, indefinida.

... -- KA KA KA Kawarimi no JUTSU??? - "Droga estou em desvantagem... Se eu não me preparar... Acho que esta na hora de levar a sério, isso esta me preocupando, preciso de tempo para entender Daikyuu..." nesse momento o garoto se concentra, ativando sua circulação de chakra...


Última edição por Namito Yonikaze em Sab 23 Abr 2011, 02:43, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Sex 22 Abr 2011, 21:53



A ingênuidade de Namito logo seria seu maior prejuízo; de forma a observar todo o desenrolar da cena de sua posição, Daikyuu vislumbrou minuciosamente a movimentação dos membros de seu ex-companheiro, tracejando padrões e rastreando suas falhas de postura. Com o fim de seu processo investigativo, o Sharingan havia, então, concluido seu avanço para um suposto quatro estágio ilusório em sua capacidade de previsão - algo único, obtido sob esforço, e que seria bem empregado em combate. Restava-lhe apenas desfazer-se das malditas imitações que se apresentavam em campo de batalha. Assim que os clones tocaram o tronco de madeira, o vento revoltou-se na área, rodopiando para a formação de um redemoinho cortante que viria tentar atingir todos naquele espaço. Com isto, era hora de pôr em prática planos ofensivos mais drásticos - brincar não era uma opção.







Aquela técnica possuía um grande forte: se executada de um ponto cego, o oponente não saberia a origem da mesma. Logo, tornou-se ideal para Daikyuu naquele momento. A corrente de vento, de pouco dano e usada somente para aprisionar adversários, teve a força necessária para desfazer novamente os outros clones de Namito. Enquanto isso, Daikyuu permanece oculto, realizando planos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sanada Genji
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 778
Data de inscrição : 02/08/2009
Localização : Konohagakure no Sato

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Sab 23 Abr 2011, 02:53


... Namito estava preocupado demais, tudo havia se tornado suspeito e Daikyuu parecia ter se tornando um excelente shinobi... "Preciso encontra-lo... Naturalmente, nenhuma de minhas técnicas basicas se comparada a aqueles olhos... Preciso estar preparado... Acho que esta na hora de lhe mostrar minha verdadeira força..." Namito em um rapido movimento, bate um de seus pés contra o solo, dispersando uma quantidade ar a sua volta. Nesse instando o mesmo estava assumindo sua postura de combate mais poderosa. Sussurrando assim -- Estou pronto... - apenas aguardando a aparição de seu amigo...




... -- Daikyuu Kun... Como pensei se tornou um covarde... Tudo bem... Se quer brincar... VAMOS LA!!! KAGE BUSHIN NO JUTSU!!! - no momento que a técnica é liberada, 2 Clones das Sombras são criados e em conjunto com o original, todos os 3 começam a procurar pelo paradeiro de Daikyuu, dentro da cratera... -- Cade ele? - e o outro logo dizia -- Daikyuu? Onde... - e o ultimo mais adiante -- VAMOS DAIKYUU!!! - um pouco mais irritadiço... Os clones em meio ao original procuram incansavelmente pelo paradeiro do shinobi oculto, perdendo muito tempo e se empenhando duramente na investigação...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Sab 23 Abr 2011, 03:40



Tabulação Oculto, Daikyuu observou seus arredores a medida que parte de sua estratégia estava concluída; era agora uma questão de praticidade até que a segunda parte fosse executada. Quando alguém - clone ou não - finalmente o encontrou, o Uchiha arqueou uma sobrancelha e trouxe ao rosto um sorriso, erguendo sua espada de maneira a golpear o indivíduo a medida que bateu em corrida contra os outros dois, no intento de acertar um por um até que restasse apenas o original. Com sua perda ligeira de energias, o combate aproximavasse assustadoramente de tornar-se algo complicado.
Tabulação Ao desfazer-se do primeiro clone com uma apunhalada certeira contra a barriga, o gênio prosseguiu em alta velocidade contra sua segunda vítima que, uma vez mais, provou ser falsa ao estourar em fumaça quando a lâmina de sua espada o perfurou na altura do peito - seus olhos estavam, desta vez, em vislumbre do original: — Yo! — Cumprimentou em deboche, ainda que sem sorriso algum no rosto, conforme suas mãos se moveram para a realização rápida de uma sequência de selos. Uma vez concluida, o rapaz inalou com força, expelindo uma esfera de chamas que se propagou e vôou em direção ao alvo. Imbuida de Chakra, a esfera crescia lentamente em seu trajeto, visando dificultar qualquer defesa.







Namito tenta esquivar da grande esfera de chama, entretanto, não pôde reagir a tempo. Depois que toda a esfera de fogo engoliu o chuunin, e o efeito do jutsu cessou, Daikyuu percebe que nada restou naquele lugar. Rapidamente, conclui que aquele “Namito” era somente mais um clone.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sanada Genji
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 778
Data de inscrição : 02/08/2009
Localização : Konohagakure no Sato

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Sab 23 Abr 2011, 04:32

... "AGORA!!!" o verdadeiro Namito estava do lado de fora da Cratera, aguardando apenas a oportunidade de pegar o seu desprevinido alvo "Tenho que acabar com isso de uma vez por todas..." seus dedos se cruzam e um Clone das Sombras aparece ao seu lado. Ambos os shinobis saltam, pairando no ar, sobre a cabeça o jovem Uchiha... Os corpo de Namito se aquece, aumentando sua força. O Clone o gira três vezes no ar e então o solta, arremessando diretamente contra Daikyuu desprevinido...


Namito avança, com um verdadeiro torpedo. Sua rápida estratégia para conseguir completar aquele ataque tinha sido perfeita até então. Um personagem comum jamais conseguiria evitar aquele rápido, poderoso e preciso ataque. Todavia, seu oponente era um portador legítimo do Sharingan, a única habilidade capaz de fornecer a alguém a capacidade de enxergar aquele ataque e reagir a tempo. Quase que instantaneamente, Daikyuu moveu sua katana para frente do corpo, a fim de se proteger através de um bloqueio. Em um segundo, o torpedo humano atinge o alvo. Com o impacto, um estrondo ecoa pela cratera, ao passo em que uma cortina de poeira se levanta.

Segundos depois, quando a poeira começa a baixar, gradativamente os dois combatentes podem ser distinguidos, ambos de pé, a um pouco menos de 5m um do outro. De um lado, Daikyuu tem sua katana já fora da posição defensiva, porém com a lâmina levemente suja por sangue. Do outro, Namito estava de pé, levando a mão esquerda à outra, massageando-a para aliviar a dor e ajudar na coagulação do sangue que caia pelo corte, embora este não fosse muito profundo. A estratégia do chuunin de Konoha havia falhado. Enquanto isso, o clone que havia auxiliado na propulsão do mesmo permanecia no alto da cratera.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Seg 25 Abr 2011, 23:51



Tabulação Em situação comum, o ataque de Namito burlaria toda e qualquer defesa - sua estratégia foi assustadoramente madura, revelando que subestimar seu crescimento havia sido senão um erro. Daikyuu ofegou por um instante, mas logo brandiu sua lâmina carmesim, permitindo que a energia cinética levasse embora os fluídos deixados pelo bater dos punhos de seu adversário contra o fio de sua espada. Posicionando-se de lado, o renegado encarou seu alvo de uma maneira peculiarmente fria: — Seu futuro ... em minhas mãos. — Declarou, estendendo à frente sua mão livre conforme o punho cerrou-se de maneira ligeira. Tremeluzentes feito o vermelho de uma chama, seus olhos avermelhados sequer desgrudaram do alvo a sua frente quando sacou de sua perna duas kunais, arremessando-as contra o suposto clone no topo da cratera. De maneira agil, o clone saltou para o lado, desviando dos projéteis - quando este concluiu a esquiva, outros dois seguiram uma vez mais e, novamente, erraram conforme a cópia rolou e os evitou. De volta ao fundo da cratera, Daikyuu iniciou uma sequência rápida de selos, de maneira a enviar de sua boca um gigantesco dragão de chamas que rugiu e seguiu trajetória contra Namito.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sanada Genji
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 778
Data de inscrição : 02/08/2009
Localização : Konohagakure no Sato

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Ter 26 Abr 2011, 00:12

... Namito estava frente-a-frente com Daikyuu, quando seu perigoso adversário começa um rapido movimento, sem conseguir se mover, o chuunin apenas assiste as 4 kunais que passam ao lado de seu corpo, em direção ao outro Namito. com certo esforço o garoto, acima da cratera, da um forte salto para o lado, se livrando das kunais que por pouco não acertam seu corpo... Enquanto isso, la embaixo o garoto assiste aos precisos movimentos do Uchiha "Daikyuu, você continua sendo o melhor... Eu mal consegui acompanhar seus movimentos, isso esta parecendo encranca, gastei grande parte do meu Chakra e ainda não o consegui acertar... Sera que ele..." antes mesmo de terminar o pensamento, seus olhos percebem algo novo, rapidos selos, e então uma forte luz toma sua imagem... Um Dragão de Chamas, é enviado, o calor bate seu rosto e então com muito esforço, Namito se lança para o lado, se arrastando pelo chão e rolando... -- Ahhh ahhh ahhh... - estava ofegante, a situação estava se complicando...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   Ter 26 Abr 2011, 00:29



Com a súbita esquiva realizada por Namito, Daikyuu expandiu um leve sorriso: — ... está lendo meus movimentos? — Concluiu o pensamento de seu adversário. Feito um flash, seu corpo se projetou em alta velocidade de encontro ao inimigo, espreitando o alvo feito uma cobra a observar a movimentação de sua presa; seu chakra, agora a baixo do limite seguro, não deveria sofrer qualquer desperdício. Uma vez próximo de seu alvo, o Uchiha saltou e rodopiou no ar de forma a, durante o caminho, brandir a lâmina em arco contra o ombro de Namito, procurando finalizar ao pousar em sua retaguarda.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Episódio 53: A Raposa e a Maldição   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Episódio 53: A Raposa e a Maldição
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Dungeons em Dragons(Caverna do Dragão) Ultimo Episódio
» [EVENTO] MONTE SUA QUEST BASEADA NOS EPISÓDIOS DA SÉRIE POKEMON!
» [Resolvido] Maldições
» Episódios Shippuuden [Spoiler-Alert]
» Assustador! - Episódio 1 "A Mansão Velha"

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto: Shinobi no Sho - Sistema D8 de RPG :: Tópicos Arquivados :: Arquivos do Fórum :: Naruto SnS Online :: Toua: O Oriente :: Toua: Hajime :: História :: Episódios :: 3ª Temporada :: Incompletos-
Ir para: