Fórum destinado a divulgação e composição do RPG - Naruto ''Shinobi no Sho'' - Sistema D8
 
InícioPortalFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Menu
CSS MenuMaker
Últimos assuntos
» Apresente-se
Sex 25 Ago 2017, 23:48 por George Firefalcon

» Episódio 49 | A Reunião
Dom 06 Ago 2017, 19:15 por Fësant

» Dúvidas do Sistema
Ter 01 Ago 2017, 11:33 por Fësant

» Episódio 46 | Ou Himitsu?
Seg 26 Jun 2017, 02:57 por Fësant

» Episódio 48 | Encontros Esperados
Sab 24 Jun 2017, 18:09 por Inozaki

» Episódio 47 | De volta a Konoha
Seg 12 Jun 2017, 14:46 por Fësant

» Episódio 45 | Shu
Seg 12 Jun 2017, 14:19 por Fësant

» Episódio 44 | A Aliança
Seg 12 Jun 2017, 14:11 por Fësant

Parceiros

Licença
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Compartilhe | 
 

 Episódio 52: O Julgamento da Folha

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1668
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Sex 08 Abr 2011, 22:54


########### ABERTURA DA 3ª TEMPORADA ###########



#############################################



Na saída principal da Vila Oculta do Vulcão, Namito, Takahara, Hana, Ryo e Seshuu observam Ichiro levar a mão à uma das pochetes que sempre traz consigo, retirando cinco pedaços de papel, com aproximadamente 2cm de largura e 10cm de comprimento cada. Ele leva a mão com os papeis para frente, de forma que todos pudessem vê-la, e diz:

— Usaremos Jikuukan Ninjutsu. — ao ver a expressão de surpresa de uns, e estranhamento de outros, o Jounin prontamente prossegue com a explicação. — Jikuukan Ninjutsu é Ninjutsu de Tempo/Espaço. São técnicas que permitem mover corpos de um lugar para o outro de forma instantânea, mas não com um movimento corporal, como normalmente fazemos ao correr rapidamente, e sim “quebrando” as leis da natureza sobre deslocamento e existência dos corpos. Resumidamente, significa que vamos nos “teletransportar”.

E depois de breve pausa, continuou...

— Um exemplo bastante simples e prático: todos vocês já viram alguém executar o Kuchiyose no Jutsu, não é mesmo? O que vai ocorrer, a grosso modo de falar, é que eu irei viajar pelo tempo/espaço até Konoha, e depois invocarei vocês com um jutsu semelhante ao Kuchiyose. Entretanto, para fazer isto, vou precisar ter uma espécie de elo de ligação com vocês, algo que, digamos assim, “substitua” o pacto de sangue que um shinobis faz para poder utilizar a Técnica de Invocação. E é nessa parte que entram essas pulseiras. — Ichiro vai calmamente andando, entregando uma pulseira para cada um dos presentes. — Amarrem essas pulseiras nos punhos e não tirem até serem invocados por mim em Konoha. De preferência, nem retirem quando já estiverem lá, pois enquanto estiverem com a pulseira eu poderei mover-me instantaneamente para suas localizações e prestar algum auxílio de última hora. Já que estamos entendidos, vamos...

Ichiro parou de falar de repente, ao passo em que a atenção de todos foi interrompida por um grande estrondo vindo do centro de You’gakure no Sato. Quando todos voltaram seus rostos para o local de onde ouviram o som, miraram uma luz vermelha ascender ao céu e assim permanecer. Os shinobis ali presentes até comentaram com Ichiro sobre o ocorrido, apreensivos. Todavia, a mente daquele homem parecia não se situar mais ali. Por alguns segundos, o Jounin ficou imóvel e alheio a tudo que ocorria à sua volta. Quando voltou à si, Ichiro estava quase que suando frio, os Olhos de Dragão ativos, e sua expressão facial mostrava uma preocupação que raramente era vista no rosto de um ninja tão calmo.

— Escutem com atenção! O momento chegou! Vou na frente e vocês fiquem esperando serem invocados.

E mal terminava a fala, o corpo do Jounin já não se encontrava ali. Para grande surpresa de todos, Ichiro desapareceu bem na frente dos olhos dos presentes.

(...)

No território da Antiga Konoha, os espelhos de gelo criados por Shisui se desfaziam. Quando este, Daikyu e Hioku se deram conta, Kazuya se encontrava já próximo deles, com o mesmo “nada” no rosto que o caracterizava. Após terminar de caminhar, parando mais perto do grupo, o Deus Zero volta seu rosto levemente para a direção onde antes se encontrava.

Naquele ponto, totalmente envolto por rochas e terra, havia algo de único. O prédio da Administração de Konoha estava de pé. Em seu terração, o Nidaime Hokage se achava na mesma posição, com o joelho direito apoiado ao chão. Olhando para frente, seu rosto sério reflete a tristeza ao ver que tudo virou pó. E enquanto enxugava uma lágrima, disse:

— Uma barreira de tempo/espaço... Seu irmão ficaria orgulhos de vê-lo finalmente no auge de suas capacidades como ninja. Bem vindo de volta, Raiyate Ichiro.

De frente para Yusuke, a somente dois passos, estava o então nomeado Jounin. — De volta... Não voltei para Konoha ainda. Quase me desespero ao notar que a última imagem que tenho daqui foi de três anos atrás... — e parando de divagar, voltou sua voz para o Hokage. — E o senhor, Yusuke-senpai, não imaginava vê-lo dessa forma.

— Não esperava? Pois saiba que dá muito trabalho lutar somente para retardar o inimigo. É muito mais difícil não matar do que matar. Mas agora todos os moradores já estão a salvo, e o jutsu final de destruição dele já foi usado. Vocês têm toda a liberdade para acabar com essa luta. Vá.

— Sim, Hokage-sama! — e assim dizendo, Ichiro salta do terraço imediatamente. Após pousar no solo, realiza um único selo — Fujutsu: Jigen Gēto! (Divinação: Portão Dimensional!)


Em um estalo, cinco vultos aparecerão ao redor do Raiyate. Depois de alguns pouco segundos, estes novos chegados notam e compreendem a mudança brusca de lugar que ocorreu pela técnica do portador do Ryuugan.

— Chegamos em Konoha... ou no que era Konoha... O Hokage está fora de batalha, bem em cima do Prédio da Administração, atrás de vocês. Alguns quilômetros a frente, estão nosso inimigos, aqueles que fizeram isto com nossa Vila. Por ela, por nossa amada Konoha. Não devemos ter piedade! Kazuya julgou a Folha, agora é nossa vez de julga-lo.
(...)


Última edição por Fësant em Sab 16 Abr 2011, 01:13, editado 4 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Sex 08 Abr 2011, 23:40



Tabulação O limiar entre eras era traçado naquela impiedosa tarde ensolarada; precedido de um clarão ofuscante e um silêncio mortal, a explosão de Konoha tomou proporções lendárias - árvores, pessoas e casas viam-se inteiramente pulverizados pela indistinguível imagem do que consumia tudo com seu toque, absorvendo séculos de cultura, criação e história para o nada. O baixar da cortina de poeira, espessa e nociva, revelou, então - Konoha não mais existia.
Tabulação Atônito pela súbita queda de chakra na região, Daikyuu foi forçado a retroceder um passo, levando os braços frente aos olhos na vã tentativa de conter a luminosidade que fazia arder suas vistas; com o emergir da visão assombrosa provida pelo devastar de seu jamais esquecido lar, o rapaz pôde senão contemplar, tendo como único conforto pequenos e grandes fatos que lhe escoravam a consciência.




Tabulação Sua expressão de luto e tristeza, então, reverteu-se para uma seriedade incondicional quando um destes fatos fez-se presente - no horizonte, a visão dos recém-chegados acendeu uma chama que a séculos aguardava pela fagulha que a faria tremiluzir uma vez mais. De pronto, o Uchiha iniciou caminhada quieta rumo a um ponto específico para a direita de onde se encontravam; pretendia trilhar rumo a velha academia, e não tinha qualquer intenção de parar até chegar em seu destino.
Tabulação Paciente, chegou finalmente até os escombros do que antes era o prédio de ensino para aqueles com um sonho - agora devastada e transformada numa cratera insignificante, o recinto ecoou com o bater de suas sandálias no beiral do recém-formado poço, quando então parou, inspirou e, de olhos fechados, sussurrou um nome que a anos não cruzava seus lábios ou mesmo sequer sua mente: — Venha ... Yonikaze Namito




Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ikko Takahara
Ilustre
Ilustre
avatar

Mensagens : 175
Data de inscrição : 25/10/2009
Idade : 21

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Sab 09 Abr 2011, 11:47

Takahara esperava, sabia que Ichiro estava preparando alguma coisa, alguma maneira de ir para Konoha. Sua expressão era apreensiva. Queria saber como estava sua vila natal, como estava todas as pessoas que ele amava. Ouvindo atentamente as intruções do sensei ele prende a fita de papel em volta do seu pulso esquerdo, enquanto tentava entender toda aquela história de tempo/espaço. -- Certo. - Disse Taka para Ichiro que havia começado o processo para a viagem. Uma sensação muito estranha, tudo a sua volta perdeu o som, aos poucos as imagens começaram a se distorcer, e de repente tudo ficou escuro. Em um estalo os seus sentidos voltam, mas dessa vez estava em outro lugar. -- Acho que... - Takahara nem termina a sua frase de tão pasmo que estava. "Errou o lugar...." - O garoto olha em sua volta, tentando ter uma visão 360°, o que não era difícil. Mas como Konoha havia se transformado nisso? "Quem fez isso?!?" - De espanto, para medo de perder o lugar onde passou toda sua infância, de ter perdido todas as pessoas que amava, para raiva. Uma raiva que talvez nunca tinha sentido antes. Era um ódio puro por alguém que não sabia quem era, mas quem havia feito aquilo tudo aquilo, teria que pagar.


Taka ouve as instruções de Ichiro. Olhando para tras e tentando achar o Hokage. Depois olhando para frente com olhos serrados tentando identificar qualquer posição de seus inimigos. Takahara olhava a expressão dos seus companheiros. Ele teve vontade de chorar, mas ao ouvir as palavras do seu sensei, segurou as lágrimas e de uma forma irracional saiu correndo para frente. Não sabia exatamente onde estava indo. Seus pés esmagavam pedaços de tijolos, deslocando uma pequena quantidade de poeira.-- AhhhHH!! "Se meus inimigos estão à frente, não tenho tempo a perder. De um modo ou de outro eles vão pagar, nem que seja com suas próprias vidas!"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sanada Genji
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 778
Data de inscrição : 02/08/2009
Localização : Konohagakure no Sato

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Sab 09 Abr 2011, 19:52


... Namito estava sem expressão, com um olhar rebaixado, fora de seu impulso comum... O teletransporte é efetuado com sucesso e agora eles estavam sobre o terreno de uma devastada Konoha. O olhar de Namito se eleva e passa pelo local todo, buscando nessa procura unica alguma razão para aquilo tudo. Suas mãos saem de seu bolso, mostrando uma reação de choque, seu olhar frio se entristesse e se mistura com certo espanto. "Chegamos... Tarde..." seus olhos se fecham e nesse momento um luar escuro surge...

Dentro da mente de Namito...
... -- Daikyuu... você... - O local era todo escuro e bem afrente, ao longe, havia o grupo formado de Kazuya, Shisui e Daikyuu... A imagem de Shisui some no horizonte, deixando apenas kazuya e o seu amigo Uchiha na escuridão... Após algum tempo, kazuya desaparece, e agora apenas aquele que tanto tinha para falar ficava só a sua frente, o encarando...

... A escuridão se desfaz e realmente a imagem de Daikyuu estava no horizonte, encarando-o logo iniciando sua caminhada para um lugar, que por si só, ja premeditava o que estava para acontecer...


... Namito encara a arena que antes fora Konoha. Procurando pelos culpados ele identifica as silhuetas dos inimigos no horizonte.



... "Eles não vieram sozinhos... E até agora parecem ter um nível incomparavel..." seu olhar vaga para o trio de Aliados e ve perfeitamente a combinação perfeita do Time Hikari... Namito sem encarar ninguem diz -- Ichiro Sensei... Amigos... Cuidem de kazuya, esse mizeravel deve pagar... Eu queria dar um chute naquele traseiro, mas antes eu tenho que resolver uma coisa... - ele começa a caminhar. Após alguns poucos passos ele para, ainda de costas para Ichiro "Deixo com vocês..." ele faz um sinal de positivo com o dedo, mostrando que confiava plenamente em seus amigos... Uma longa caminhada começa, seguindo parelamente o caminho que Daikyuu percorria...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hikari Hana
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 151
Data de inscrição : 14/11/2009

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Dom 10 Abr 2011, 17:23

No momento em que surge naquilo que estavam chamando de Konoha, seus olhos imediatamente não acreditam no que estava vendo. Os danos são apocalípticos, para ser mais exata, não existe mais uma Vila Oculta da Folha. Simplesmente dava dois passos a frente de Ichiro e dos outros. Mira o olhar rapidamente para onde Namito havia se dirigido. Será que naquele lugar estaria o tal do Daikyuu? Mas não importa! No momento não interessava quem ele era, não estava interessada nas relações de Namito, se vivería ou morrería.


-- Yusuke-san, porque não vai dormir um pouco ? -- disse alto, para que o Hokage pudesse ouvir, mesmo estando no topo do prédio -- Nós podemos cuidar de tudo aqui, tem bastante lixo pra ser recolhido. Começando primeiramente por..


Neste momento arregala os olhos, estava sentindo, sentindo a pressão do chakra DELE. Aquele homem não estava longe, muito pelo contrário estava perto... seus olhos apenas miravam Kazuya de longe. A razão de sua desgraça estava praticamente a metros de seus punhos. Suas mãos tremiam inconscientemente, estava perdendo o controle. O chakra do selo amaldiçoado repentinamente é liberado, criando uma grande manifestação de poder em meio aqueles que estavam ao seu lado. Seus olhos imediatamente assumem a coloração amarelada, correspondente ao nível dois de sua Linhagem Sanguínea Avançada. Seus pés ? Se movendo !


A cada passo que dava, um buraco abría-se no chão desolado de Konoha. Estava indo a toda velocidade como um touro furioso para cima de Kazuya. Não estava pensando em absolutamente nada, apenas quería devolver em dobro tudo aquilo que fora feito em sua alma e corpo a muitos anos. Sua investida furiosa estava sendo complementada com o poderoso chute de perna direita que iría ser aplicado em qualquer região no momento em que chegasse perto o suficiente de Kazuya. De longe, apenas um grito de morte desesperado. As lágrimas escorríam de seus olhos enquanto estava a correr, não estava chorando de emoção.. e sim, de raiva !

-- Desgraçadoooooo !
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Zeru
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 176
Data de inscrição : 22/11/2009
Idade : 31
Localização : Nova Iguaçu

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Dom 10 Abr 2011, 23:09

◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘
A técnica de Ichiro aparentemente fora executada com maestria, e seu efeito era realmente algo notável, já havia ouvido falar dos Ninjutsus do tipo Jikuukan mas jamais visto um, o Rin’negan acompanha a preparação do Jutsu e atento a explicação dada pelo Jounin, ao fim da mesma o grupo estava quase no centro de Konoha, seus olhos vislumbram o porque do estado de emergência, pouco havia sobrado da supremacia da folha, seja lá o que a atingiu não podia se repetir ... Nunca mais.

As explicações mal foram dadas e componentes do grupo se prontificavam a se separar, tal gesto lhe causava decepção, ainda mais tendo membros da Vila ali presentes, os mesmos estavam mais preocupados em resolver pendências a se preparar para defender a vila. A longos metros se encontravam seus inimigos, um deles já buscava atrair a atenção de Namito, o rapaz tolo nem sequer hesita seguindo o antigo companheiro prontamente deixando o restante da formação, com uma desculpa nada convincente, Takahara também faz o mesmo se lançando contra inimigos nos quais desconhecia o poder, e tão rápido quanto Hana entra em seu estado de Frenesi, desta vez de forma tão rápida que causara assombro para seus companheiros mais antigos.

Seus olhos se fecham e logo suspira em reprovação pela também partida de Hana, mas não estava preocupado com a mesma, sabia que ela não teria problemas nos primeiros minutos. Depois de menos de um minuto de chegada só restaram ali parados Seshuu, Ichiro e Ryo analisando o campo de batalha, e tão logo fala.

-- Me preocupa a impulsividade desses tolos, realmente lastimável a forma como eles demonstram a devoção pela vila e Hana e sua falta de controle comprometem a iniciativa do Time Hikari ...

Seu pescoço gira olhando para os lados, o horizonte longínquo aparentava esconder uma crise ainda maior do que a estava frente a seus olhos, sua intuição era uma de suas maiores armas e jamais a subestimava, tal intuição permitia que antes de agir seria melhor se preparar. Seus olhos se fecham por alguns segundos e em sua cabeça sussurra.

“Hazunochi no Kishi !!”

A escuridão dos olhos fechados permanece, mas tão logo vários pontos começam a surgir tingindo a “tela negra”, alguns pontos se destacavam por seus méritos permitindo que dentro do alcance do seu jutsu pudesse ver com clareza o campo de batalha que estava situando e quais eram seus reais inimigos, se aqueles a sua frente eram os únicos a se preocupar.
◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1668
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Dom 10 Abr 2011, 23:59

(...)
Percepção da Fonte de Vida. O útil jutsu de Seshuu o permite averiguar com exatidão todos os seres vivos que se encontram naquela área. Inicialmente, o Rokudou nota uma imensa quantidade de pessoas em alguns focos distintos no subsolo. Pelas suas energias, são claramente civis protegidos em refúgios. Sendo uma Vila Shinobi, e por isso passível de ser atacada, era fácil concluir que Konoha possuía esse tipo de reserva aos seus moradores.

Ampliando a análise, Seshuu sente o chakra quase esgotado do Hokage, atrás do grupo, no alto do Prédio Administrativo. Além dos chakras de seus companheiros, sente também as energias de Uchiha Daikyuu e outro que desconhecia o nome, mas se tratava de Yoni Hioku, ambos com baixas que indicavam que já tinham entrado em combate antes do grupo chegar.

O mais interessante, contudo, eram os dois outros chakras daquele grupo de inimigos. Um era enorme e instável, enquanto que o outro era pequeno, contraído, provavelmente pela idade. O mais velho praticamente não parecia oferecer perigo, já o outro tinha tanto chakra que nem parecia um humano. E o mais estranho era que este chakra era bem dividido em cinco pontos distintos do corpo, como se cinco fontes de diferentes de chakra existissem.

Por fim, a desconfiança de Seshuu se revela verdadeira: eles não era os únicos shinobis naquele local. Além de alguns chakras mais fracos, que estavam juntos dos focos de energias civis, provavelmente guardas de Konoha, havia dois outros chakras poderosos, juntos, na região periférica da Vila. Pelas suas alterações, era claro que eles estavam lutando entre si, mas nenhum dos dois são previamente conhecidos pelo Rokudou.

Notando que Seshuu realizava um jutsu, Ichiro sabiamente esperou que ele o concluísse antes de falar, a fim de não atrapalhar a concentração do colega.

— Pelo pouco que conheci de Hana, e pelo que sei de Taka e Namito, eu já imaginava que reagiriam assim, e de forma tão impetuosa que eu não poderia impedir. Por esse motivo essas pulseiras que estão usando são importantes, já que poderia ajuda-los se algum imprevisto ocorrer. De toda forma, precisamos de um plano rápido. Não poderemos deixar aqueles dois irem atacar sozinhos. Já Namito eu creio que dará conta de Daikyuu. Então, vamos dar suporte à Hana e Taka, principalmente separando os inimigos para que eles não utilizem alguma estratégia em grupo.

— Paralelamente, vou buscar analisa-los e pensar numa estratégia mais elaborada. Por esse motivo, vou ficar mais afastado, somente defendendo vocês em caso de necessidade. Vou tentar coletar informações o mais rápido possível. Tomem cuidado com aquele cara de cabelos brancos. Ele é Yoni Hioku, também um nukenin, mas sobre ele quase não temos informações. Aquele enfaixado eu nunca vi nada vida, tenham cuidado também. Os outros dois são o Deus do Gelo e o Deus Zero. O primeiro usa Hyouton, uma kekkei genkai de elemento gelo, e o segundo usa os cinco elementos principais de forma ímpar.

— Como só resta nós três, vamos avançar! Eu cuidarei de suas retaguardas. Vamos!


E assim dizendo, Ichiro se prepara para avançar, somente esperando que Seshuu e Ryo o façam primeiro.
(...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Zeru
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 176
Data de inscrição : 22/11/2009
Idade : 31
Localização : Nova Iguaçu

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Seg 11 Abr 2011, 00:17

◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘
Seu jutsu trazia consigo os frutos os quais desejava, os olhos fechados permitiam ver com clareza as circunstâncias nas quais deveria se preocupar, as fontes de energia vital que estavam dentro do alcance do jutsu permitiam que este ou devesse se preparar com maior cautela. As formas de vida que mais chamaram sua atenção eram dois dos inimigos que estavam a sua frente e as fontes isoladas que aparentavam estar digladiando. Seus olhos se abrem focando o horizonte onde se encontrava a sua prioridade, e logo após ouvir os apontamentos de Ichiro fala.

-- Ichiro, não quero parecer confiante, mas acho que por hora podemos lidar com aquele grupo. Taka, Hana, Ryo e eu podemos lutar contra eles sem maiores problemas, pelo menos por enquanto ... Digo isso porque talvez você queira averiguar por conta própria que fontes de chakra são aquelas que estão a 35° Norte e 87° Oeste, aparentemente não estão com o grupo de Kazuya, de todos nos você deve ser o capaz de movimentar-se mais rapidamente e caso tenhamos problemas você pode vir até nos instantaneamente.

Alguns passos começam a ser dados a frente sem encarar Ichiro, seus olhos somente se voltam para Ryo dando um aceno positivo com a cabeça esperando que o mesmo compreendesse o que ele queria dizer, estar preparado para um combate intenso e talvez fatal. Os passos continuam a serem dados enquanto encerra.

-- Ryo, temos que nos juntar a Hana, talvez você precise fazer com que ela retorne ao bom senso, precisamos dela, afinal ... Temos que apresentar o Time Hikari aos inimigos de Konoha.
◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fractius
Distinto
Distinto
avatar

Mensagens : 69
Data de inscrição : 01/12/2009
Idade : 31
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Seg 11 Abr 2011, 11:14

================================================================

Sentindo o calor da tensão e surpresas ao ouvir as palavras de Ichiro a respeito de um Jutsu capas de teleportar todo o grupo. Estava ansioso de mais para chegar, sem delongas pegou a fita e colocou presa a seu pulso e pensa consigo mesmo: "Quem disse que vou precisar de ajuda, chegando lá, quem vai precisar de ajuda são meus adversários, vou enrolar essa fita no meu alvo..." - Então sente o desaparecimento do mesmo e logo quando seu corpo é tragado por um túnel do 'tempo' e quando abre seus olhos observa o cheiro de queimado, destruição e Caos. Com sua frieza em rosto, observa detalhada-mente o lugar, apenas com sua mão direita apoiada sobre sua espada. Percebe o desespero de Namito, Taka e logo sua companheira Hana, apenas balança a cabeça negativamente em relação ao demonstrar todo o seu poder ao inimigo e uma pessoa descontrolada, nunca derrotará alguém com uma mente em termos de paz.

Agora em detalhes, observa seus alvos com as explicações de Ichiro, não dizia uma palavra se quer, estava atento a tudo e a todos, estudou cada detalhe rapidamente e com um sorriso singelo ao rosto e pela primeira vez diz para Ichiro antes de partir e para Seshuu seu companheiro: ─ Esperem... Esqueceram quem eu sou? Não acredito! Vou por de volta em ação um velhote! Sabem que gosto de resolver as coisas sozinhos! Quero que você Seshuu antes de irmos ajuda-los, eles podem sobreviver! E sem perguntas... Venha... - Ryo tem um plano, rapidamente seu dedo aponta para onde esta o Hokage e com sua velocidade desaparece e reaparece ao lado de Yusuke caído ao lado e logo diz ao mesmo sem olhar ao rosto dele: ─ Vejo que foi sinistro para você velhote... Creio que esteja com sorte por hoje! E espero que esteja preparado para mais uma! me de cobertura Seshuu - Contando que seu companheiro Seshuu tenha vindo com ele antes de enfrentarem seus inimigos. Rapidamente se ajoelha com apenas o joelho esquerdo ao solo, esfrega ambas as mãos uma nas outras e concentra: "Não temos tempo Rokubi, preciso de sua energia garotão... Vamos ressuscitar o velhão aqui HAHAHA" - Libera um sorriso e diz baixo para si mesmo já com as palmas das mãos ao peito de Yusuke e faz rapidamente os selos necessários: ─ Chiyu no Jutsu (Técnica de Cura)... - Rapidamente começa a curar os ferimentos de Yusuke, só que uma surpresa a parte, o corpo de Ryo começa a ficar gosmento, pois esta usando Chiyu Namekuji (Cura da Lesma) para completar o serviço o impacto e energia que entrará ao corpo de Yusuke será em massa. E com um presente a parte na cura do Hokage, libera 30% do seu Chakra e passa para Yusuke ter uma energia a parte para voltar a lutar mais tranqüilo. Com a passagem de seu Chakra para Yusuke, seu corpo começa a moldar-se sozinho, não tinha tempo, quer fazer isso em instantâneos e aguardar os resultados, esta coberto pelo Bijuu no Mantoru (Manto da Bijuu) ele e o Hokage, como um link puro de energia e finaliza com suas palavras: ─ Aguente a energia... Sei que você é capaz....

Ninguém nunca imaginaria tal plano de Ryo, por isso ele é conhecido por gênios em alguns cantos. Agora espera que der certo e que não existe alguém com um talento tão impressionante de medicina do que Ryo, não existe nesse momento ali em Konoha. E um Hokage semi-inteiro em Chakra, pois o gênio restaurara toda sua via e é melhor ainda para a vitória em Konoha.


================================================================
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Zeru
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 176
Data de inscrição : 22/11/2009
Idade : 31
Localização : Nova Iguaçu

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Seg 11 Abr 2011, 15:05

◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘
Já estava pronto para adentrar definitivamente, no entanto seus passos cessam após as indagações de seu companheiro, seu rosto se vira e tão logo seus olhos encaram o semblante de Ryo, já se conheciam a tempo suficiente para compreenderem os pensamentos uns dos outros, no entanto aquela situação era pouco convencional. Acompanhando o Jinchuuriki da Rokubi seu corpo desaparece em um Shunshin reaparecendo na Torre do Hokage tendo o mesmo ainda repousando tentando se refazer do combate, quando percebe Ryo se encaminhando até o mesmo e se preparando para usar seus atributos médicos esboça um sorriso e fala em um tom descontraído.

-- Realmente seu gesto me surpreende Ryo, eu imaginava que você nesse combate não iria fugir do seu papel, geralmente você prefere ficar com toda a gloria pra si mesmo ... O que o fez mudar de idéia ?!

Ainda com descontração se volta para Yusuke percebendo que o mesmo estava ainda mais surpreso que o proprio Seshuu, apesar do Hokage possuir alguns dados sobre os membros do Time Hikari, aquela seria a primeira vez que os veria em ação usando suas qualidades mais notórias. Enquanto Ryo segue com o processo de cura, se comunica com o Kage da vila da folha com um ar de confiança e motivação, despreocupado por saber que Yusuke estava apto a passar por todo o procedimento de partilha do chakra de um Bijuu.

-- Yusuke, você ainda é o Kage desta Vila, está muito cedo para você deixar o campo de batalha ... Nunca estive na sua posição, mas se estivesse gostaria de morrer lutando pela Vila que jurei proteger, temos ainda muitos inimigos e não podemos nos dar o luxo de ter nenhuma baixa, então vamos investir contra eles com tudo que temos ...

Logo faz uma pequena pausa, dando as costas para ambos os Shinobis olhando para a direção onde a batalha estava se desenrolando, imaginava que Ryo estivesse certo quanto aos inimigos poderem investir contra a Torre na intenção de impedir o reestabelecimento prematuro do Hokage, mas ainda assim conclui.

-- Alem do mais, tenho certeza de que tanto eu quanto Ryo desejamos ter a honra de lutar ao lado do Kage da Folha em sua total plenitude !!
◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Seg 11 Abr 2011, 16:36


Alguns quilômetros adiante, no grupo invasor...

(...)
Longe, Kazuya permanecia em frente a Hozuki, Shisui e Hioku. Kazuya abaixou sua face, e permaneceu em silêncio por poucos segundos... enquanto sussurrava para sí mesmo. — Longa é a estrada que o peregrino cruza em busca de suas ambições. Porém, mais longa é o caminho de um ninja em busca da verdade. —

Hozuki caminhou lentamente, observando os chakras ao longe: — Dois Jinchuuriki estão no local, a Kyuubi e o Rokubi, mais do que o planejado. Está tudo pronto, Kazuya... parece que o Hokage também conseguiu sobreviver, então... — Tudo estava destruido na vila, apenas uma grande massa de destruição. Mesmo do unico ponto que ainda existia de Konoha, aonde o grupo se reunia, era possível ver as novas pessoas que entraram no antigo território da vila oculta.



— Muito do meu chakra foi gasto contra o Hokage e destruindo Konoha, terei que utilizar aquela técnica. — Shisui fechou seus olhos, quase desaprovadamente enquanto Hozuki pareceu apenas olhar curioso. — Você pode sentir, certo? O Rin'negan voltou para Konoha. — Rapidamente, Kazuya interrompeu. — Sim, chegou a hora de encerrar tudo o que começamos. —





Hozuki moveu suas duas mãos em uma sequência de selos, encerrando chocando-as ao chão. — Vamos com tudo, he. Kuchiyose: EDO TENSEI! (Invocação: Ressurreição do Mundo Impuro!) — Um caixão profano deixou o chão rapidamente, em sua frente, apenas um simbolo o descrevia, o simbolo do Shodaime Hokage.




Lentamente o caixão se abriu, e caminhando lentamente para fora, surgiu Iori, a verdadeira e desconhecida face do Shodaime Hokage Kurama Myuura. Uma brisa maligna tomou o lugar, aquela era uma técnica profana sem igual, jamais vista e concerteza proibida. — Então... eu fui derrotado? — Sua voz era sem vida e tenebrosa, como um morto verdadeiro. Seu corpo era pálido e sua expressão não mudava. — O que está acontecendo aqui... alguém como você possui até mesmo uma técnica para ressucitar os mortos? Esta é uma técnica assombrosa... nunca imaginei que teria que lutar ao seu lado... mais, que lugar é este? — Hozuki apenas ergueu-se, enquanto as cicatrizes de Kazuya se abriram lentamente. Ele grunhiu, como em dor e os núcleos pareceram se separar de seu corpo.



Rapidamente as massas negras se projetaram em corpos deformados, de massa negra e puro chakra. Seus corpos pareciam tentaculos e Kazuya permaneceu ajoelhado por um tempo. Seu braço pegou uma pequena bolsa em seu quadril, e ele puxou pequenos rubis que entraram em seu corpo, rapidamente as cicatrizes se fecharam novamente. Ele ergueu-se colocando novamente o manto dos Doze Deuses. — Essa é sua Konoha, Kurama Myuura. Eu venci. — Mesmo morto, foi possível perceber a expressão que ocupou a face do antigo Hokage naquele momento, mais logo ele fechou seus olhos sorrindo. — Não, Kazuya. Eu posso sentir que meu irmão está aqui, e não só ele. Outros que carregam a vontade do fogo! Enquanto essa vontade existir, Konoha jamais cairá! — Essas foram as ultimas palavras antes que Hozuki colocasse uma Shuriken com simbolos por trás de sua nuca. — Mortos são realmente entediantes. Daikyuu parece ter assuntos a resolver com a Kyuubi, vocês cuidarão do restante e... eu cuidarei da garota que vem em nossa direção. — Kazuya apenas caminhou, enquanto as cinco criaturas enormes que o rodiavam pareciam rosnar, Shisui estava surpreso por aquelas técnicas, jamais havia visto algo assim. Finalmente, o Deus Zero lutaria usando seu poder máximo. A batalha que decidirá o futuro do mundo ninja, começou.



Última edição por Blackheart em Seg 11 Abr 2011, 17:06, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hikari Hana
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 151
Data de inscrição : 14/11/2009

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Seg 11 Abr 2011, 20:07

___________________________________________________________

Cega, apenas estava cega ! Não conseguia ver nada além de Kazuya. Todas aquelas pessoas reunidas, todas aquelas vozes, nada lhe importava, apenas estava indo com sua vida encontrar aquilo que procurou durante muito tempo. A cada passo desaparecía ganhando mais velocidade a cada momento. Seus olhos não tinham nenhum tipo de expressão, quando de repente tudo ganha uma nova forma. O surgimento de uma técnica faz com que sua expressão mude por alguns momentos. O que sería aquilo ? Segundo algumas informações, aquele homem era o Shodaime Hokage.. homem este que já foi morto a um tempo. Realmente assustador, uma técnica que pode trazer de volta os mortos, ou algo parecido. Seu objetivo não havía mudado, precisava apenas passar ao lado do corpo e ir com tudo até Kazuya, sabía que provavelmente se ele fosse derrotado, a técnica pararía, ou não.

Takahara encontrava-se um tanto nervoso, porém nem ao menos olha em seus olhos, simplesmente passara ao lado do Chuunnin, deixando apenas um buraco devido aos seus pés. Estava chegando perto, bem perto, enfim a hora da verdade chegaría, o dia em que Kazuya morrería finalmente. Tinha alguns assuntos para tratar antes desse momento, porém isso sería efetuado mais tarde. Momentos antes, suas cordas vocais produzem um grito quase que Gutural, gritava o nome de seu inimigo como uma besta.

-- KAZUUYAAAAAAA !

___________________________________________________________

___________________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Ter 12 Abr 2011, 13:18

Hana saltou, contra o grupo. Kazuya girou-se, dando um chute que chocou-se contra seu punho no ar. O golpe fez com que até mesmo o chão produzisse ruídos. Uma massa de ar pareceu arremessar um pedaço do caixão para longe, uma das criaturas golpeou Hana fazendo-a ser arremessada para longe, a voz de Kazuya preencheu sua mente antes do próximo movimento. — Quanto tempo, Hana-san. —

Iori deu um passo a frente de todos, realizando rapidamente uma sequência de selo. Água criou-se do nada, formando uma prisão. Shisui em contra partida saltou para o topo da jaula e tudo se tornou em gelo rapidamente com seu toque. O corpo de Hana chocou-se, sendo cortado e arremessado para trás dentro da jaula. — Ah! Uma já foi. — Shisui sorriu, com sua espada em mãos e golpeou a shinobi. Sua lâmina parou nas costas da mesma, apesar de cortar, parecia bater em rocha sólida e ele pareceu tremer por poucos segundos — "Isso é... algum tipo de técnica?" — Estava claramente assustado, mais foi cortado por Hozuki.

Hozuki apareceu frente a jaula observando-a enquanto Kazuya estava um pouco distante, olhando em direção aos outros indivíduos. — Já faz realmente muito tempo, parece que você concluiu sua missão com perfeição, devo admitir. Tão bela, e com tanto potêncial... é uma pena que tenha perdido o controle para o selo... — O shinobi em ataduras parecia debochado, enquanto Kazuya caminhava para a beirada da pequena ilha. Shisui recuou, e formou uma sequência de sê-los que criou novamente uma grande névoa a cobrir todo o local. De dentro, tudo lentamente sumiu, permanecendo apenas Hozuki em frente a jaula aonde encontrava-se Hana. — Suponho que tenha assuntos a tratar conosco... — Atrás o Shodaime Hokage parecia um passo atrás de Hozuki, com seu olhor frio e tenebroso.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ikko Takahara
Ilustre
Ilustre
avatar

Mensagens : 175
Data de inscrição : 25/10/2009
Idade : 21

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Ter 12 Abr 2011, 13:42

Correndo em direção a qualquer inimigo que encontrasse em sua frente, Takahara dava passa longos e rápidos. Se direcionava pelo que Ichiro havia dito, simplesmente estava procurando alguém para descontar a sua raiva. Suas mãos tremiam enquanto seus olhos procuravam qualquer movimentação, foi então que percebeu algo vindo por trás, mas era um inimigo "Hana..." - Nota Taka. Muito mais rápido do que o garoto esperava, Hana passa ao seu lado, deixando um rastro de destruição e de poeira. "Ela está descontrolada..." - Mudando seu trajeto, agora indo atrás da sua amiga, Takahara grita --- Hana!! Volte aqui!! - Aumentando ainda mais a sua velocidade indo atrás dela.

Hana ia ficando cada vez mais longe da seu visão, ela estava muito mais rápida do que Taka, porém o terreno não tinha muitos pontos altos, e por isso conseguia ver a mulher mesmo alguns metros de distância. Usando sua percepção, Taka ve alguma movimentação mais a frente, mas não era somente da sua companheira, tinha mais pessoas a frente. Takahara diminui um pouco a velocidade, eles estavam por perto. Achando um lugar para se esconder, o garoto consegue ver com clareza todos que estavam mais a frente.

-- Não pode ser... - Era difícil acreditar no que seus olhos estavam vendo, mas com tantas coisas inimagináveis acontecendo, aquela só era mais uma. -- Shodaime.... Ele está vivo...? Mas... este não se parece com ele...- Sua voz era tremula com a raiva que já sentia e agora estava extremamente confusa. Taka observa Hana "Hana foi atacada!!". Até aquele momento, ninguém havia percebido a presença do garoto. Taka quase deu um passo a frente, mas uma neblina cobriu todo o campo de batalha. Sem poder ver nada, Taka estava imponente, mas sabia que Hana corria perigo. De fora da neblina, o garoto se levanta, ficando em um ponto um pouco mais alto do que o normal, estava em cima de uma parede quebrada com uma viga de ferro. --- Hey! - Gritou o garoto tentando chamar atenção das pessoas a sua frente. Essa talvez tenha sido ação mais imprudente que o garoto já havia feito, mas ele não poderia voltar, a vida da sua amiga estava em jogo, cada segundo era precioso e voltar para chamar ajuda poderia acarretar em seu fim. Deixar sua amiga naquele estado nas mãos dos inimigos era pior do que morrer tentando salvá-la. De pé, em uma posição defensiva, uma grande quantidade de energia corria pelos seus músculos, juntamente com toda adrenalina que corria pelo seu sangue. "Não posso entrar na neblina, ou ficarei em desvantagem." -- Deixe-a em paz!! - Foi o tudo que ele conseguiu dizer. Parecia uma ação extremamente heróica, mas na cabeça do adolescente, o medo tomou seu corpo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hikari Hana
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 151
Data de inscrição : 14/11/2009

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Ter 12 Abr 2011, 13:47


Rápido ! Tudo aquilo fora simplesmente muito rápido. O soco poderosíssimo aplicado em Kazuya alterou a paisagem com uma grande onda de choque, porém seus olhos se surpreenderam com a criatura que lhe golpeava com uma força igualmente destrutiva. Seu corpo chocava-se contra as rochas e os destroços de Konoha. Apesar da dor, seu sangue estava quente.. porém a investida do inimigo não havía acabado.


"Droga.. "


O homem que fora invocado apartir de um Jutsu logo efetuava seus selos de mão e manejava de forma singular o jutsu do elemento água que prendia seu corpo em uma espécie de Jaula, quando mais uma vez era golpeada, agora nas costas por algo que mais parecía uma espada. Não estava mais vendo a quantidade de ataques que recebía, de fato, tudo parecía ter sido uma coisa só. Agora estava presa em um lugar desconhecido, rodeada por uma maldita névoa que limitava sua visão e de frente para um homem que não fazía a mínima idéia de quem era e o mesmo acompanhado do suposto primeiro Hokage, cujo rosto Hana nunca chegou a conhecer. Aquilo era uma situação perigosa, muito perigosa. O golpe de Kazuya fez com que pensasse mais racionalmente, não podería deixar suas emoções a desconcentrarem e fazerem-na perder o foco, precisava se acalmar.

-- Agora vejo que foi um erro vir até aqui sozinha, enfrentar todos vocês de uma vez só.. acho que temos alguns assuntos para tratar sim. Apesar do meu interesse ser totalmente em Kazuya, por mim todos vocês poderíam fazer o que quisessem com Konoha e o restante. Apesar de não nutrir nenhum rancor para com ninguém.


Dava alguns passos a frente, chegando um pouco mais perto de Hozuki. Podería ser morta a qualquer momento, porém.. alguma coisa estava alimentando sua coragem. Mesmo de frente para inimigos tão poderosos e sem o apoio de seu time, não estava com medo.

-- Quem é você ? Antes de sair deste lugar, preciso saber quem é você.. e este homem que estou vendo, é o Shodaime Hokage ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackheart
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 211
Data de inscrição : 09/01/2010
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Qua 13 Abr 2011, 14:17

— Hmn, você não me reconhece? Estou desapontado. Me chamo Yoni Hozuki. Você me conheceu sobre a face de "Kazuya"... Ah, o Shodaime-san? Sim, ele é Primeiro Hokage de Konoha, ou melhor dizendo, sua verdadeira identidade e poder: Tenshun Iori. Durante nossa primeira luta ele salvou seu pequeno irmão, Rayate Ichiro. Eu o trouxe para consertar este pequeno deslize. — Hozuki moveu sua palma sobre o ombro do Shodaime lentamente. — Esta é uma técnica que revive os mortos, o Edo Tensei. Com ela eu tenho total controle sobre a personalidade, as ações e o que ele ira fazer. Por culpa da personalidade forte do Shodaime, fui obrigado a apagar todas as memórias dele, resumidamente, ele agora é apenas um boneco controlado por mim, assim como você...



Todo o corpo de Hana rapidamente começou a se tornar dormente. Estava frio e indelicado. Seu chakra agitou-se enquanto seu selo parecia expandir e contrair, causando-lhe uma incrível dor. — Você realmente acha que sou o tipo de pessoa que deixa um "projeto" solto sem um método de contenção? Acha realmente que simplesmente a deixei naquela sala? Suas memórias, suas personalidades foram projetadas para que um dia me fosse útil. Você protegeu o Rin'negan por muito tempo, não esperava que fosse essa sua utilidade, mais você fez bem, Hikari Hana. Como se sente? Não se preocupe, a dor em sua cabeça vai parar de doer em breve... —
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hikari Hana
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 151
Data de inscrição : 14/11/2009

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Qua 13 Abr 2011, 14:52

__________________________________________________


-- AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH !

Apenas um grito de dor, sua cabeça parecía explodir, assim como seus olhos que não estavam querendo ficar no lugar. Seu chakra estava se agitando mais e mais, não conseguía controlar mais nenhuma ação de seu corpo, estava perdendo a sanidade. Sería aquilo um Genjutsu ? Toda aquela baboseira dita por Hozuki havía simplesmente sido ignorada. Sua força estava aumentando, seus músculos ficando ainda mais fortes, uma quantidade ignorantemente absurda de Chakra Amaldiçoado estava sendo liberado de seu corpo.

"Não... não vou perder para isso ! Eu sou.. Hikari... Ha...n...a. "


Tudo ficou negro, não estava pensando em mais nada, acabara de entrar em seu maior pesadelo. Dentro de sua mente, apenas um enorme símbolo do Selo Amaldiçoado. Não sabía o que fazer, porém.. seu corpo, seu chakra.. este sim sabía muito bem o que fazer ! O que quer que fosse aquilo, estava dando-lhe uma grande sede de sangue.. precisava matar para acalmar sua fúria, havía se tornado o verdadeiro demônio, o primeiro dos assassinos !

__________________________________________________

__________________________________________________


Sem falar nem ao menos uma palavra, apenas vai andando devagar na direção onde ocasionalmente estava Ikko Takahara, um Chuunnin de Konoha. Seus olhos não demonstravam nenhuma boa intenção, apenas uma gigante vontade de matar, que podería ser sentida a quilômetros. Sua aura roxa estava ainda mais poderosa, algo podería informar a qualquer um que a olhasse que Hana lutaría para matar. A cada passo, a pressão de sua força aumentava, seus punhos fechados mostravam que ainda sentía dor.. mais que tudo iría desaparecer, quando obtive-se sangue.

-- Só preciso.. disso.

__________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ikko Takahara
Ilustre
Ilustre
avatar

Mensagens : 175
Data de inscrição : 25/10/2009
Idade : 21

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Qua 13 Abr 2011, 16:08

Após gritar preocupado com a vida da sua amiga, Takahara espera alguma reação. A neblina não deixava que o garoto visse nada. De vez enquanto algumas sombras, mas logo desapareciam. Não sabia o que estava acontecendo. --- HANA-CHAN!!! - Gritava na tentativa de ser respondido. --- HANA-CHAN!!! - Cada segundo que passava aumentava a chance da jovem estar morta ou mais ferida, ele não tinha uma grande noção do que seus inimigos era capazes. "Não posso mais esperar!" - Pegando as suas duas lanças posicionadas nas contas, Takahara ativa uma técnica. "Shō Nikutai Kassei no Jutsu (Técnica de Ativação do Corpo). Carga Alfa. Liberar"- Uma grande quantidade de chakra envolve o corpo do usuário de Taijutsu e uma luz azulada aparece por detrás da sua jaqueta vermelha, enquanto ele se concentrava liberando 4 cargas. Quando Taka deu um passo a frente, algo chama sua atenção. Uma silhueta aparece andando em sua direção. Tinha passos pesados. Logo que foi se aproximando dava para perceber que era uma mulher. -- Hana-cha!! - Gritou para a amiga, mas parecia que ela não tinha ouvido. Seus passos continuaram no mesmo ritimo. -- Hana-chan... você... você está bem? - Ela se aproximava de uma maneira que intimidava. Seus olhos estavam diferentes, sua face também. Não parecia a mesma mulher de antes. "O que é aquilo...?" - Pensava enquanto notava uma aura roxa em volta do corpo de Hana. Taka da uma passo para trás, tomando uma posição defensiva. Seus olhos se arregalavam mais e mais, a cada passo de maneira ofensiva que ela dava.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hikari Hana
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 151
Data de inscrição : 14/11/2009

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Qua 13 Abr 2011, 23:19

Continuava a avançar na direção do jovem. Sua expressão não havía mudado, estava séria e determinada a conseguir alguma coisa. Sua aura roxa estava desaparecendo, meio que todo aquele chakra descontrolado estava voltando para sua origem, entrando dentro de suas veias e seu corpo. A cada passo a jovem se aproximava mais, até que subitamente desaparece da vista de Taka, parando 10 metros atrás do mesmo. Taka pode sentir o vento da passagem de Hana, que agora estava parada de braços cruzados, apenas observando.

-- Eu não entendo como vocês de Konoha ainda conseguem brincar de ninja. Olhe para você, Takahara, um simples Chuunnin correndo para lá e para cá no meio desta guerra de gigantes. Você está assustado, querendo correr, querendo voltar para casa. É uma pena ver que esta casa foi destruída e pisoteada por invasores. A minha intenção era apenas acabar com Ichiro e os outros, pretendia poupar você.. porém não acho justo que seja morto por alguma outra pessoa presente. Por isso estou aqui, para matá-lo.

Hana apenas afasta um pouco as pernas e dobra os joelhos, tomando imediatamente um tipo de postura ofensiva. Suas mãos formavam um ângulo perfeito, montando sua guarda e lhe dando até mesmo um pouco mais de liberdade em seus movimentos. Seus olhos não mostravam nenhuma dúvida, nenhuma hesitação ou medo. Dessa vez não estava expressando emoções, era impossível ler seu olhar.


-- Tem algo a dizer, Ikko Takahara ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ikko Takahara
Ilustre
Ilustre
avatar

Mensagens : 175
Data de inscrição : 25/10/2009
Idade : 21

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Qui 14 Abr 2011, 14:08

Algo passou ao seu lado, uma movimentação rápida que os olhos do garoto mal poderam acompanhar. Ele percebe a presença da Hana atrás, cerca de 10 metros, virando-se lentamente ele encara a Kunoichi. Seu olhar era sério. Apertando suas lanças nas mãos, Taka ouve o que ela tinha a falar. A grande quantidade de chakra movimentava uma corrente de ar envolta do seu corpo, levantando uma poeira sobre seus pés. Pedaços de tijolos e os mais variados tipos de destroços mais leves eram jogados para o lado. "Não pode ser. Essa não é a Hana!" - A expressão da sua amiga estava vazia. Takahara não conseguia ver o que ela estava sentindo. Só conseguia ter uma certeza; aquela pessoa enfrente de seus olhos não era a mesma pessoa que ele conheceu a tempos atrás. -- Pare de falar bobagens Hana-chan!! O que eles fizeram com você?!? - Sua voz ecoava. -- Todos nós estamos nessa guerra! Nós temos os nosso objetivos! E estamos do mesmo lado! Seja lá o que fizeram com você, eles vão pagar por isso, além de pagar pelo que fizeram com Konoha!!


-- Pare com isso! Eu sei quem você é HANA-CHAN!!! VOCÊ NÃO É UM MONSTROS! Não é o tipo de pessoa que diria algo assim, sem sentido!! Não sei o que está acontecendo com você, mas eu quero minha amiga de volta!!

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hikari Hana
Famoso
Famoso
avatar

Mensagens : 151
Data de inscrição : 14/11/2009

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Qui 14 Abr 2011, 19:10

-- Você disse que quer sua amiga de volta ?


Apenas cruza os braços e fica a observar Takahara, enquanto o mesmo dava um ataque de emoções. Não estava conseguindo entender aquilo, não via Taka como um amigo e sim como uma presa, mais uma presa que sería morta por sua força. Seus olhos continuavam da mesma maneira: Vazíos. Por um instante, fica em silêncio, parecía estar pensando em alguma coisa, porém não quería demonstrar ou falar, era como se a frase de Taka tivesse desencadeado alguma reação em seu corpo manipulado.


-- Você ainda é otimista o bastante para pensar que esta pessoa que fala com você chegou a ser sua amiga ? Se for.. lamento lhe informar mais você está no lugar errado, devería estar em casa chorando no colo de sua mãe, lamentando pelo doce destino que terá este mundo Shinobi. Ohhh.. perdão.. sua casa foi destruída, Konoha está em pedaços, desculpe.. eu sinto muito.

Falava em tom sarcástico, não parecía se importar nem um pouco se tinha ou não alguém vivo naquele lugar, se todos estavam bem e se conseguiriam lutar, NADA. A única coisa que lhe importava era brincar com os sentimentos de um menino perdido naquele mundo de guerras. Subitamente olha com o canto dos olhos para Hozuki e os outros a suas costas e logo depois dirige seu olhar para a direção onde se encontravam, ao longe, Seshuu, Yusuke, Ichiro e Ryo, logo voltando para Taka.

-- Vocês todos não podem ser considerados Shinobis.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1668
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Dom 17 Abr 2011, 18:29

Enquanto isso, no topo do Prédio Administrativo de Konoha...

(...)
A técnica de cura de Ryo, e a transferência de chakra realizada, ambas com o auxílio do Rokubi, revitalizaram Yusuke, mas seus efeitos foram muito menores que as palavras do Jinchuuriki e do Rokudou, que transmitiram ao Hokage a confiança que há muito não sentia. Ser Hokage em um tempo tão difícil, e ainda com conspirações internas para sua queda, e sem as presenças de Myuura e Ichiro, seu amigo e seu pupilo, tinha calejado Yusuke de tal forma que a apatia quase sempre o tomava. Agora, de pé, a determinação voltou aos olhos do Hokage. Este mantém o olho direito fechado, a fim de evitar que o Sharingan lhe consumisse as novas reservas de força, e aproveita o pequeno rasgo na malha negra que cobre parcialmente seu rosto para retira-la completamente. E pela primeira vez os shinobis ali presentes enxergam o rosto total do Hokage.


— Muito obrigado, Ryo, Seshuu. Estes provimentos e as palavras que me cederam me trouxeram de volta à luta. Agora, vou mostrar do que este “velhote” é realmente capaz. — disse o Hokage, olhando fixamente para seus dois shinobis.

Neste momento, o Jounin Ichiro aparece, se reunindo ao grupo. — Muito bom vê-lo de volta, Yusuke-senpai. — disse inicialmente, enquanto fazia uma leve reverência com a cabeça. — Atualizando-lhe sobre a situação, Shisui realizou o Kirigakure no Jutsu, para proteger os inimigos. Dentro da névoa, estão ainda Kazuya e um outro ninja que nunca vi, e de poderes desconhecidos até então. Hana e Takahara se precipitaram e estão também dentro da névoa. O que está ocorrendo lá dentro eu ainda não sei, pois preciso de tempo para averiguar e isto é o que não temos no momento.

— Tudo bem. Faremos o seguinte: Seshuu e Ryo irão de encontro à Hana e Takahara para fornecer suporte. Ichiro ficará comigo na retaguarda para previnir possíveis fugas e surgimento de algum outro inimigo. Eu ouvi Seshuu falar que ainda há dois desconhecidos mais ao longe. Por fim, eu preciso que você, Seshuu, que é usuário de Ninjutsu, disperse a névoa para que possamos lutar com mais liberdade. Ocorrendo isso, eu chegarei com uma ofensiva que nem mesmo o Deus Zero poderá evitar. Mas, claro, havendo algum imprevisto, não hesitem em me chamar. Ficou claro?

— Perfeitamente, Hokage-sama — respondeu prontamente Ichiro, se posicionando, agora, ao lado de Yusuke.

— Vamos mostrar a eles o que os Jounins da Folha e o seu Hokage podem fazer!
(...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Zeru
Veterano
Veterano
avatar

Mensagens : 176
Data de inscrição : 22/11/2009
Idade : 31
Localização : Nova Iguaçu

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Seg 18 Abr 2011, 14:46

◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘
A recuperação do Hokage se completara e junto a ela a moral do mesmo permitia seu ressurgimento, mais uma vez as forças inimigas iriam encarar o líder da folha, mas algo lhe dizia que dessa vez seria diferente da anterior, acreditava que as suas costas estava um Yusuke totalmente nova, mais inclinado a honrar seu titulo. Seu foco e concentração ainda estava longínquo via ao horizonte onde os inimigos estavam agrupados, sua visão por si só não poderia lhe dizer muito mas sua percepção derivada do “Hazunochi no Kishi” revelavam muitas informações mesmo depois do Kirigakure no Jutsu ser executado.

Sua técnica permitiu vislumbrar a execução de um jutsu que não conhecia, mas o que realmente importava era sua natureza, a sensação exercida por ele caracterizava a própria “morte”, sentia que o seu executor profanara de forma hedionda o que sua filosofia particular considerava correta. As evidências assim como seu sexto sentido permitiram que este finalmente encontrasse um motivo realmente verdadeiro para entrar naquele combate, e naquele instante já possuía um alvo definido, e todos os seus esforços seriam voltados na direção dele e de qualquer coisa ligado ao mesmo.

Junto a aquela anomalia podia sentir outra, no entanto está lhe era familiar, Hana aparentemente havia perdido o controle por completo, assimilou a possibilidade no momento em que Yusuke pedira para que ele e Ryo fossem ao encontro dos seus companheiros impulsivos, não estar perto de Hana no momento da sua descompensação poderia causar repercussões graves, ainda piores devido ao momento delicado no qual se encontravam. Estando pronto para partir após a conclusão de Yusuke se vira para ele e Ichiro falando:

-- Espero que estejam realmente preparados, tem algo lá que agrava ainda mais nossa situação atual, aconselho que saibam esperar pelo pior, porque o que senti não pode ser definido de outra forma ... Agucem sua visão o Maximo que puderem, vou tentar me desfazer da nevoa imediatamente.

Projetando seu corpo a frente salta da Torre do Kage de Konoha, chegando ao chão de forma suave começa a percorrer e encurtar a distância o mais rápido que podia, metro por metro se aproximava de seus inimigos, sua cabeça calculava a distância e a área de ação onde pudera executar um de seus jutsus a fim de completar com sucesso um dos pedidos feitos por Yusuke enquanto as suas costas seu companheiro jinchuuriki aguardava. O alcance mínimo ao ser alcançado e descrito pelo movimento das mãos de Seshuu, os ins bem executados dão origem ao nome da técnica que é sussurrada com sua calma característica:

-- Fuuton Shinkuu – Tobira no Kyuuin Sekiryoku (Vácuo – Porta de Atração e Repulsão).

O grande portão se abre em uma linha que cobria perfeitamente toda a dimensão do Kirigakure no Jutsu, ao ser executado dispunha a força necessaria para que a onda de vácuo fosse suficiente para dispersar por completo toda a névoa executada pelo Nukenin da vila da Névoa, esperava que sua ação rendesse frutos para que seus olhos obtivessem uma leitura ainda mais clara do campo de combate, ainda assim se mantinha concentrado no Hazunochi no Kishi, a fim de não perder nenhum fato novo que desenrolara no interior da densa névoa.
◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘◘
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fractius
Distinto
Distinto
avatar

Mensagens : 69
Data de inscrição : 01/12/2009
Idade : 31
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Ter 19 Abr 2011, 01:00

==================================================================

Esse dia estava tenso, aos pouco um pouco cansado, respirando fundo em relação aos desgastes em relação ao seu Chakra e em seguida se levanta e respirando livremente de novo, recuando todo o seu Chakra e ocultando-o do Rokubi. Pensa rapidamente: "Espero não ter sido detectado, com os combates que estão ocorrendo, creio que não..." - Estava de pé e de costas para o Hokage e com um sorriso singelo e apoiando sua mão esquerda ao ombro de seu companheiro Seshuu e logo reflete em palavras: Fiz o possível... Nunca imaginou uma idéia dessas... Por isso eu sou sempre o estranho do grupo... Você o silencioso... E Hana... Só olhar o que ela esta fazendo agora... Ela não entendeu minhas palavras meu amigo a qual eu disse em Yougakure no Sato.

Agora ouvindo as palavras do Hokage Yusuke, ainda olhando para o horizonte onde esta ocorrendo diversas batalhas e Ryo fora delas, não é o seu feitio, rapidamente vira seu rosto em direção a Yusuke sempre com sua expressão de confiante e diz: ─ Relaxe, eu estou aqui e Seshuu... Junto com Ichiro e você que completamente trouxe de volta... Minha estratégia dês do início quando pisei aqui seria antes de entrar em combate, curar os mais poderosos... Teria mais alguém com um poder equivalente e que esteja preste a morrer, talvez eu poderia ser mais uma vez útil e fazendo meu papel de Ninja médico. Não qualquer... E sim o melhor. - Ryo desenha em seu belo rosto um sorriso malicioso, ouve as palavras de seu companheiro Seshuu, mas antes de segui-lo até o solo, observa ele preparando seus Jutsus de evacuação da neblina e aguarda Yusuke ou Ichiro dizer algo.


Estalando seu pescoço, ele finalmente se move, descendo da Torre e se deslocando para acompanhar Seshuu, parando a alguns poucos metros do mesmo. E depois que nota a finalização do preparo para o jutsu, ele completa para seu companheiro: ─ Vamos mostrar a todos aqui, que esses bostas que se consideram Deuses, vão levar uma surra e das grandes, quando enfrentarem o Time Hikari por completo... Nem Deus Zero, um, dois ou o mil, vai nos parar... Como sempre foi dês de então, Hana aguente mais um pouco, estamos chegando. - Sorri, depois das respostas. Sua expressão agora era de seriedade e apenas aguarda o combate que vai começar, time Hikari completo.

==================================================================
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1668
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   Ter 19 Abr 2011, 10:00

(...)
Permanecendo ainda no alto do Prédio, Yusuke e Ichiro somente escutam os novos comentários dos dois shinobis do Time Hikari. Embora Yusuke não tenha manifestado nenhuma alteração em sua preocupação, Ichiro parece ter sido mais atingido pelas novas informações cedidas por Seshuu. Com o olhar fixo no local longínquo onde os inimigos se encontravam, o Jounin se perde temporariamente em seus pensamentos...

“Espero que estejam realmente preparados, tem algo lá que agrava ainda mais nossa situação atual, aconselho que saibam esperar pelo pior, porque o que senti não pode ser definido de outra forma”, pensou ele, relembrando as palavras do Rokudou. “Eu realmente notei algo estranho ali... É com se houvesse um distúrbio na frequência do tempo/espaço, o que significaria que outro usuário do Ryuugan se encontra ali... Mas... isto é impossível... Outro com este poder somente deve nascer em duas ou três gerações do clã Tenshun, e Iori está morto... O que isto significa?”

(...)
Do outro lado, no agrupamento das forças inimigas, Shisui, Hioku, Kazuya e Hozuki somente aguardam as próximas movimentações dos shinobis de Konoha, dando nenhuma importância ao que se desenrolava entre Takahara e Hana. Iori ficava parado, estático, com olhar e expressão gélidos. De fato, aquele homem não possuía nem sombra de sua real personalidade.

Entretanto, ocorreu uma leve mudança na expressão do Shodaime, como se este houvesse notado algo que ninguém ali tinha a capacidade de enxergar, embora Hioku, Hozuki e Kazuya já tivessem notado a aproximação de Sesshuu e posteriormente de Ryo. Sem hesitar, Iori começa a realizar uma sequência rápida de selos. Como resultado, milhares e mais milhares de gotículas de água começaram a ser conjuradas em volta do mesmo, e logo em seguida dispersadas para longe, enquanto mais gotículas iam surgindo.

— Suiton: Mizudoumu no Jutsu! (Técnica da Redoma de Água)
(...)


Última edição por Fësant em Qui 21 Abr 2011, 18:19, editado 7 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Episódio 52: O Julgamento da Folha   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Episódio 52: O Julgamento da Folha
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Dungeons em Dragons(Caverna do Dragão) Ultimo Episódio
» [EVENTO] MONTE SUA QUEST BASEADA NOS EPISÓDIOS DA SÉRIE POKEMON!
» Episódios Shippuuden [Spoiler-Alert]
» Assustador! - Episódio 1 "A Mansão Velha"
» Star Wars Episódio VII: O Legado dos Sith (Crônica Livre)

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto: Shinobi no Sho - Sistema D8 de RPG :: Tópicos Arquivados :: Arquivos do Fórum :: Naruto SnS Online :: Toua: O Oriente :: Toua: Hajime :: História :: Episódios :: 3ª Temporada :: Incompletos-
Ir para: