Fórum destinado a divulgação e composição do RPG - Naruto ''Shinobi no Sho'' - Sistema D8
 
InícioPortalFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Menu
CSS MenuMaker
Últimos assuntos
» Episódio 47 | Encontros Esperados
Ontem à(s) 18:09 por Inozaki

» Episódio 46 | De volta a Konoha
Seg 12 Jun 2017, 14:46 por Fësant

» Episódio 45 | Shu
Seg 12 Jun 2017, 14:29 por Fësant

» Episódio 44 | A Aliança
Seg 12 Jun 2017, 14:11 por Fësant

» Episódio 43 | O Espião e o Outro Lado
Seg 12 Jun 2017, 11:47 por Fësant

» Episódio 42 | Planos para o Retorno
Qua 05 Abr 2017, 00:01 por Fësant

» Lançamento: Shinobi no Sho!
Dom 26 Mar 2017, 16:01 por Fësant

» Naruto ''Shinobi no Sho'' - Livro Básico
Seg 06 Fev 2017, 04:54 por Fësant

Parceiros

Licença
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Compartilhe | 
 

 As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 20:20

(...)
Tanto tempo havia se passado... Cada dia junto àquele homem representava um passo mais distante de seus reais objetivos. Em um canto do País do Fogo, a Vila Oculta da Folha e a Vila Oculta do Vulcão travavam uma guerra. No outro lado, o Deus Zero, o Deus do Gelo, e seus dois subordinados chegavam a mais um esconderijo. Este, um pouco mais rústico que os demais. Aparentemente, o fato de o Deus Zero querer ficar no País do Fogo tinha algo a ver com a Guerra entre You e Konoha. Mas isso pouco importava àquele shinobi. E sua estada naquele local pouco representaria também, se Yoni Hioku não tivesse lhe dito aquela frase:

— Hum... A alguns quilômetros ao sudoeste daqui, eu notei um agrupamento de pessoas. Shinobis, para ser mais preciso. E, aliás, com chakras que chegam a remeter ao seu. Achei que gostaria de saber.

Seria possível que o acaso havia lhe trazido justo ao lugar que tanto procurava...? De toda sorte, só haveria uma forma de saber...


ABERTURA






(...)


Última edição por Fësant em Qui 24 Mar 2011, 20:33, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 21:23



...Distante, devaneios estufavam a mente do rapaz em meio a viagem para mais um dos milhares de esconderijos pertencentes ao clã Yoni. Senão a ausência de afazeres, sua inquietação - proporcionada pelas intermináveis barreiras imbutidas em seu trajeto - logo retiraria o melhor de sua boa fé. Adentrar a caverna, ao menos, era meio caminho andado para o descanso. Seguindo em frente, sequer observou os demais detalhes da estrutura local; adentrar esconderijos secretos tornou-se, a final, apena mais um pedaço de sua péssima rotina.
...Tão logo pensou em sentar-se, a notícia repentina bateu-lhe como o mais poderoso estimulante. De sobrancelhas franzidas, Daikyuu cruzou olhares com seu suposto companheiro, esvaindo aura de preocupação. Em contraresposta, susurrou de forma sussinta e, às pressas, retirou-se na primeira oportunidade; investigações faziam-se necessárias, afinal: - Que fique entre nós.



Última edição por Uchiha Daikyuu em Sex 07 Jan 2011, 21:40, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 21:23

(...)
E em Konoha’gakure no Sato, o jovem Hokage, em sua sala, encontrava-se despachando mais e mais comandos, ordens. Lenta e respeitosamente, um jounin adentrava o local. Assim que o Nidaime nota sua presença, pede um minuto de pausa para suas duas secretárias, para que assim pudesse se comunicar com o shinobi convocado.

— Bom dia. Chamei-o rapidamente porque preciso que complete uma importante missão, sozinho...

Mal pôde terminar o que iria dizer. Outro shinobi, um alegre chuunin, entrava na sala, que estava de portas abertas. Aproveitando o ocorrido, Uchiha Yusuke refaz suas afirmações.

— Olá, Namito. Já ia mandar chama-lo também. Não sei se já se conhecem, mas este é Kaguya Rayden, um dos nossos jounins recém-formados. Preciso que vocês dois realizem uma missão importante — Yusuke pega um pergaminho sobre a mesa e estende para Rayden. Quando este pega o objeto, continua — Quero que viajem rapidamente para o Vale da Fronteira. Lá, vocês precisarão encontrar, ou deixarem ser encontrados por, um grupo de shinobis autônomos. Lembrem-se de falar que estão em missão não hostil e peçam para entregar este pergaminho ao líder deles. Esperem uma resposta do líder e então voltem para Konoha. Se por acaso eles forem hostis, lutem, mas somente o suficiente para fugir. Estão dispensados.
(...)


Última edição por Fësant em Qui 24 Mar 2011, 20:34, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Rukawa
Notável
Notável
avatar

Mensagens : 21
Data de inscrição : 24/07/2010

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 21:45

><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><
Adentrava a sala olhando e já prestando atenção em Yusuke -- Boa dia -- comprimentava ele e todos que estavam lá, mexendo com a cabeça para baixo. Logo olhava para o Chunnin Namito e esperava ser apresentado por yusuke a ele então o comprimenta -- olá -- novamente voltava a sua atenção a Yusuke e a missão. Depois pega o pergaminho e o guarda em seu bolso do colete, depois presta bastante atenção nas explicações finais da missão e diz -- Ok Yusuke estamos indo -- se vira junto a namito e caminha em direção a saida de konoha para o local marcado. ><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><><
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 21:46

.. Namito adentrava sorrindo -- Licença Sr. Hokage... Vim aqui para... AHHHHH O QUE ELE FAZ AQUI!!! - o garoto estava travado apontando o dedo para o jovem Jounin... Logo ele percebe que estava pagando mico e então volta a posição normal... Cruzando os braços e virando o rosto na direção oposta a seu novo colega -- O que ele faz aqui? Digoooooo... Quero dizer... Prazer...- fica bicudo, evitando olhar para o Jounin...

Lembrança:
"... Namito estava correndo para adentrar uma área proibida de Konoha e então o jovem e promissor Jounin, Rayden, aparece imepdindo sua passagem... Logo o ancioso Namito grita -- AH ENTÃO TERA QUE ME PARAR... Quero ver se consegue...- o jovem Chuunn parte para cima do experiente shinobi iniciando um rápido combate...

... Instantes depois...
... Namito estava caido no chão com os olhos esbugalhados e o corpo todo estirado e torto... -- Ai ai ai... Acho que desloquei meu ombro e meu joelho...- mais ao fundo Rayden estava parado e calmo..."


... Retornando a sala, o jovem shinobi se mantem calado na sala com um rosto de puro egocentrismo e autoconfiança... Ao ouvir as palavras do Hokage pensava rapidamente "Se ele se formou recentemente, quer dizer que eu ficarei no comando da Missão hehehe... Calma, HUM??? RECEM JOUNIN!!!" os olhos de Namito olhavam com certo espanto Rayden e tambem certa repulsa -- QUER DIZER QUE EU FICAREI SOB O COMANDO... - quase que sussurando ele continua -- De... le...- agora com sua expressão totalmente triste e desanimada o Chuunin fica parado ouvindo o resto da Missão...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 21:46

(...)
Notícias de Konoha chegaram aos ouvidos daquele outro Uchiha. Notícias nada agradáveis. Pelos rumores, que de tantos passaram a representar uma verdade, o restante do clã Uchiha, o qual o Nukenin havia poupado por ser fiel ao Hokage, havia sido misteriosamente exterminado, sob o nariz do próprio líder da Folha. Sendo isto verdade, toda a linhagem e história do grande clã estariam perdida.

Todavia, uma recordação veio à mente: em sua viagem de anos, a serviço do antigo Hokage, Kurama Myuura, Yahiko havia realizado contato com um grupo de shinobis autônomos: uma parcela do clã Uchiha que vivia além de Konoha. Naquele momento, aquele grupo significava a única esperança para o reerguer do clã, e um novo contato com o eles se fazia necessário, pois muitos eram aqueles que desejavam a destruição total do sangue Uchiha.
(...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Inozaki
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 365
Data de inscrição : 21/11/2009
Idade : 22

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 21:54

Aquele era um simples local no meio da floresta. Ainda no país do fogo, duas pessoas se posicionavam onde se podia chamar de 'ponto de encontro'. Era uma grande rocha, mas nada mais que aquilo. Um objeto que servia como ponto de referência para ambos. Foi quando um deles, ao receber a notícia tão aguardada, a razão de tal conversa, se levantou. Até então se encontravam os dois sentados sob aquela região, e pareciam estar dialogando faz algum tempo. Ao se manter de pé, a essência de seu rosto veio atona, revelando a sua verdadeira identidade. Mais que isso, os seus olhos agoram lhe tornavam inconfundível por qualquer um que os visse. Este mirou o demais homem ali, e proferiu suas primeiras palavras, em resposta ao que lhe fora dito.

-- Dispensado. - Pareceu ter total controle sobre com quem conversava, quando finalmente se tornou perceptível que algo ali estava errado. Era notável a total manipulação que aquele que fornecera as informações estava exposto, e que sua ida a tal local fora nada mais que um comando do Uchiha ali presente.

O Nukenin então, após tais palavras, sumiu dali, deixando uma pequeno rastro de fumaça. O mesmo havia ido finalmente de encontro ao seu destino, fazer contato com aqueles que tanto pretendia, ainda mais nesse momento tão necessitado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 22:00

(...)
Certo de que teria algum tempo sem que Kazuya se importasse com sua ausência, Daikyuu avança em velocidade, no sentido indicado pelo então companheiro Yoni. A busca não seria fácil. Sendo um clã renegado, aqueles shinobis deveriam estar bem ocultos pela densa floresta que ambientava aquela região. Mesmo não sendo um exímio rastreador, o Uchiha observava cada detalhe, enquanto viajava pelo alto das árvores, no intuito de encontrar uma pista, uma mínima pista que seja.

Mas algo incomum ocorreu. Distraído na busca, o Uchiha quase que não notou uma revolução de ventos se formar em suas costas. Virando-se intuitivamente, percebe que um ataque havia sido lançado contra si. O tempo era pouco, mas havia chance para a esquiva.
(...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 22:18



...Batida por batida seu coração reverberava o sentimento angustiante de ansiedade quando tão próximo à seu amado clã; poucas foram as oportunidades de contato após Konoha tornar-se apenas outra sombra de seu passado e, justo em momento tão oportuno, a unanime chance de rever raízes caia em seu colo. Por demais favorável, a situação gritava perigo - suas suspeitas acerca desta possibilidade fortificaram-se quando, de súbito, um vendaval desigual aproximou-se velozmente por sua retaguarda.
...Sem tempo apropriado para reações complexas, Daikyuu formou um único sinal de mãos afim de liberar uma pequena quantidade de chakra; seu corpo atirou-se contra o chão da floresta, visando um pouso sobre o solo arenoso, à medida que os ventos cortantes arrebateram sua fúria n'uma imagem deixada em seu lugar, criada sob galhos e folhas durante a realização da técnica de substituição do corpo. Com sorte, seria capaz de evitar o golpe e ocultar-se na mata à espreita de seu agressor.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 22:28

(...)
O Kawarimi no Jutsu foi executado bem a tempo. Os ventos revoltavam-se furiosamente, até que a imagem deixada para trás se transformasse em finos tabletes disformes de madeira destroçada. E enquanto os restos da técnica caíam ao chão, Daikyuu buscava um lugar para se ocultar. Contudo, seus passos não eram tão leves e discretos quanto o necessário. Logo após ter se movimentado para detrás de uma árvore, o Uchiha ouve o som de um novo ataque. A voz não podia ser totalmente distinguida. Era abafada, como quem fala com a boca encoberta por um pano, ou algo do tipo.

— Fuuton: Dai Kamaitachi!
(...)


Última edição por Fësant em Qui 24 Mar 2011, 20:36, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 23:03



...Inabalado por ataques ingênuos, seu caráter ofensivo atenuou-se ao simplesmente retirar-se da proteção da árvore - no ritmo de seus passos, ambas as mãos moviam-se a frente do corpo para a formação de uma sequência rápida de selos. Uma técnica de fogo, se bem aplicada, seria suficiente para contra-atacar o desafortunado oponente! Conforme puxou ar para os pulmões, Daikyuu ativou o presente de sua linhagem, ruborizando os olhos não apenas pelas luzes das chamas que agora saiam de sua garganta, mas pelo despertar do Sharingan: - Katon: Karyuudan no Jutsu!


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 23:17

(...)
Muito habilmente, Daikyuu ainda conseguiu adiantar o passo e virar-se para executar sua sequencia de selos. O resultado foi um grande projétil de fogo em forma de dragão, que avançou contra a tempestade de vento, aproveitando-se do ar para alimentar sua força. No final, o grande dragão formado se alastrou por 10 metros a frente, deixando seu rastro de chamas.

O contra-ataque realmente pegou o inimigo de surpresa, que agora tinha sua presença revelada pelas árvores e arbustos que queimavam à sua volta. Tratava-se de um shinobi não muito alto, com largas roupas pretas e um capuz, que somente deixava à mostra os olhos negros. Em sua mão direita, tinha uma espada de tamanho mediano, mas de lâmina larga. Uma arma de tipo exótico.

Por um momento, os olhos negros do inimigo somente fitaram fixamente os olhos rubros de Daikyuu. Segundos depois, a expressão daqueles mudou, transformando-se em puro ódio que transformou não somente a feição do olhar, mas a própria íris dos olhos negros. Estas tornaram-se tão rubras quanto as de Daikyuu, que de logo pôde reconhecer naquele inimigo o mesmo sangue que corria em suas veias.

— Reconheço você: Uchiha Daikyuu. Você traiu Konoha. Nós não nos importamos com ela, mas foram por shinobis como você que nossos irmãos que lá moravam foram assassinados. Assim como eles, você morrerá aqui, porém pela lâmina de minha espada! — A voz abafada mal ecoava no local.

O inimigo avançou em direção ao Uchiha, buscando levar o combate para a luta corporal. Com seu Sharingan, Daikyuu notou que a lâmina da espada estava embebida de chakra da natureza Fuuton. Receber um golpe daquela arma, pois, seria problemático.

(...)


Última edição por Fësant em Qui 24 Mar 2011, 20:40, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 23:38



...Com o criptar das chamas, olhos avermelhados cruzaram ameaçadas silenciosas em meio à floresta. Paciente, porém ríspido, Daikyuu estendeu a mão de forma a mostrar três dedos: - Trinta segundos! Essa é a previsão estimada de quanto tempo levarei até derrotá-lo. Não jogue em mim a culpa da podridão que corre nas veias do clã; são homens como você, ignorantes e estúpidos, que nasceram em uma geração anterior a minha com o simples propósito de derrubar o nome Uchiha para a lama. Acredita tão cegamente nas palavras dos líderes de Konoha, e como um verdadeiro cão, é capaz de ir apenas até onde a correia de seu mestre lhe permite! Vim de longe com o propósito de reinteirar a sanidade e o orgulho que todo Uchiha deveria ter já em seu nascimento, todavia, me recuso a assassinar um dos meus. Não me deixa escolha senão pará-lo. - Repentinamente, seu corpo projetou-se tão logo seu inimigo dera o primeiro passo. Pretendia manter-se o mais afastado possível, evitando o combate direto. Em sua rápida transição, feiches de luz marcaram a trajetória pela qual seguiu, advindas da descarga elétrica proveniente de sua técnica.






Última edição por Uchiha Daikyuu em Sab 08 Jan 2011, 12:54, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sex 07 Jan 2011, 23:52

(...)
A esquiva da Daikyuu foi perfeita. Utilizando seu Shunjutsu, o mesmo afasta-se facilmente da distância corporal. Sem perda de tempo, o inimigo move sua espada, cortando o ar. Tal gesto faz o mesmo se revoltar novamente, criando um ataque já visto e combatido anteriormente pelo Uchiha. E enquanto os ventos sopravam violentamente, o inimigo respondia às palavras do adversário.

— Se você se considera um “grande homem”, como suas palavras arrogantes mostraram, deveria estar em Konoha e liderar o clã para a independência da Folha. Se tivesse feito isso, eles ainda estariam vivos!
(...)


Última edição por Fësant em Qui 24 Mar 2011, 20:41, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 00:12



...Com um sorriso, Daikyuu formulou uma rápida sequência de selos, levando, em seguida, seus dedos rente aos lábios; o que pretendia seu oponente ao utilizar d'uma técnica que provou-se ineficaz mesmo quando o elemento surpresa estava a seu favor? A brisa que cruzava a outra extremidade da área de combate agitou-se, e logo, um dragão de vento emergiu sob seu comando. Quando este rumou o oponente, outro gigantesco dragão de fogo foi propelido em linha reta, unindo-se à técnica de vento para a criação de uma torrente incandescente de chamas: - Katon: Dai Karyuudan no Jutsu ! - Esperançosamente, isto não seria o suficiente para ferir o oponente de forma permanente.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 00:20

(...)
A percepção aguçada concedida pelo Sharingan dessa vez não foi o suficiente para Daikyuu. Antes que este pudesse terminar a sequência de selos, a potente ventania já o alcançava e o contra-ataque se mostrou impossível. Tentando agir rapidamente, o Uchiha buscou esquivar-se do ataque, mas isto também não foi possível. O Dai Kamaitachi, antes vencido, agora se mostrava poderoso, vencendo e cortando o corpo do jovem Nukenin.

Com a força do ataque, Daikyuu foi levemente arrastado para trás, mas permanecia de pé. Com a vitória do ataque, o inimigo simplesmente permanece parado, esperando a reação do oponente.
(...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 00:42



...Não importa quão tolo, um Uchiha é, ainda assim, um Uchiha, e jamais deveria ter subestimado o poder que corre no sangue de sua própria família. Franzindo as sobrancelhas, Daikyuu se viu sem opções senão elevar o grau do combate - seus olhos vislumbraram a aura de chakra de seu oponente, observando os padrões contidos em seus movimentos e demais ações. Buscava traçar um perfil, apontando seus maneirismos, para assim adquirir vantagem ao aproveitar-se dos erros de postura. Ademais, uma repentina carga elétrica instaurou-se em seus músculos, afiando seus reflexos e velocidade corporal através da infusão de energia. Como última ação, elevou as mãos até o peito para uma sequência rápida de selos. Ao fim, a liberação de chakra criou uma misteriosa aura azulada que, logo, encobriu toda a estensão de seu ante-braço: - Estou tomando o fardo de limpar o clã por vontade própria, e não obrigação. Vocês, os quais vivenciaram o decair dos Uchiha ainda em sua juventude, são aqueles que verdadeiramente deveriam ter impedido tudo isso! Não vim aqui causar mau adicional ao restante do clã. Seu curso de ação é exemplo da razão pela qual fomos quase extintos.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 13:35

(...)
O inimigo observa atentamente a formação daquele jutsu, constatando que o Uchiha iria avançar em combate corporal, com uma desconhecida técnica Raiton. Sem hesitar, finca a espada no chão, realizando rápidos selos enquanto pronuncia palavras de resposta:

— A obrigação de cuidar do clã é de todos. Não queira se eximir, dizendo que está aceitando um fardo por conta própria, com se fosse o grande salvador de nossa linhagem. Não venha dizer balelas! — a última frase soou em claro tom de repulsa, manifestado também pela formação de chakra que envolvia o corpo do oponente que, ao terminar a sequencia de selos, enunciava sua técnica — Katon: Enkoudate no Jutsu!

O chakra em torno daquela figura se tornou ardente, transformando-se em uma incomum proteção: uma película protetora de puro fogo. Empunhando novamente sua arma, ainda envolvida pelo chakra da natureza do vento, o adversário adquire uma postura defensiva, convidando Daikyuu a concluir seu intento.

— Sua existência sim é um fardo, uma mancha para o clã. Nós iremos reerguê-lo, imponente e desvinculado de qualquer vila shinobi, limpando as manchas do passado, como você! E você morrerá pelas minhas mãos, Uchiha Daikyuu!
(...)


Última edição por Fësant em Qui 24 Mar 2011, 20:42, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 14:24



- Vejo que, então, este será o fim do combate. - Ávido pelo desfecho da luta, Daikyuu adentrou postura ofensiva, de forma a arrastar ambos os pés através do solo arenoso, separados, a fim de obter impulso necessário para alcançar seu oponente. Com a liberação do chakra pútrido contido nos confins de sua reserva, manchas negras agruparam-se uma após a outra sobre a pele do rapaz, adornando seu semblante em algo maligno e repulsivo; era a manifestação de suas intenções assassinas, agora representadas pela dança de seu chakra denso, o qual esvaia em ambundância pelo corpo e impregnava a vegetação local com suas cores arroxeadas. Com um movimento rápido, Daikyuu saltou rente ao chão, cortando caminho feito um raio em direção a seu oponente - a junção de Raishin, Raitatsu e sua infusão de correntes elétricas transformou o jovem em um borrão reluzente. Em meio ao caminho, gritou: - Desapareça !


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 15:03

(...)
Somente um feixe de luz pode ser visto pelo inimigo, que não conseguiu notar o movimento de Daikyuu, mesmo com o Sharingan. Quando se deu conta, o Uchiha estava bem a sua frente, pronto para completar o ataque, indefensável. O punho Raiton alcançou levemente o tórax do alvo, no lado esquerdo, percorrendo-o até chegar ao ombro, onde todo o estrago foi sentido. Após a explosão interna final da técnica, somente o sangue adversário tomou a cena. Os respingos ainda chegam ao rosto de Daikyuu, que observava friamente o êxito de sua investida.

Devido ao chakra Raiton da técnica, o Uchiha nem sentiu os efeitos daquele escudo de calor. A dor intensa provocada pelo ferimento fez o inimigo cair de joelho, enquanto o sangue teimava em cair. Os olhos do mesmo perderam parcialmente o foco.

Daikyuu pula rapidamente para trás, afastando-se. Ao completar o movimento, nota que, provavelmente devido à dor sofrida pelo ataque, o inimigo havia perdido um pouco do controle de seu Enkoudate, o que ocasionou a queima, mesmo que em parte, do seu largo traje negro. E eis que um pequeno detalhe veio aos olhos do Uchiha: a roupa queimada deixou à mostra um colo, que desembocava no inicio de uma parte de corpo essencialmente feminina.

O inimigo se levanta, recompõe-se. Empunhou sua espada, apontando-a para Daikyuu. E logo, até a mesma ficou envolta pelo chakra Katon, que ao se unir com o Fuuton já existente, deu origem a uma magnífica arma de chamas reluzentes. E por fim, a voz abafada pelo pano que cobria o rosto novamente foi ouvida:

— Ainda não acabou.
(...)


Última edição por Fësant em Qui 24 Mar 2011, 20:43, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 15:21



Uma mulher? Possibilidades formularam-se em sua mente quando constatou o sexo do inimigo que, unido a suas habilidades singulares, criavam o perfil inconfundível de uma única pessoa - em todo o caso, Daikyuu desejava estar profundamente enganado. Eliminar esta pessoa significaria uma perda pela qual não estava disposto a pagar, a final. Desembainhando sua espada, rodopiou-a no ar velozmente conforme a arremessou poucos metros para o alto a fim de aproveitar a oportunidade para a realização rápida de poucos selos: - Fuuton: Fuukakoi no Jutsu! - O ar ao redor do inimigo movia-se com o toque de seu chakra, e vez esta que a espada retornou para suas mãos, zarpou contra a moça feito um missil. A intensão de seu ataque corpo-a-corpo era simples: arrancar a máscara com o fio de sua lâmina.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 15:44

(...)
Naquele momento, a luta para o Uchiha já havia tomado outro sentido. O estilo de luta e o detalhe do busto do oponente havia trazido ao Nukenin as lembranças sobre uma certa pessoa, há muito tempo longe de seus olhos. Naquele instante, a única coisa que desejava era obter a identidade do adversário, rompendo sua máscara com a katana.

O inimigo observou a investida de Daikyuu, dessa vez mais atento e seguro, e o poder do Sharingan agora se manifestou contra o Nukenin: o oponente conseguiu prever o movimento de ataque, ao ponto de conseguir mover sua espada ofensivamente, contra-atacando.

A espada em chamas golpeia Daikyuu na altura de sua cintura, causando um misto de dano cortante e incandescente. Simultaneamente, a lâmina da katana do Uchiha acertou seu alvo. A máscara negra foi cortada e arrancada do rosto do inimigo, sem causar-lhe danos.

O Uchiha não espera aquela reação, pois seu jutsu havia sido executado perfeitamente, e sem chances de defesa. Mas a revelação do ocorrido caiu em sua mente de forma rápida de clara: a armadura de fogo havia consumido os ventos, tornando o jutsu inútil.

No final da cena, o Nukenin tinha um ferimento no lado esquerdo de sua cintura, local onde suas roupas também se encontravam queimadas. Do outro lado, a máscara negra deixava lugar a um lindo rosto feminino, com longos cabelos pretos. Um rosto familiar, que correspondeu às suspeitas anteriores. O inimigo era Uchiha Kisumi.
(...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 15:51



- Agora entendo porque não fui capaz de matá-la apropriadamente. Lutas como esta custam-me caro, de fato. - Sorriu, recuando à base de saltos e rodopios. Os ferimentos lhe consumiam por dentro, e adicionalmente, uma quantidade significativa de chakra havia sido perdida naquela batalha vil; não havia forma de prosseguir o combate, visto a inimiga ser quem é. Através das poucas recordações que possui, Kisumi sempre foi mente fechada, a final, mas uma guerreira digno de respeito. Após se recompor, Daikyuu embainhou a espada a medida que desativou o Fuuinjutsu: - A quanto tempo, Kisumi-san. Lembro do dia em que ousei perguntar se tinha um namorado. - Suas outras contramedidas, porém, permaneceram ativas. Não havia o luxo para descuido frente a um inimigo tão disposto a matá-lo.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fësant
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 1664
Data de inscrição : 23/06/2009
Idade : 28

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 16:09

(...)
Um leve rubro veio à face da jovem mulher, que não esperava que suas lembranças fossem reviradas de forma tão inesperada, em meio a um combate. Recompondo-se, mas sem tanto vigor ao empunhar a espada, ela rebate:

— Aquele tempo passou, Daikyuu. A morte de minha família me transformou em outra pessoa. Se não fossem os shinobis Uchiha renegados, estaria sozinha... Mas minha história não te interessa em nada. Está se “desarmando”? Afinal, o que quer? O que faz aqui? — Diferentemente do outro Uchiha, Kisumi não abaixa sua guarda, nem por um minuto. A armadura de fogo e as chamas em seu sabre ainda queimavam com a mesma força.

Embora pudesse conhecê-la nos traços, aqueles anos sem ver a garota haviam feito muito bem à beleza da mesma. Cabelos, olhos, lábios... tudo havia ganhado o charme e sabor da feminilidade, aquela que perturba os sentidos de qualquer homem.
(...)


Última edição por Fësant em Qui 24 Mar 2011, 20:44, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://naruto.sistemad8.com
Sarutobi Hakuro
Lendário
Lendário
avatar

Mensagens : 473
Data de inscrição : 03/11/2009
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro

MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   Sab 08 Jan 2011, 16:23



- Sacrifiquei-me pelo clã mesmo antes do fim de nossas raízes em Konoha. Não ouse tratar-me como um renegado barato quando, no fim, sequer sabe uma parte que seja de minha história. Terei em breve o poder para reerguer o clã, e pretendo astear nosso estandarte em uma cruzada para a reconstrução dos Uchiha. A Folha jamais permanecerá em meu caminho, e passarei por cima de todos, mesmo de você. Lembre-se apenas que seu sofrimento não é maior ou mais valioso que o meu, Kisumi, ou que o de qualquer outro de nós. - Dada sua mensagem, não havia o que ser feito senão aguardar pela escolha final de sua adversária. Kisumi não merecia a morte e o sofrimento os quais haviam sobre ela recaido, e perda alguma dentro do clã era válida, mesmo se significasse o decair de todos os outros. Em guarda, Daikyuu permaneceu em postura confiante.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
As Crônicas do Sharingan: Os Dois Mundos
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 3Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Quest - Xeque-Mate: Guerra de Dois Mundos
» Sharingan Nível 2
» [FANFIC] As crônicas de um marinheiro - O torneio sombrio
» Qual é o Mangekyo Sharingan mais forte na tua opinião?
» Tem como usar S922 com dois satélites sem chave DiseqC?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto: Shinobi no Sho - Sistema D8 de RPG :: Tópicos Arquivados :: Arquivos do Fórum :: Naruto SnS Online :: Toua: O Oriente :: Toua: Hajime :: História :: Fillers e OVAs-
Ir para: